Site lança aplicativo Detector de Corruptos com reconhecimento facial; veja como funciona...
Há também um plugin para navegadores que destaca o nome de políticos "ficha suja" e informa a ficha judicial


Lançado este mês, o aplicativo chamado de "Detector de Corruptos" é gratuito e apartidário, e utiliza reconhecimento facial para identificar os políticos. Depois, fornece informações completas sobre quais crimes foram praticados por eles. Basta apontar a câmera do celular para a face dos políticos para que o aplicativo entregue todos os inquéritos instaurados contra a figura pública.
O site do aplicativo informa que o reconhecimento facial funciona com diversas imagens: de comerciais televisivos, debates, santinhos, cartazes, imagens de jornal, vídeos da internet e muitos outros. Além de informações do aplicativo, o site conta com uma ferramenta que destaca, em qualquer site, os nomes de políticos com pendências na Justiça.

Após instalar o plugin no navegador, sempre que surgir o nome de um político condenado, processado ou investigado durante a navegação normal, o plugin grifa o nome de roxo. Depois, é so passar por cima do nome para conferir a ficha judicial do político.
Nos bancos de dados do aplicativo há governadores e vices, deputados federais que foram eleitos a partir de 2014, senadores eleitos desde 2010, presidentes e vice-presidentes que ainda estejam vivos, candidatos à presidência e aos governos estaduais listados no Datafolha e Ibope. Já quanto aos políticos que foram anunciados como pré-candidatos para as eleições de 2018, o banco de informações do app inclui aqueles que querem se tornar presidentes e governadores.
O aplicativo para celulares está disponível para Android e iOS.


Comentários

Leia também...

Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar pai dentro de presídio no Ceará

"Censura" - PSOL partido aliado do PT pede para TSE suspender funcionamento do WhatsApp em todo país

“Quem tem o apoio de milhões de brasileiros não precisa pagar”, disse estrategista digital de Bolsonaro

Rotary Club de Araras Sul organiza a 1a. Noite Carré e Picanha

Moro diz que não tentou influenciar eleição e acusa petistas de intimidação

Após Sindicância Interna ex- diretora de educação de Conchal Mariana Mani Moura foi exonerada do quadro de servidores do município

Bolsonaro acrescenta em seu plano de governo o 13º salário para os beneficiários do Bolsa Família

Acreditando que os brasileiros têm memória fraca e subestimando a inteligência do eleitor, PT muda estratégia e tira nome de Lula e cor vermelha de campanha

Saúde de Conchal promove Campanha Outubro Rosa

Todas as Publicações

Mostrar mais