Aranha amazônica gigante abate um gambá em vídeo inédito


Conteúdo Beto Ribeiro Repórter 



Uma equipe internacional de biólogos, trabalhando na selva amazônica peruana, observou pela primeira vez uma aranha gigante devorando um gambá.

A filmagem, postada pela National Geographic, mostra uma aranha, com um tamanho de aproximadamente 30 centímetros, arrastando o marsupial para a toca. O estudo foi recentemente publicado pela revista Amphibian & Reptile Conservation (ARC).

Durante o trabalho de campo, os especialistas testemunharam como uma “tarântula do tamanho de um prato” caça o marsupial que, por alguns segundos, tentou inutilmente lutar por sua vida.

“Estávamos muito empolgados e impactados, e não podíamos acreditar no que estávamos vendo”, disse Mike Grundler, coautor do estudo. De acordo com os biólogos da Universidade de Michigan, nos EUA, que testemunharam as cenas incríveis, os ataques de aranhas a vertebrados são comuns.



Apesar de a dieta desses aracnídeos consistir principalmente de insetos, eles periodicamente caçam cobras, aves e camundongos pequenos. Em média, essas aranhas atingem de 15 a 25 centímetros de comprimento com as pernas estendidas, mas existem espécies que podem chegar até 30 centímetros.



Comentários

Leia também...

Vaga de Emprego em Conchal

Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Conchal abre seis (6) vagas de emprego nesta semana

Informação falsa de tiroteio dentro da Uniararas mobiliza Guarda Civil Municipal em Araras, SP.

Jovem sofre AVC e tem parte do corpo paralisado após estalar pescoço

Ponto Alto Empreendimentos inicia obra asfáltica na Avenida Manoel Gonçalves Neto

Pelo menos 207 pessoas morreram e cerca de 450 ficaram feridas neste domingo de Páscoa no Sri Lanka

Polícia Militar prende traficantes com quase 4 kg de cocaína em Araras, SP

COMUNICADO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA REVISÃO DA LEI DE PARCELAMENTO DO SOLO E URBANIZAÇÕES ESPECIAIS NO MUNICÍPIO DE CONCHAL (SP)

Por que peixe não é considerado carne durante a Quaresma?

Todas as Publicações

Mostrar mais