Novidade!

Foto de casal se beijando diante de leão abatido gera revolta

Fotografias de casal canadense gerou indignação.



A foto que mostra um casal de turistas canadenses se beijando diante de um leão, que havia acabado de ser morto durante um safari na África do Sul, após ser compartilhada pela empresa de turismo Legelela Safaris, gerou revolta.

Em sua página do Facebook, a empresa escreveu nas legendas das fotos ‘’ Trabalho duro sob o sol do Kalahari. Trabalho bem feito. Um leão monstruoso”, “Não há nada como caçar o rei da selva nas areias do Kalahari”.

As imagens provocaram revoltas e chamou a atenção de defensores de animais. Eduardo Gonçalves, o fundador de uma campanha que tentar proibir a caça por troféu, acredita que os leões foram capturados e criados com o único propósito de serem mortos por caçadores.


Em entrevista ao jornal The Mirror, os canadenses, identificados como Darren e Carolyn Carter, disseram: "Não estamos interessados em comentar sobre isso. É uma questão política".


A Legelela Safaris tem uma lista de preços conforme o animal que o caçador pretende matar. Segundo o jornal Daily Mail, a empresa chega a cobrar £ 2.400 (cerca de R$ 11.300) pela caça de uma girafa e £ 2.000 (cerca de R$ 9.400) por uma zebra. Eles também oferecem leopardo, elefante, rinoceronte e leões.


Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Novo caso de coronavirus é confirmado em Conchal neste sábado (23). O paciente tem 12 anos e pertence a região sudeste do município

Conchal confirma neste sábado (30) novo caso testado positivo para Covid-19. Veja nota emitida pela prefeitura de Conchal.

Quarentena em SP é prorrogada por 15 dias com flexibilização progressiva em diferentes regiões do estado

Policia Militar e Guarda Municipal acabam com festa e aglomeração de pessoas no Jardim das Palmeiras em Conchal.

ENTENDA OS CRITÉRIOS E AS FASES DA RETOMADA DA ECONOMIA DE SÃO PAULO

Mesmo em crise econômica Prefeitura de Conchal quita dívida histórica de mais de 30 anos do Bairro Jardim Esperança

Guarda Municipal prende segundo acusado de ter assassinado a facadas o pintor Wesley Ribeiro, 24 anos. O crime aconteceu em 9 de março deste ano

Coronavirus coloca arrecadação municipal na UTI em Conchal – Em alguns segmentos a queda de receita foi de quase 40%

Parto Normal - Bebê nasce com mais de 5 quilos em maternidade no interior de SP

Todas as Publicações

Mostrar mais