Erros de português pesam mais que falta de experiência na eliminação do candidato a emprego, diz pesquisa

Por Ingrid pereira

 Foto: Ely Venâncio / EPTV


Dos recrutadores que participaram de uma pesquisa realizada pela empresa de recrutamento online Catho, 34% declaram os erros de português comi o principal fator para eliminação de candidatos.

Segundo a pesquisa, erros de português no currículo podem representar falta de domínio do idioma, falta de atenção e indiferença. Esse erro na revisão desse documento necessário queima todas as chances de contratação.

Mais motivos que fazem com que o currículo seja excluído de imediato são:

·        25% por falta de experiência
·        10% por ausência de objetivos profissionais
·        9% porque os candidatos moram longe da empresa
·        9% por falta de apresentação visual
·        9% por outros motivos
·        3% por não ter formação superior ou cursos complementares
·        1% pelo currículo ter mais de uma página

Também de acordo com a pesquisa da Catho, um recrutador recebe em média de 30 a 50 currículos por vaga; desses, de 5 a 10 candidatos chegam a participar de uma entrevista com o mesmo.



Para a gerente da Catho, Bianca Machado, o processo de recrutamento começa muito antes da entrevista, ou seja, quando os currículos começam a ser selecionados.

Currículo ainda é essencial apesar dos diversos avanços tecnológicos para procurar emprego, a pesquisa ainda aponta que o formato do currículo ainda se usa.

Segundo os recrutadores, 75% afirmam que o material é muito importante para o processo seletivo, enquanto 25% afirmam ser importante.



Informações: G1 




Comentários

Leia também...

Em Mogi Guaçu (SP) aluno foi detido após denúncia de que faria um ataque em escola

Menino de 4 anos corta os pulsos e pais acreditam que pode ser influência da Momo

Caixa deteriorada no Bairro Esperança 3 rompe e desperdiça aproximadamente 150 mil litros d’água. Veja vídeo

Conchal será uma das cidades contempladas com Esquadrilha da Fumaça

Governador João Doria entrega obras de duplicação da Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332), em Conchal.

Criança de Birigui (SP) tenta se enforcar após ver boneca "Momo" em vídeo infantil

Redução de salário dos vereadores é proposta em Araras, SP

Excursão de escola pública é barrada em shopping de SP e educadora diz que houve discriminação

Policia Militar realiza reunião de segurança pública em Tujuguaba

Causas como ‘’ legalização de estupro, pedofilia e morte de mulheres são defendidas’’ por mentor do ataque na Escola Estadual Professor Raul Brasil em Suzano (SP)

Todas as Publicações

Mostrar mais