Polícia Civil prende suspeito de vender munição usada no massacre de Suzano





Na segunda-feira (6) a Policia Civil realizou uma operação para cumprir mandatos de busca e apreensão do inquérito que investiga o massacre na escola estadual Raul Brasil, em Suzano, na grande São Paulo. As informações são da ‘’Jovem Pan’’.


Márcio Germano Masson, de 33 anos, conhecido como Alemão, foi autuado em flagrante enquanto a polícia cumpria mandados de busca e apreensão na casa dele. De acordo com a polícia, no local foram encontradas munições calibre 38 iguais às compradas pelos assassinos do atentado, Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Também foi encontrada uma pistola 9 milímetros raspada com munições.

Conforme as investigações, Masson vendeu as munições para outro suspeito, Cristiano Cárdias que, por sua vez, teria fornecido as munições aos assassinos. Cárdias foi preso no dia 10 de abril.

O suspeito será autuado em flagrante pelo artigo 16 do Estatuto do Desarmamento, que trata do porte ilegal de arma, assim como será indiciado nos autos principais da investigação do massacre de Suzano pela venda da munição.

Na quinta-feira da semana passada, dia 2, a Polícia Civil havia prendido outro suspeito: Geraldo de Oliveira Santos, de 41 anos. Ele é investigado por supostamente ter vendido o revólver calibre 38 utilizado no crime.

O massacre
Dois atiradores, de 17 e 25 anos, invadiram a escola estadual Raul Brasil, em Suzano, na manhã do dia 13 de março, e dispararam contra alunos e funcionários. A Polícia Militar confirmou a morte de oito vítimas. Os dois assassinos também morreram.


Os dois atiradores eram, Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. O motivo do crime ainda é desconhecido.







Comentários

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Policia Militar apreende cocaína em comércio no centro de Conchal

Trio é preso suspeito de roubos de combustíveis em Mogi Guaçu

Safra da laranja 2019/20 do cinturão citrícola de SP e MG é estimada em 388,89 milhões de caixas

Família procura por jovem surdo e mudo desaparecido em Engenheiro Coelho, SP

Homem ataca ex-namorada dentro de Delegacia da Mulher em SP

Papa aceita renúncia do bispo de Limeira

Conchal recebe do UNIFAJ o prêmio de “Prefeito Educador 2019”

Tucano é flagrado por câmera de monitoramento na Rodovia Anhanguera, em Campinas

Aposentado cria armadilha para mosquito da dengue e vira projeto de pesquisa em universidades

Todas as Publicações

Mostrar mais