Marcelo Pedroni foi condenado a 25 anos de prisão pelo assassinato de Ana Gabrielli 


O Assassino de Ana Gabrielli foi condenado a 25 anos de prisão pelos crimes de homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver.

A sessão teve início hoje (26/07) pela manhã e terminou às 17h30min aproximadamente. O julgamento não contou com a presença de Marcelo Pedroni, que optou por não dar seu testemunho no plenário. Ele foi denunciado por homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver, uma vez que teria escondido o corpo da menina por cinco dias.
A Guarda Municipal de Conchal e de cidades vizinhas  em conjunto com a Policia Militar garantiram a tranquilidade da sessão, além de oferecer segurança à população que aguardaram ansiosamente pelo fim do processo. Marcelo cumprirá a sentença em regime fechado.  




Comentários

Leia também...

Policia Civil prende seis indivíduos suspeitos de serem os responsáveis pela onda de crimes acontecidos em Conchal nos últimos meses

Policia Militar e GCM de Conchal apertam o cerco contra o crime e realizam operações em Conchal

Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar pai dentro de presídio no Ceará

"Censura" - PSOL partido aliado do PT pede para TSE suspender funcionamento do WhatsApp em todo país

Sancionada lei que dispensa reconhecimento de firma e autenticação de documento em órgãos públicos

“Quem tem o apoio de milhões de brasileiros não precisa pagar”, disse estrategista digital de Bolsonaro

Rotary Club de Araras Sul organiza a 1a. Noite Carré e Picanha

Moro diz que não tentou influenciar eleição e acusa petistas de intimidação

Após Sindicância Interna ex- diretora de educação de Conchal Mariana Mani Moura foi exonerada do quadro de servidores do município

Todas as Publicações

Mostrar mais