Relógios se alteraram automaticamente durante a madrugada e confundiram os usuários na manhã deste domingo (21)


O horário de verão foi adiado e começará apenas no dia 4 de novembro. No entanto, muitas pessoas acordaram confusas, neste domingo (21), por causa de um erro que fez os relógios dos celulares adiantarem uma hora automaticamente.



É a segunda vez que o horário dos celulares falha e prejudica os usuários.

Clientes das operadoras Vivo, TIM e Claro usaram as redes sociais para reclamar do problema. Muitas pessoas saíram da cama nesta manhã com a sensação de estarem atrasadas.

 Algumas operadoras de TV a cabo e os tradicionais relógios de rua da cidade de São Paulo também apresentaram o problema.

Isso aconteceu porque essa mudança de horário costuma ocorrer no terceiro domingo de outubro.

Neste ano, a data foi alterada para não prejudicar a realização das Eleições 2018 e da prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).


Pela segunda vez

Na semana passada, usuários da operadora TIM tiveram uma segunda-feira conturbada. Os aparelhos mudaram de horário automaticamente durante a madrugada e os despertadores tocaram mais cedo do que o esperado.




Comentários

Leia também...

PREFEITURA INICIA LIMPEZA DOS RESERVATÓRIOS DE ÁGUA COMEÇANDO PELAS CAIXAS DO CENTRO DA CIDADE.

Prefeito de Conchal acaba de anunciar que todos os postos de saúde passarão a fazer agendamentos diários

Aposentado e motorista de ônibus escolar foram presos suspeitos de estuprar menina de 12 anos em Aguaí, SP

Desde o início do ano mais de 700 pessoas deram entrada no hospital Madre Vannini com virose saiba como se prevenir

Bolsonaro assina decreto que facilita a posse de armas no Brasil

'Superlua de Sangue' ficará visível neste domingo

Merenda escolar de Conchal alcança 66% de satisfação, diz pesquisa INDSAT

Doria proíbe consumo de bebida alcoólica em postos de gasolina

Bolinho de bacalhau receita portuguesa reconhecida a 114 anos

Enem 2018: Inep divulga resultados; saiba como consultar a sua nota

Todas as Publicações

Mostrar mais