Foto de casal se beijando diante de leão abatido gera revolta

Fotografias de casal canadense gerou indignação.



A foto que mostra um casal de turistas canadenses se beijando diante de um leão, que havia acabado de ser morto durante um safari na África do Sul, após ser compartilhada pela empresa de turismo Legelela Safaris, gerou revolta.

Em sua página do Facebook, a empresa escreveu nas legendas das fotos ‘’ Trabalho duro sob o sol do Kalahari. Trabalho bem feito. Um leão monstruoso”, “Não há nada como caçar o rei da selva nas areias do Kalahari”.

As imagens provocaram revoltas e chamou a atenção de defensores de animais. Eduardo Gonçalves, o fundador de uma campanha que tentar proibir a caça por troféu, acredita que os leões foram capturados e criados com o único propósito de serem mortos por caçadores.


Em entrevista ao jornal The Mirror, os canadenses, identificados como Darren e Carolyn Carter, disseram: "Não estamos interessados em comentar sobre isso. É uma questão política".


A Legelela Safaris tem uma lista de preços conforme o animal que o caçador pretende matar. Segundo o jornal Daily Mail, a empresa chega a cobrar £ 2.400 (cerca de R$ 11.300) pela caça de uma girafa e £ 2.000 (cerca de R$ 9.400) por uma zebra. Eles também oferecem leopardo, elefante, rinoceronte e leões.


Comentários

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Corpo de mulher é encontrado fora da cova e seminu: “Apavorante”

Suspeito de Roubar Joalheria em Conchal é preso pela Policia Civil

Videos - Após chuvas em Conchal, infestação de pequenos sapos assusta moradores

Policia Militar prende dois por tráfico no Parque Industrial em Conchal

Adolescente de 12 anos é estuprada dentro de escola pública em SP

Corpo de menina torturada por pai tem 37 marcas de tiros de arma de pressão, diz Conselho Tutelar

Mais um processo na conta do Presidente da Câmara conchalense - Ministério Público pede condenação do presidente da Câmara de Conchal (Robinho) por “gastos abusivos com combustível”

Justiça determina bloqueio de 407 mil reais do Presidente da Câmara Municipal de Conchal Roberson Claudino Pedro (Robinho) e de Marcelo Aparecido Mandeli, ex-assessor do presidente

Polícia de MT encontra fazenda onde onças-pintadas teriam sido filmadas mortas em caminhonete

Todas as Publicações

Mostrar mais