ELEIÇÕES CHEGANDO - Baixe Agora o Detector de Corruptos com reconhecimento facial e veja como funciona


Basta fotografar o santinho que jogaram no seu quintal, o adesivo colado nos carros, a imagem do político que aparece na televisão, ou até mesmo, o próprio político que lhe visitará em sua casa.  Valendo lembrar, que o aplicativo só identifica governadores e vices, deputados federais que foram eleitos a partir de 2014, senadores eleitos desde 2010, presidentes e vice-presidentes que ainda estejam vivos, candidatos à presidência e aos governos estaduais. Para conhecer A vida política pregressa dos "CANDIDATOS A DEPUTADO ESTADUAL", basta acessar o GOOGLE e escrever o nome do candidato seguida das seguintes palavras:  "ACUSADO DE".



Lançado este ano, o aplicativo chamado inicialmente de "Detector de Corruptos"  e atualmente denominado como "Detector de Ficha de Político" é gratuito e apartidário, e utiliza reconhecimento facial para identificar os políticos.  Depois, fornece informações completas sobre quais crimes foram praticados por eles. Basta apontar a câmera do celular para a face dos políticos para que o aplicativo entregue todos os inquéritos instaurados contra a figura pública.



O site do aplicativo informa que o reconhecimento facial funciona com diversas imagens: de comerciais televisivos, debates, santinhos, cartazes, imagens de jornal, vídeos da internet e muitos outros. Além de informações do aplicativo, o site conta com uma ferramenta que destaca, em qualquer site, os nomes de políticos com pendências na Justiça.

Após instalar o plugin no navegador, sempre que surgir o nome de um político condenado, processado ou investigado durante a navegação normal, o plugin grifa o nome de roxo. Depois, é só passar por cima do nome para conferir a ficha judicial do político.

Nos bancos de dados do aplicativo há governadores e vices, deputados federais que foram eleitos a partir de 2014, senadores eleitos desde 2010, presidentes e vice-presidentes que ainda estejam vivos, candidatos à presidência e aos governos estaduais listados no Datafolha e Ibope. Já quanto aos políticos que foram anunciados como pré-candidatos para as eleições de 2018, o banco de informações do app inclui aqueles que querem se tornar presidentes e governadores.



O aplicativo consolida apenas informações oficiais pulverizadas em diversas instâncias de tribunais, como STF, STJ, TJs e TRFs. Processos sob sigilo de Justiça não são exibidos, uma vez que não constam na base de dados oficial dos tribunais.

Existe também uma extensão para o navegador Google Chrome chamada A Cor da Corrupção. O plugin funciona da seguinte forma: durante a navegação, faz com que o nome de qualquer político com pendências na Justiça seja destacado em roxo. As pendências consideradas pela extensão são as que resultaram em condenação, mas também informa os processos e inquéritos abertos que ainda não foram totalmente apurados.

O aplicativo para celulares está disponível para Android e iOS.

Como Baixar

O Detector de Corrupção é um aplicativo desenvolvido pelo ReclameAQUI como iniciativa do projeto “Vigie Aqui”, o segmento com foco em cidadania da empresa.

Para baixar o aplicativo é muito simples, basta clicar no link abaixo e seguir as instruções e aguardar a instalação automática. O link irá te redirecionar para a Google Play ou AppStore isso dependerá se o seu dispositivo for Android ou iOS.




Comentários

Leia também...

Bandidos explodem Agencia Santander em Conchal nessa madrugada

Família procura desesperadamente por jovem desaparecido desde Domingo (12/11)

Mensagens no WhatsApp poderão ser apagadas na segunda-feira

Câmara de Conchal elegerá o novo presidente para o próximo biênio

Estão abertas as inscrições para a 2° Edição do projeto "Oficina do Jornalismo F5"

Feirantes da Central de Abastecimento e produtores rurais de Conchal participam de curso sobre manipulação de alimentos

Repartições públicas municipais não funcionarão nos dias 15, 16, 19 e 20 de novembro em Conchal

Proprietários do Auto Posto Fadel em Conchal emitem nota de esclarecimento referente ao acorrido no dia 03/11.

Arteris Intervias interdita alça de acesso à cidade de Conchal

DEPARTAMENTO DE SAÚDE DE CONCHAL ESCLARECE INFORMAÇÕES FALSAS SOBRE AGENTES DE COMBATE À DENGUE

Todas as Publicações

Mostrar mais