Ibovespa vira para queda com realização e dólar segue em baixa, a R$ 4,00

Câmbio reforça perdas dos últimos pregões e encosta no piso psicológico mais importante do ano.



Conteúdo: ‘InfoMoney

O Ibovespa vira para queda nesta quinta-feira (24) com realização dos ganhos recentes. Na abertura, o índice apontava para alta, levantando a possibilidade de testar mais uma vez os limites do rali que já levou o benchmark a bater três recordes históricos consecutivos. No radar macroeconômico, o Banco Central Europeu (BCE) decidiu por manter os estímulos econômicos à zona do euro.

Também no noticiário de hoje, o investidor deve acompanhar o dia mais importante da temporada de resultados do terceiro trimestre, que tem Petrobras e Vale depois do fechamento.

Às 11h13 (horário de Brasília) o principal índice da B3 tinha queda de 0,32% a 107.202 pontos.

Já o dólar comercial recua 0,31% a R$ 4,0194 na compra e a R$ 4,0204 na venda. O dólar futuro para novembro caía 0,4% a R$ 4,020.

Entre os principais fatores para esse movimento está a perspectiva de entrada de dólares no País por conta do megaleilão de petróleo da cessão onerosa, que está marcado para o dia 6 de novembro e deve levar à arrecadação de R$ 106,5 bilhões segundo cálculos do governo.

Além disso, os sinais de que a tensão política no Chile está se arrefecendo se somam a dados abaixo do esperado nos pedidos de bens duráveis nos Estados Unidos para também ajudarem a levar o câmbio a operar em níveis próximos aos do piso psicológico de R$ 4,00.

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2021 cai cinco pontos-base a 4,46% e o DI para janeiro de 2023 recua seis pontos-base a 5,40%.

O BCE optou por não mexer nos estímulos monetários em sua na última reunião chefiada por Mario Draghi, que será substituído a partir de primeiro de novembro pela ex-diretora geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde. Draghi repetiu nesta quinta seu apelo para que os governos ajam para fortalecer a zona do euro, cobrando estímulos fiscais e reformas econômicas.

Hoje, após o fechamento do mercado, saem os resultados de Vale, que devem vir com números sólidos de volumes e preços fortes de minério de ferro, parcialmente ofuscados pela alta no custo do frete, e da Petrobras, com expectativa de bons resultados impulsionados pelo aumento da produção, mesmo com a queda do preço médio do petróleo.

Ainda no Brasil, o jornal Folha de S.Paulo traz que o ministro da Economia, Paulo Guedes, quer extinguir os patamares mínimos que Estados e municípios são obrigados por lei a aplicar em saúde e educação. A mudança está prevista na minuta de uma PEC prestes a ser enviada ao Congresso.

No STF, o plenário segue julgamento que se discute a possibilidade de cumprimento da pena antes de serem esgotadas todas as possibilidades de recurso (trânsito em julgado). Até o momento, o placar do julgamento está em 3 votos a 1 a favor da prisão em segunda instância.

Noticiário Corporativo

O Ministério de Minas e Energia (MME) informou que, ao contrário do que vem sendo especulado, o pagamento de US$ 9 bilhões da União à Petrobras (PETR3; PETR4) referente à revisão do contrato da cessão onerosa será feito ainda este ano. Ou seja, assim que a União receber o pagamento pelos blocos vendidos no leilão do excedente da cessão onerosa, previsto para 6 de novembro, será feita a transferência para a Petrobras.
 
A primeira parcela do bônus total de R$ 106 bilhões, referente à venda dos quatro blocos ofertados no leilão, no valor de R$ 70,5 bilhões terá que ser paga em 27 de dezembro. O restante, ou R$ 35,5 bilhões, poderá ser pago até junho de 2020. “A realização do leilão dos volumes excedentes da cessão onerosa possibilitará prontamente o pagamento à Petrobras”, disse o MME em nota oficial.

O Valor Econômico traz que a BR Distribuidora (BRDT3) pretende estender sua atuação para além da distribuição de combustíveis. O plano, segundo o presidente da empresa, Rafael Grisolia, é criar comercializadoras (tradings) de etanol, energia e gás natural. Também estão em curso a revisão de contratos assinados quando a Petrobras era controladora e reduzido o quadro de empregados.

Na safra de resultados, a CSN (CSNA3) registrou prejuízo líquido de R$ 871 milhões no terceiro trimestre, revertendo lucro de R$ 752 milhões de igual período do ano passado – impactado pelo aumento das despesas com variações monetárias e cambiais. O Ebitda ajustado registrou redução de 4%, para R$ 1,567 bilhão, ficando abaixo do consenso da Bloomberg, de R$ 1,77 bilhão. A receita líquida consolidada somou R$ 6,006 bilhões, queda de 3%.

Já a Localiza (RENT3) apresentou um Lucro líquido no terceiro trimestre, sem os efeitos do IFRS 16, de R$ 205,9 milhões, representando aumento de 28,8% em relação ao mesmo período – puxado pelo aumento do Ebtida, que somou R$ 545,1 milhões (+26,8%) e menores despesas financeiras. A receita líquida consolidada somou R$ 2,671,1 bilhões, expansão de 28,8%.

A TIM (TIMP3) entrou com um recurso no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) contra a aprovação, sem restrições, da compra da Nextel pelo grupo América Móvil, dono da Claro. A compra foi anunciada em março, pelo valor de US$ 905 milhões, e o aval do órgão regulador foi concedido em setembro.



A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) rejeitou uma proposta de membros do Conselho de Administração da Qualicorp (QUAL3) envolvendo multa à autarquia de R$ 1,2 milhão. O caso remete ao pagamento de um contrato de não competição proposto ao fundador da empresa, José Seripieri Filho, conhecido como Júnior, em outubro de 2018, de R$ 150 milhões.

A Caixa Econômica Federal pretende concluir até meados do ano que vem a abertura de capital de ao menos duas subsidiárias – a Caixa Seguridade e a Caixa Cartões. Esse é o plano, mas, para que saia do papel, depende ainda de aprovação do Tribunal de Contas da União (TCU) e da B3 (B3SA3), afirmou o presidente do banco, Pedro Guimarães.


(Com Agência Estado, Agência Brasil, Agência Senado, Agência STF e Bloomberg). 


Comentários

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Corpo de mulher é encontrado fora da cova e seminu: “Apavorante”

Justiça determina bloqueio de 407 mil reais do Presidente da Câmara Municipal de Conchal Roberson Claudino Pedro (Robinho) e de Marcelo Aparecido Mandeli, ex-assessor do presidente

Videos - Após chuvas em Conchal, infestação de pequenos sapos assusta moradores

Suspeito de Roubar Joalheria em Conchal é preso pela Policia Civil

Adolescente de 12 anos é estuprada dentro de escola pública em SP

Corpo de menina torturada por pai tem 37 marcas de tiros de arma de pressão, diz Conselho Tutelar

Suspeito de matar engenheira após perseguição no trânsito é preso em MT

Oferta de emprego que veta 'negras e gordas' vira caso de polícia em Belo Horizonte

Polo do Cartório Eleitoral em Conchal abrirá para cadastramento biométrico no feriado, dia 15 de novembro (sexta-feira)

Bolsonaro extingue o seguro obrigatório de veículos, o DPVAT

Todas as Publicações

Mostrar mais