Moro anuncia demissão do Ministério da Justiça e deixa o governo Bolsonaro Pular para o conteúdo principal

Moro anuncia demissão do Ministério da Justiça e deixa o governo Bolsonaro


Ex-juiz da Lava Jato foi anunciado como ministro de Bolsonaro em novembro de 2018. Moro é o nono ministro a sair do governo.

 

 O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, anunciou a demissão nesta sexta-feira (24). O ex-juiz federal deixa a pasta após um ano e quatro meses no primeiro escalão do governo do presidente Jair Bolsonaro.

 

A demissão foi motivada pela decisão de Bolsonaro de trocar o diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo. Valeixo foi uma indicação do agora ex-ministro. A Polícia Federal é vinculada à pasta da Justiça.


 Ao anunciar a demissão, Moro afirmou que disse para Bolsonaro que não se opunha à troca de comando na PF, desde que o presidente lhe apresentasse uma razão para isso.


 Moro disse ainda que o problema não é a troca em si, mas o motivo pelo qual Bolsonaro tomou a atitude. Segundo o agora ex-ministro, Bolsonaro quer “colher” informações dentro da PF, como relatórios de inteligência.

 

“O grande problema é por que trocar e permitir que seja feita interferência política ano âmbito da PF. O presidente me disse que queria colocar uma pessoa dele, que ele pudesse colher informações, relatórios de inteligência. Realmente, não é papel da PF prestar esse tipo de informação”, disse Moro.

 

“Presidente, eu não tenho nenhum problema em troca do diretor, mas eu preciso de uma causa, [como, por exemplo], um erro grave”, disse Moro.


 

De acordo com Moro, ele disse para Bolsonaro que a troca de comando na PF seria uma interferência política na corporação. Ele afirmou que Bolsonaro admitiu a interferência.

 

“Falei para o presidente que seria uma interferência política. Ele disse que seria mesmo”, revelou Moro.

 

O agora ex-ministro contou que Bolsonaro vem tentando trocar o comando da PF desde o ano passado.

 

“A partir do segundo semestre [de 2019] passou a haver uma insistência do presidente na troca do comando da PF.”

 

‘Não assinei exoneração’

 

Moro afirmou ainda que não assinou a exoneração de Valeixo, ao contrário do que aparece no “Diário Oficial”.

 

“Eu não assinei esse decreto e em nenhum momento o diretor da PF apresentou um pedido oficial de exoneração”, disse.

 

‘Carta branca’

 

Moro também disse que, quando foi convidado por Bolsonaro para o ministério, o presidente lhe deu “carta-branca” para nomear quem quisesse, inclusive para o comando da Polícia Federal.

 


“Foi me prometido na ocasião carta branca para nomear todos os assessores, inclusive nos órgãos judiciais, como a Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal”, afirmou o agora ex-ministro.

 

No anúncio, Moro chegou a se emocionar e a ficar com a voz embargada. Foi quando ele disse que havia pedido ao presidente uma única condição para assumir cargo: que sua família ganhasse uma pensão caso algo de grave lhe acontecesse no exercício da função.

 

“Tem uma única condição que coloquei. Eu não ia revelar, mas agora isso não faz sentido. Eu disse que, como estava saindo da magistratura, contribuí durante 22 anos, pedi que, se algo me acontecesse, que minha família não ficasse desamparada”, disse Moro.

 

Demissão do diretor da PF

 

Moro foi surpreendido com a publicação da exoneração de Valeixo nesta sexta-feira. Fontes ligadas ao ministro disseram que ele não assinou a exoneração, apesar de o nome dele constar, ao lado do nome de Bolsonaro, no ato que oficializou a saída de Valeixo.


 Moro foi anunciado como ministro de Bolsonaro em novembro de 2018, logo após a eleição presidencial. O magistrado ganhou notoriedade como juiz de processos da Operação Lava Jato, entre os quais o que condenou o ex-presidente Lula no caso do triplex do Guarujá.

 

Na oportunidade, Bolsonaro garantiu autonomia a Moro na escolha de cargos de segundo e terceiro escalão. O ministro teria “carta branca” no combate à corrupção.

 

“Conversamos por uns 40 minutos e ele [Moro] expôs o que pretende fazer caso seja ministro e eu concordei com 100% do que ele propôs. Ele queria uma liberdade total para combater a corrupção e o crime organizado, e um ministério com poderes para tal”, declarou Bolsonaro à época.

 

“É um ministério importante e, inclusive, ficou bem claro em conversa entre nós que qualquer pessoa que porventura apareça nos noticiários policiais vai ser investigada e não vai sofrer qualquer interferência por parte da minha pessoa”, acrescentou Bolsonaro.

 

Interferências

 

Após o início do governo, Moro e Bolsonaro tiveram uma relação marcada por episódios de interferência do presidente no ministério. Bolsonaro chegou a dizer que tinha poder de veto nas pastas, pois “quem manda” no governo é ele.

 

 

 

Um dos episódios de interferência ocorreu em fevereiro de 2018, quando Moro, após reclamação de Bolsonaro, revogou a nomeação de Ilona Szabó para o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária.

 

Cientista política, mestra em estudos de conflito e paz pela Universidade de Uppsala (Suécia) e fundadora do Instituto Igarapé, Ilona Szabó atuou na ONG Viva Rio e foi uma das coordenadoras da campanha nacional de desarmamento.

 

Bolsonaro é a favor de facilitar o acesso da população a armas e ignorou sugestões feitas pelo ministro da Justiça para o decreto das armas.

 

Valeixo

 

A situação da PF também abalou a relação entre Bolsonaro e Moro. O presidente pretendia desde o ano passado tirar Valeixo do comando do órgão.

 

 

Delegado de carreira, Valeixo foi superintendente da PF no Paraná e atuou na Lava Jato. A experiência o fez ser escolhido por Moro para chefiar a PF.

 

A liberdade que Moro teve para escolher Valeixo e superintendentes regionais da PF foi minada aos poucos. Em agosto de 2018, sem o conhecimento da cúpula da Polícia Federal, Bolsonaro anunciou a troca do superintendente do Rio de Janeiro.

 

A fala gerou ameaça de entrega de cargos na PF. A troca na superintendência ocorreu, mas Moro e Valeixo continuaram nas suas funções.

 

Coaf

A relação entre ministro e presidente também foi abalada, segundo o jornal “O Globo”, pelo fato de Moro ter pedido ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, a revisão de uma decisão que restringiu o compartilhamento de relatórios do Coaf com os ministérios públicos e a Polícia Federal.

 

O movimento do ministro irritou o presidente Jair Bolsonaro, pois a liminar atendia a um pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente.

 

Um relatório do Coaf apontou movimentações atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. A defesa argumentou que dados dessas movimentações foram repassados ao Ministério Público sem a autorização judicial.

 

No caso do Coaf, a transferência do órgão para o Banco Central levou à queda de um dos principais aliados de Moro na Lava Jato, o auditor Roberto Leonel, demitido do comando da estrutura.

 

Coronavírus

 

Com a pandemia do novo coronavírus, Moro e Bolsonaro deram outros sinais de descompasso.

 

Moro defendeu em falas públicas o isolamento como forma de tentar conter o contágio, mais alinhado ao que dizia o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

 

Bolsonaro, por sua vez, fala em isolar somente idosos e pessoas com doenças crônicas. Ele prega a volta do comércio, a retomada das aulas e reabertura de fronteiras com Uruguai e Paraguai.

 

 

Supremo

 

Visto por analistas políticos como um possível postulante ao Planalto em 2022, desde a escolha para chefia a pasta da Justiça, Moro figurou como um possível indicado por Bolsonaro para as duas vagas no STF que serão abertas com as aposentadorias dos ministros Celso de Mello e Marco Aurélio Mello.

 

Bolsonaro costumava elogiar o perfil de Moro, mas também declarou o desejo de indicar um ministro “terrivelmente evangélico” para a Corte.

 

Perfil

 

Nascido em 1972 em Maringá, no norte do Paraná, Moro ganhou visibilidade como juiz da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba – especializada em crimes financeiros e de lavagem de dinheiro.

 

Ele ficou conhecido nacionalmente por ser o juiz responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância.

 

Antes da operação, Moro trabalhou no caso Banestado e atuou como auxiliar da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber, em 2012, no caso do Mensalão do PT.

 

A Operação Lava Jato, que teve a 1ª fase deflagrada em 17 de março de 2014, começou com a investigação de lavagem de dinheiro em um posto de combustíveis e chegou a um esquema criminoso de fraude, corrupção e lavagem de dinheiro na Petrobras. Posteriormente, a ação alcançou outras estatais.

 

Em mais de quatro anos de Lava Jato, o magistrado sentenciou 46 processos, que condenaram 140 pessoas por crimes como corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

 

Entre os políticos condenados 13ª Vara Federal de Curitiba estão o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o deputado cassado e ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (MDB).

 

Doleiros, ex-diretores da Petrobras e empresários ligados a grandes empreiteiras do país também já foram condenados por Moro.


 

 

 

 

 

Comentários




A Minha Rádio é Massa!


Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal
CLIQUE NA FOTO PARA ACESSAR TABELA DE HORÁRIOS

Leia também

Suspeito de Matar Mulher Encontrada Carbonizada em Conchal é Preso pela Polícia Civil

A Polícia Civil de Conchal, com o apoio da Guarda Civil Municipal, prendeu nesta segunda-feira (10), em Conchal, Adilson Canalli de Oliveira, suspeito de cometer o feminicídio de sua ex-companheira, Fernanda Cristina da Silva, de 27 anos . O crime ocorreu no dia 30 de maio de 2024. Segundo as investigações, Adilson teria assassinado Fernanda com golpes de chave de fenda e posteriormente carbonizado seu corpo. Durante a operação, duas crianças, filhos do casal, foram libertadas e uma camiseta com vestígios de sangue foi apreendida. Adilson havia sido destituído da guarda dos filhos e planejava fugir com eles após o crime. As crianças foram entregues à guardiã com o apoio do Conselho Tutelar. A prisão de Adilson foi possível após a Polícia Civil representar pela prisão preventiva, que foi deferida pelo Poder Judiciário. Após cometer o homicídio, Adilson fugiu e se ocultou, retornando para Conchal onde subtraiu as crianças. A Polícia Civil já havia apreendido o carro usado no crime,

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os hor

‘Golpe do chocolate’: trio é preso por simular entregas para roubar dados bancários Em contato com os clientes, o golpista alegava que era necessário tirar uma foto da vítima para confirmar o recebimento do produto

Dois homens, de 22 e 27 anos, e uma mulher, de 39 anos, foram presos por envolvimento no “golpe do chocolate”. Eles simulavam entregas de doces para roubar dados bancários das vítimas. A operação foi realizada na quarta-feira (5) e na quinta-feira (6) em São Paulo e Guarulhos, na região metropolitana. Segundo as investigações, os criminosos se passavam por entregadores de chocolates. Em contato com os clientes, o golpista alegava que era necessário tirar uma foto da vítima para confirmar o recebimento do produto. De acordo com a polícia, a imagem possibilitava que os suspeitos invadissem a conta bancária das pessoas nos aplicativos de instituições financeiras. Os policiais da 3ª Delegacia sobre Violação de Dispositivos Eletrônicos e Redes de Dados (DCCiber) cumpriram os mandados de busca e apreensão, que foram autorizados pela Justiça, durante a Operação Capture. Na capital, durante o cumprimento do mandado, os agentes viram um suspeito tentando jogar o celular pela janela. A par

Jornal F5 Conchal Lança 6ª Edição da Pesquisa de Satisfação dos Serviços Públicos em Conchal

Por: Gean Mendes O Jornal F5 Conchal está mais uma vez nas ruas da cidade conduzindo a 6ª edição da pesquisa de satisfação dos serviços públicos de Conchal. Com o objetivo de obter dados reais e precisos, o F5 busca trazer informações que reflitam as necessidades e reivindicações de seus leitores e seguidores. Para isso, nossas jovens pesquisadoras, identificadas e uniformizadas com a marca do F5, estarão percorrendo as ruas da cidade. Elas são os olhos e ouvidos do jornal, coletando opiniões diretamente da população. Pedimos a todos que recebam e respondam à nossa pesquisa. Expansão da Amostra de Entrevistados Nos anos anteriores, a pesquisa contou com amostragens entre 500 e 1.000 entrevistados. Este ano, a meta é ainda mais ambiciosa: pretendemos alcançar 10 mil residências em todo o município. A pesquisa não tem caráter eleitoral, mas por estarmos em ano de eleição, incluímos três perguntas sobre o tema. Os resultados dessas perguntas não serão divulgados, mas ajudarão a or

Vítima encontrada carbonizada em Conchal é identificada e residia no município

Na última quinta-feira (30),  uma mulher foi encontrada parcialmente carbonizada em uma estrada rural no bairro Conchal Velho. A vítima que residia no próprio município, foi identificada neste sábado (01), como sendo Fernanda Cristina da Silva, de 27 anos. A identificação foi confirmada através do exame dactiloscópico realizado pelo Instituto Médico Legal (IML). Esse procedimento utiliza as impressões digitais para cruzar informações com os dados nacionais de identificação pessoal, fornecendo à Polícia Civil a identidade da vítima. Fernanda Cristina da Silva era moradora de Conchal, e seu sepultamento está marcado para este sábado (1), às 16h30, no cemitério municipal da cidade. O corpo de Fernanda foi descoberto por volta das 7h30h, pela Guarda Municipal. O local do crime, uma estrada de terra próxima ao cruzamento entre a Fazenda GB e a Fazenda Santo Antônio, foi isolado para preservar a cena do crime. A vítima foi encontrada em decúbito dorsal, com partes do corpo carbo

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?
Clique na imagem e nos envie o seu nome e idade

VEJA TAMBÉM

Vítima encontrada carbonizada em Conchal é identificada e residia no município

Na última quinta-feira (30),  uma mulher foi encontrada parcialmente carbonizada em uma estrada rural no bairro Conchal Velho. A vítima que residia no próprio município, foi identificada neste sábado (01), como sendo Fernanda Cristina da Silva, de 27 anos. A identificação foi confirmada através do exame dactiloscópico realizado pelo Instituto Médico Legal (IML). Esse procedimento utiliza as impressões digitais para cruzar informações com os dados nacionais de identificação pessoal, fornecendo à Polícia Civil a identidade da vítima. Fernanda Cristina da Silva era moradora de Conchal, e seu sepultamento está marcado para este sábado (1), às 16h30, no cemitério municipal da cidade. O corpo de Fernanda foi descoberto por volta das 7h30h, pela Guarda Municipal. O local do crime, uma estrada de terra próxima ao cruzamento entre a Fazenda GB e a Fazenda Santo Antônio, foi isolado para preservar a cena do crime. A vítima foi encontrada em decúbito dorsal, com partes do corpo carbo

Jovem é encontrada parcialmente carbonizada em área rural de Conchal

Na manhã desta quinta-feira (30), por volta das 7h30, a Guarda Municipal acionou o Plantão da Polícia Civil após um popular, encontrar um corpo na área rural, bairro Conchal Velho. O Delegado de Polícia Dr. Luis Henrique e o Guarda Civil Municipal (GCM) Carneiro dirigiram-se ao local para conduzir as primeiras diligências. A equipe de perícia foi acionada. O local do crime, uma estrada de terra próxima ao cruzamento entre a Fazenda GB e a Fazenda Santo Antônio, estava isolado por duas viaturas da Guarda Municipal. Os GCMs Diego, Roberto Carlos, Lima, Macedo e Ponciano asseguraram a preservação da cena do crime. No cenário do incidente, o corpo de uma vítima do sexo feminino, aparentemente jovem ou adolescente, foi encontrado em decúbito dorsal, parcialmente carbonizado, no canto da via e próximo ao acostamento. A vítima estava trajando uma calça jeans de cor clara e calçava uma meia apenas no pé esquerdo, sem indícios de crime sexual. Nas proximidades do corpo, foram encon

Suspeito de Matar Mulher Encontrada Carbonizada em Conchal é Preso pela Polícia Civil

A Polícia Civil de Conchal, com o apoio da Guarda Civil Municipal, prendeu nesta segunda-feira (10), em Conchal, Adilson Canalli de Oliveira, suspeito de cometer o feminicídio de sua ex-companheira, Fernanda Cristina da Silva, de 27 anos . O crime ocorreu no dia 30 de maio de 2024. Segundo as investigações, Adilson teria assassinado Fernanda com golpes de chave de fenda e posteriormente carbonizado seu corpo. Durante a operação, duas crianças, filhos do casal, foram libertadas e uma camiseta com vestígios de sangue foi apreendida. Adilson havia sido destituído da guarda dos filhos e planejava fugir com eles após o crime. As crianças foram entregues à guardiã com o apoio do Conselho Tutelar. A prisão de Adilson foi possível após a Polícia Civil representar pela prisão preventiva, que foi deferida pelo Poder Judiciário. Após cometer o homicídio, Adilson fugiu e se ocultou, retornando para Conchal onde subtraiu as crianças. A Polícia Civil já havia apreendido o carro usado no crime,

Colisão entre duas motocicletas e um carro deixa um homem morto e feridos na Rodovia Mogi Mirim/Conchal

Um gravíssimo acidente de trânsito com morte e feridos foi registrado na manhã desta segunda-feira (27), entre os quilômetros 6/7 da Rodovia Wilson Finardi (SP-191), que liga os municípios de Mogi Mirim e Conchal. Três veículos se envolveram nas colisões, duas motocicletas e um automóvel. Às circunstâncias do acidente serão apuradas. Segundo as primeiras informações, uma motocicleta modelo Honda/Titan, que era conduzida por um homem, trafegava pela rodovia, e por razões a serem apuradas pelas autoridades, colidiu frontalmente contra um furgão Fiat/Fiorino que trafegava no sentido contrário. A colisão foi violenta, arremessando o condutor da motocicleta à alguns metros de distância, em uma área de gramado às margens da rodovia, ocasionando graves ferimentos. Uma segunda motocicleta Honda/Titan, que também era conduzida por um homem e trafegava pela pista, se envolveu no acidente. Os veículos ficaram parados no meio da rodovia e no acostamento. Chovia no momento do acidente. Outros m

Postagens mais visitadas deste blog

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os hor

Tragédia no Trânsito de Conchal Deixa Mulher Morta e Família Clama por Justiça – Outros Quatro Acidentes Aconteceram no Final de Semana no Município

Um trágico acidente ocorrido na noite deste domingo (03) abalou a cidade de Conchal, deixando uma mulher de 56 anos morta. Neide Benedita de Campos foi atropelada enquanto atravessava a pé a avenida João Paulo II. O veículo envolvido, uma BMW branca, deixou o local do acidente. Segundo relatos de familiares ao F5, Neide estava a caminho da igreja quando foi atingida pelo veículo. Apesar dos esforços do SAMU, que a socorreu e a levou ao Pronto Socorro do hospital Madre Vannini, ela não resistiu aos ferimentos e veio a óbito pouco tempo após dar entrada. O motorista da BMW fugiu do local, mas populares anotaram a placa do veículo. A polícia já identificou o proprietário, que teria emprestado o carro a um amigo no momento do acidente. O condutor, conforme apurado pelo F5 nesta manhã de segunda-feira (04), deve se apresentar à polícia. A família da vítima clama por justiça, expressando preocupação de que a conexão do veículo com uma pessoa conhecida na cidade possa influenc

Acidente envolvendo dois veículos causa a morte de duas vítimas na Rod. Prof. Zeferino Vaz em Tujuguaba (Conchal)

  Duas pessoas perderam a vida e outras duas ficaram feridas na tarde desta quinta-feira (12), em um acidente envolvendo dois veículos na Rodovia Professor Zeferino Vaz, próximo ao distrito de Tujuguaba. O acidente aconteceu por volta das 17h30min, no   Km 174+900 da rodovia, no sentido Sul, em direção a Engenheiro Coelho. Os veículos, uma Amarok e uma Saveiro, seguiam no mesmo sentido quando a colisão ocorreu. No veículo Amarok, estavam um homem e uma mulher, que, apesar de sofrerem ferimentos leves, foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhados ao Hospital Madre Vannini, em Conchal. Suas identidades não foram divulgadas, porém, são moradores de Conchal. Infelizmente, a tragédia se abateu sobre os ocupantes da Saveiro, onde estavam dois homens que não resistiram aos ferimentos e entraram em óbito ainda no local do acidente. Os nomes das vítimas fatais e informações sobre suas origens ainda estão sob investigação, e seus corpos for

Homem encontrado morto em casa abandonada em Conchal é identificado

A polícia conseguiu identificar o homem encontrado morto na manhã desta segunda-feira (24), em uma casa abandonada na rua Camilo Chagas, em Conchal, após ser descoberto por um grupo de crianças que brincava na região. As autoridades foram imediatamente acionadas e estão investigando o caso como homicídio. Silvio Ricardo Ferreira de Melo, 46 anos de idade, morador de Conchal, foi encontrado amarrado com as mãos para trás e com a boca amordaçada, apresentando múltiplos ferimentos.   Segundo relatos, crianças teriam entrado na casa abandonada, para brincar, mas foram surpreendidas ao depararem-se com o corpo da vítima. Até o momento, as autoridades não confirmaram a forma como a vítima foi morta.  O caso está sendo tratado com a devida seriedade e cautela pelas autoridades, que pedem a colaboração da população para fornecer qualquer informação que possa ajudar nas investigações. Ainda é cedo para apontar suspeitos ou motivações para o crime, e a polícia está em busca de

Condutores de ambos os veículos envolvidos em acidente na SP 191, são moradores de Conchal

Um trágico acidente na noite deste sábado (13) na rodovia "Wilson Finardi" - SP-191, próximo ao Centro de Ressocialização, deixou duas pessoas mortas e uma pessoa ferida. Um casal de idosos, residentes do Distrito de Tujuguaba, foi vítima fatal do incidente, que envolveu dois os veículos. Segundo informações preliminares da polícia, o acidente ocorreu por volta das 19h30, quando um carro Volkswagen/Gol, conduzido por um homem de 72 anos, e sua esposa, de 70 anos. Infelizmente, houve uma colisão frontal com um Honda/Civic, também operado por um morador local. Os Bombeiros Militares de Mogi Guaçu e os Bombeiros Municipais de Mogi Mirim foram rapidamente acionados para prestar socorro, porém, lamentavelmente, o casal não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local do acidente. O condutor do Honda Civic, de 74 anos, foi encaminhado à Santa Casa com ferimentos leves. A Intervias, concessionária responsável pela administração da rodovia, também prestou os primeiros

Crianças Encontram Homem Morto em Casa Abandonada em Conchal

  Atualizando: Homem encontrado morto em casa abandonada em Conchal é identificado: leia mais AQUI Um homem foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (24). em uma casa abandonada na rua Camilo Chagas, em Conchal, após ser descoberto por um grupo de crianças que brincava na região. As autoridades foram imediatamente acionadas e estão investigando o caso como homicídio. Segundo relatos, as crianças teriam entrado na casa abandonada, para se divertirem, mas foram surpreendidas ao depararem-se com o corpo da vítima. Rapidamente, a Guarda Civil Municipal foi acionada, seguida pela chegada de uma equipe da Polícia Científica, investigadores e o delegado de polícia civil de Conchal. O homem foi encontrado amarrado com as mãos para trás e com a boca amordaçada, apresentando múltiplos ferimentos. Até o momento, as autoridades não confirmaram a forma como a vítima foi morta. A cena do crime foi isolada e a perícia foi realizada no local para colher evidências que possam ajudar a

Colisão frontal na Rodovia Wilson Finardi em Conchal, SP, resulta em uma fatalidade

Um trágico acidente ocorrido por volta das 17:30 desta sexta-feira (03) ceifou a vida de um homem, aparentando cerca de 25 anos de idade, na Rodovia Wilson Finardi (SP-191), no Km 14, em Conchal (SP). Segundo relatado por um dos envolvidos no acidente, um veículo Chevrolet/Corsa, com placa de Santo Antônio de Posse, conduzido pela vítima, seguia em direção a Conchal quando, durante uma manobra de ultrapassagem, colidiu frontalmente com uma carreta que transitava no sentido oposto, em direção a Mogi Mirim. O impacto da colisão foi tão intenso que um segundo caminhão, que vinha logo atrás, não conseguiu evitar a tragédia e acabou tendo seus pneus furados pelos destroços do veículo Corsa, que se espalharam pela pista. Apesar da gravidade do acidente, os motoristas dos caminhões envolvidos escaparam ilesos. Infelizmente, o condutor do carro não teve a mesma sorte e veio a óbito no local. O impacto foi tão severo que partes do veículo, incluindo parte do motor, ficaram espalhados

Vítima encontrada carbonizada em Conchal é identificada e residia no município

Na última quinta-feira (30),  uma mulher foi encontrada parcialmente carbonizada em uma estrada rural no bairro Conchal Velho. A vítima que residia no próprio município, foi identificada neste sábado (01), como sendo Fernanda Cristina da Silva, de 27 anos. A identificação foi confirmada através do exame dactiloscópico realizado pelo Instituto Médico Legal (IML). Esse procedimento utiliza as impressões digitais para cruzar informações com os dados nacionais de identificação pessoal, fornecendo à Polícia Civil a identidade da vítima. Fernanda Cristina da Silva era moradora de Conchal, e seu sepultamento está marcado para este sábado (1), às 16h30, no cemitério municipal da cidade. O corpo de Fernanda foi descoberto por volta das 7h30h, pela Guarda Municipal. O local do crime, uma estrada de terra próxima ao cruzamento entre a Fazenda GB e a Fazenda Santo Antônio, foi isolado para preservar a cena do crime. A vítima foi encontrada em decúbito dorsal, com partes do corpo carbo

Jovem é encontrada parcialmente carbonizada em área rural de Conchal

Na manhã desta quinta-feira (30), por volta das 7h30, a Guarda Municipal acionou o Plantão da Polícia Civil após um popular, encontrar um corpo na área rural, bairro Conchal Velho. O Delegado de Polícia Dr. Luis Henrique e o Guarda Civil Municipal (GCM) Carneiro dirigiram-se ao local para conduzir as primeiras diligências. A equipe de perícia foi acionada. O local do crime, uma estrada de terra próxima ao cruzamento entre a Fazenda GB e a Fazenda Santo Antônio, estava isolado por duas viaturas da Guarda Municipal. Os GCMs Diego, Roberto Carlos, Lima, Macedo e Ponciano asseguraram a preservação da cena do crime. No cenário do incidente, o corpo de uma vítima do sexo feminino, aparentemente jovem ou adolescente, foi encontrado em decúbito dorsal, parcialmente carbonizado, no canto da via e próximo ao acostamento. A vítima estava trajando uma calça jeans de cor clara e calçava uma meia apenas no pé esquerdo, sem indícios de crime sexual. Nas proximidades do corpo, foram encon

Vídeo: Indivíduo invade velório em Conchal, desrespeita momento de consternação e é contido por familiares indignados

Vídeos chocantes (assista abaixo) começaram a circular nas redes sociais no final da tarde desta segunda-feira (6), mostrando dezenas de pessoas enfurecidas batendo em um indivíduo na porta do velório municipal de Conchal. O que deveria ser um momento de despedida e luto se transformou em cena de violência devido à atitude irresponsável de um indivíduo embriagado. Familiares e amigos reuniam-se para prestar as últimas homenagens a uma jovem de apenas 28 anos, vítima de um trágico acidente ocorrido na última sexta-feira (3) na rodovia SP 332. A jovem perdeu a vida em um incidente causado por um cavalo que invadiu a pista. Contudo, a atmosfera de tristeza foi abruptamente interrompida quando um indivíduo visivelmente embriagado invadiu o local do velório, desrespeitando o momento de dor e luto dos presentes. Os relatos dos presentes indicam que, mesmo após ser solicitado a deixar o local, o indivíduo recusou-se e começou a proferir palavras de baixo calão, desencadeando revolta ent