Novidade!

Auxílio emergencial: como conferir se o CPF foi usado em uma fraude




Os brasileiros que estão suspeitando de fraudes no pedido de auxílio emergencial com o uso dos seus dados podem consultar a página do benefício para verificar as informações (CLIQUE AQUI). Nessa página, o cidadão deve informar CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.

Segundo o tutorial para consultar a situação do benefício, há cinco respostas possíveis para o pedido de auxílio que podem ajudar a entender se há algo de errado com o cadastro.



Confira as respostas possíveis indicadas no tutorial:

Benefício aprovado: Significa que o cidadão é elegível a receber o auxílio emergencial. A data de envio para a Caixa não representa a data efetiva do pagamento do benefício. O calendário de pagamento dos beneficiários deverá ser consultado diretamente no siteda Caixa.

Benefício não aprovado: Significa que o cidadão não é elegível a receber o auxílio emergencial. Na mesma tela, o cidadão poderá verificar qual critério não foi atendido, motivo que causou a sua inelegibilidade ao benefício.

Requerimento não encontrado: Caso o requerimento do cidadão ainda não tenha sido recebido pela Dataprev, é apresentada a mensagem “Requerimento não encontrado”.

Requerimento retido: A mensagem significa que o cadastro foi retido pela equipe de homologação do Ministério da Cidadania em função da complexidade de cenários e cruzamentos. Com isso, será realizado novo reprocessamento das informações pela Dataprev.

Dados inconclusivos: Caso o sistema identifique problemas nos dados do cidadão que impeçam a análise para concessão do benefício, o sistema vai orientar que se realize um novo requerimento no site da Caixa para complementar ou confirmar seus dados cadastrais ou de sua família.



Assim, observando essas respostas, é possível saber se alguém usou os dados indevidamente para pedir o benefício.

Segundo o Ministério da Cidadania, em casos suspeitos de fraude no auxílio emergencial, o cidadão deve registrar denúncia no sistema Fala.Br (Plataforma integrada de Ouvidoria e Acesso à Informação da Controladoria Geral da União – CGU), disponível na internet ou pelos telefones 121 ou 0800 7070 2003.



Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Carretinha se solta de carro e provoca grave acidente na Rodovia Wilson Finardi (SP-191) Araras/Conchal

Mulher é presa com drogas escondidas no fogão em Conchal

Instalação da Orion Fabricação de Estofados, do Grupo Umaflex vai gerar 250 empregos em Pernambuco

Como calcular os votos para eleição de vereador 2020

Homem compra coroa de flores para ex-mulher antes de tentar matá-la

Carreta tomba no retorno da alça de acesso da Rodovia Anhanguera em Araras, SP

Viagem intermunicipal Conchal/São Paulo e Conchal/ Cosmópolis recebem novos horários. Confira...

Doria assina contrato para 46 milhões de doses da vacina chinesa e diz que médicos serão vacinados neste ano

Bandidos mantêm vitima refém por três horas em roubo à residência no Santa Luzia em Conchal

Bandido armado assalta comércio no Jardim Santo Antônio em Conchal. O crime aconteceu nesta sexta-feira (18). Câmeras de segurança flagraram toda a ação do criminoso. Assista vídeo...

Todas as Publicações

Mostrar mais