STJ confirma autorização para João de Deus deixar prisão




A sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça confirmou nesta quinta-feira (11) a decisão do ministro Nefi Cordeiro que autorizou o médium João de Deus a deixar a prisão para ser internado no Instituto de Neurologia de Goiânia. Essa decisão foi proferida em março.

O colegiado julgou um recurso do Ministério Público Federal (MPF) contra a decisão liminar do ministro, que por unanimidade, foi referendada.

João de Deus foi preso no dia 16 de dezembro do ano passado sob acusação de violação sexual mediante fraude e de estupro de vulnerável, crimes que teriam sido praticados contra centenas de mulheres na instituição em que atendia pessoas em busca de tratamento espiritual, em Abadiânia, Goiás.

O ministro atendeu a um pedido da defesa de João de deus, que tem problemas de pressão arterial e um ‘’ aneurisma da aorta abdominal com dissecção e alto risco de ruptura’’, segundo os advogados.

Na decisão, o ministro entendeu que todo preso tem direito à dignidade e à saúde.




Comentários

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Menino de 11 anos é assaltado enquanto trabalhava vendendo doces na rua

Homem é picado por escorpião em cinema de shopping: ‘’Desmaiei de tanta dor’’

Grave acidente entre Van e ônibus do TCA é registrado na Rodovia Anhanguera em Araras, SP

Governo dispensa 287 tipos de empresas de alvarás de funcionamento

Foragido tenta forjar morte com manchas falsas de sangue na camisa para despistar a polícia

Cansado de apanhar homem rouba loja para ser preso e fugir da esposa

Governo publica novas regras para obtenção de CNH: simulador facultativo e menor tempo de aulas

Homem parecido com sogro de ator morto sofre ameaças na internet

Cachorros não gostam de quem não gosta dos seus donos e enxergam o que não vemos

Posto de Combustível dá casinha e roupas de frio para cães de rua

Todas as Publicações

Mostrar mais