Novidade!

Manifestantes fazem atos contra bloqueios na educação nesta quarta-feira (15)


Protesto no Largo do Rosário, em Campinas, contra bloqueio de verbas da Educação. — Foto: Luciano Calafiori/G1

Nesta quarta-feira (15) todos os estados e o Distrito Federal registraram manifestações contra o bloqueio de recursos para a educação anunciado pelo Ministério da Educação (MEC). Universidades e escolas também tiveram paralisações após serem convocadas por entidades ligadas a sindicatos, movimentos estudantis, sociais e a partidos políticos.

Protesto unificado em defesa da educação reúne milhares de pessoas em Belo Horizonte — Foto: Reprodução/TV Globo

Entenda o contingenciamento de verba nas federais

O Ministério da Educação (MEC) bloqueou, no final de abril, uma parte do orçamento das 63 universidades e dos 38 institutos federais de ensino. O corte, segundo o governo, foi aplicado sobre gastos não obrigatórios, como água, luz, terceirizados, obras, equipamentos e realização de pesquisas. Despesas obrigatórias, como assistência estudantil e pagamento de salários e aposentadorias, não foram afetadas.

Ao todo, considerando todas as universidades, o corte é de R$ 1,7 bilhão, o que representa 24,84% dos gastos não obrigatórios (chamados de discricionários) e 3,43% do orçamento total das federais.

Por meio de nota, o MEC informou que "está aberto ao diálogo com todas as instituições de ensino para juntos buscarem o melhor caminho para o fortalecimento do ensino no país".

No Texas (EUA), o presidente Jair Bolsonaro falou sobre as manifestações.

"A maioria ali é militante. É militante. Não tem nada na cabeça. Se perguntar 7 x 8 não sabe. Se perguntar a fórmula da água, não sabe. Não sabe nada. São uns idiotas úteis, uns imbecis que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas universidades federais do Brasil", afirmou Bolsonaro.

Ele também disse que não gostaria de contingenciar verbas, mas que o bloqueio é necessário.

Protesto contra bloqueio de verbas na Educação ocupa parte da Esplanada dos Ministérios, em Brasília — Foto: TV Globo/Reprodução


*As informações são do portal ‘’G1’.

Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Guarda Municipal prende segundo acusado de ter assassinado a facadas o pintor Wesley Ribeiro, 24 anos. O crime aconteceu em 9 de março deste ano

Conchal terá barreira sanitária na entrada da cidade a partir desta quinta-feira (21)

Novo caso de coronavirus é confirmado em Conchal neste sábado (23). O paciente tem 12 anos e pertence a região sudeste do município

Curados- Todos os pacientes que testaram positivo para Covid-19 em Conchal receberam alta

Enfermeira é suspensa de hospital após atender pacientes com Covid-19 apenas de lingerie

Conchal não antecipará feriado de Corpus Christi

Conchal realiza barreira sanitária com controle de temperatura no acesso da cidade

Prefeitura distribui cestas básicas para alunos da Rede Municipal de Ensino

Policia Civil de Conchal apreende menor que escondia drogas dentro de casa

Resposta Rápida – Policia Civil de Conchal prende um dos suspeitos de ter participado do assassinato do pintor Wesley Ribeiro, 24 anos. O crime aconteceu ontem 09/03. Assista vídeo da prisão.

Todas as Publicações

Mostrar mais