Postagens

Mostrando postagens de Novembro 22, 2018

TOME MUITO CUIDADO POIS O CALOR PROVOCA INFESTAÇÃO DE ESCORPIÕES DENTRO DE CASA!

Imagem
Os escorpiões que muitas vezes ocupam áreas externas como bueiros e terrenos baldios, invadem as casas no verão para se esconder em lugares escuros e úmidos.
Locais que acumulem material, como dispensas, armários, quintais, favorecem o aparecimento do bicho, pois estes locais contribuem para o surgimento de insetos, como baratas e gafanhotos, alimento preferido dos escorpiões.


A espécie mais venenosa!


O mais comum visto nas casas – o escorpião amarelo (Tityus serrulatus) – tem entre 6 e 7 centímetros de comprimento e é considerado o mais venenoso da América do Sul. O seu veneno pode ser letal em crianças e idosos. E muita atenção: eles andam em pares. Portanto caso se deparar com um, se prepare, porque ainda tem outro por aí.
Uma medida comum que as pessoas tomam para se proteger dos escorpiões é colocar bloqueadores de pano nas portas e também redes nos ralos, mas a medida não é comprovadamente segura.


Veneno para inseto mata escorpião?
Não. Na verdade, o veneno causa um efeito contrário, …

Câncer de próstata: o primeiro passo para o tratamento é o correto diagnóstico

Imagem
O diagnóstico precoce do câncer de próstata objetiva a detecção dessa neoplasia nos seus estágios iniciais, o que possibilita que o início do tratamento ocorra no momento oportuno. A detecção precoce de um câncer compreende duas diferentes estratégias: o diagnóstico precoce em si e o rastreamento, sendo que a primeira estratégia trata-se do diagnóstico do câncer em indivíduos que já apresentam os sinais ou sintomas iniciais da doença, e a segunda voltada para pessoas sem qualquer sinal ou sintoma, visando identificar o câncer em sua fase pré-clínica.


A maioria dos cânceres é passível de diagnóstico precoce, caso sejam feitos avaliação e encaminhamento médico após o aparecimento dos primeiros sinais e sintomas. Já o rastreamento só deve ser recomendado para a população após sua eficácia ter sido comprovada por meio de estudos científicos. Atualmente a indicação de rastreamento restringe-se apenas aos cânceres de mama e do colo do útero.
A fim de possibilitar o diagnóstico precoce, os hom…

Estado de São Paulo é condenado por falta de políticas específicas para desaparecimentos

Imagem
O juiz Emílio Migliano Neto, da 7ª Vara de Fazenda Pública de São Paulo, condenou o estado a pagar indenização de R$ 250 mil de danos morais coletivos por ter sido omisso com os casos de desaparecidos. De acordo com o juiz, o estado deveria ter desenvolvido uma política específica para casos de pessoas enterradas como indigentes mesmo que seus parentes tenham registrado boletim de ocorrência do desaparecimento.


Ação, ajuizada pelo Ministério Público, afirma que não há nenhum tipo de condução específica para esses casos. Hoje, diz o pedido, o quadro em São Paulo é de falta de integração entre os sistemas do Instituto Médico Legal (IML), do Serviço de Verificação de Óbito na Capital (SVOC) e da Polícia Civil.
A falta de cooperação entre os órgãos públicos, sustenta a ação, resultou no sepultamento, como indigentes, de pessoas desaparecidas, com boletins de ocorrência lavrados. Segundo a acusação, além da falta de comunicação às famílias dos falecidos, configurou violação do direito à info…

Todas as Publicações

Mostrar mais