Novidade!

Câmara dos EUA aprova regras para seguir inquérito de impeachment contra Trump


Casa controlada pelos democratas aprovou medida que prevê audiências públicas e a divulgação de transcrições de procedimentos realizados a portas fechadas.





Os democratas na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos aprovaram nesta quinta-feira (31) uma resolução que estabelece os próximos passos no processo de impeachment contra o presidente norte-americano, Donald Trump.

A votação foi o primeiro teste formal de apoio para o inquérito que a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, lançou no dia 24 de setembro. A investigação se concentra em se Trump pressionou a Ucrânia a ajudar sua campanha à reeleição em 2020, acusação que ele nega.

"Hoje a Câmara tomou o seguinte passo, estabelecendo os processos para audiências abertas, conduzidas pela Comissão de Inteligência da Câmara, para que o público possa ver os dados por si mesmo", declarou Pelosi ainda antes da votação.

O placar final foi de 232 votos a favor do inquérito e 196 contra.

A medida prevê audiências públicas e a divulgação de transcrições de procedimentos realizados a portas fechadas, e também delineia que direitos os parlamentares republicanos e o próprio Trump terão de participar à medida que o processo avança.

Republicanos acusam democratas de desrespeitar os direitos de Trump e de manterem o processo sigiloso demais.

Público e privado
A Constituição dos EUA dá à Câmara uma autoridade ampla para determinar as regras básicas do inquérito de impeachment, e os democratas dizem que estão seguindo as regras da Câmara para as investigações. Eles prometeram realizar audiências públicas no caso contra Trump.

Os parlamentares que lideram a investigação também planejam ouvir um depoimento a portas fechadas de Tim Morrison, principal especialista em Rússia do Conselho de Segurança Nacional de Trump. Morrison renunciou ao cargo que ocupava na quarta-feira, disse um funcionário de alto escalão do governo.

Membros dos três comitês que realizam a investigação esperam que Morrison forneça mais detalhes sobre as negociações de Trump com a Ucrânia. Como Morrison se envolveu diretamente nas negociações, seu depoimento pode servir como contraponto a acusações dos colegas republicanos de Trump de que até agora o inquérito se baseou principalmente em relatos de segunda mão.

Membros dos comitês convidaram uma figura muito mais importante, o ex-conselheiro de Segurança Nacional John Bolton, para depor na semana que vem. Houve quem dissesse que Bolton ficou alarmado com um esforço da Casa Branca para pressionar o presidente ucraniano a investigar rivais políticos de Trump.

Se a Câmara pedir um impeachment, só será necessária uma maioria simples para desencadear um julgamento no Senado – este comandado pelos republicanos. Naquela casa, uma condenação exigiria o apoio de uma maioria de dois terços dos 100 senadores.

De acordo com o "New York Times", depois de cinco semanas de elucidação de fatos de uma forma privada, os democratas sinalizam que agora eles têm confiança para que o argumento pelo impeachment seja feito em público.




Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Guarda Municipal prende segundo acusado de ter assassinado a facadas o pintor Wesley Ribeiro, 24 anos. O crime aconteceu em 9 de março deste ano

Novo caso de coronavirus é confirmado em Conchal neste sábado (23). O paciente tem 12 anos e pertence a região sudeste do município

Conchal terá barreira sanitária na entrada da cidade a partir desta quinta-feira (21)

Enfermeira é suspensa de hospital após atender pacientes com Covid-19 apenas de lingerie

Policia Militar e Guarda Municipal acabam com festa e aglomeração de pessoas no Jardim das Palmeiras em Conchal.

Conchal realiza barreira sanitária com controle de temperatura no acesso da cidade

Resposta Rápida – Policia Civil de Conchal prende um dos suspeitos de ter participado do assassinato do pintor Wesley Ribeiro, 24 anos. O crime aconteceu ontem 09/03. Assista vídeo da prisão.

Funcionário público é preso por furto de luvas, máscaras e aventais dentro da Secretaria de Saúde de Mogi Guaçu

Governo estadual antecipa feriado de 9 de julho para próxima segunda-feira, 25 de maio

Curados- Todos os pacientes que testaram positivo para Covid-19 em Conchal receberam alta

Todas as Publicações

Mostrar mais