Coronavírus: as estratégias e desafios dos países que estão reabrindo suas escolas Pular para o conteúdo principal

Coronavírus: as estratégias e desafios dos países que estão reabrindo suas escolas



Em Cingapura, alunos limpam as próprias carteiras escolares e fazem um caminho pré-determinado até suas salas de aula. Na França e na Coreia do Sul, algumas escolas reabertas tiveram de fechar, por conta de novos focos de covid-19. No Reino Unido, um dos países que reabriu as escolas recentemente, menos da metade dos alunos esperados apareceram na volta às aulas em algumas delas.

A expectativa de retorno à escola traz sensações mistas de alívio e preocupação a muitos pais — prenunciando uma possível volta à rotina, mas também o medo de expor as crianças (e suas famílias) ao contágio pelo coronavírus.



No Brasil, as secretarias estaduais de educação ainda não têm previsão de quando as aulas presenciais retornarão. Estados como Maranhão e Rio Grande do Sul adiaram seus anúncios de abertura de escolas.

Mas o Conselho de Secretários Estaduais da Educação (Consed) afirmou que "está trabalhando com suas equipes nas estratégias sanitárias, financeiras e pedagógicas que serão colocadas em prática a partir do momento em que as datas forem definidas".



O Consed elaborou diretrizes para ajudar redes e escolas no retorno. Entre as orientações, estão a de se suspender atividades presenciais em grupos, limitar a quantidade de alunos à metragem da sala, revezar horários de entrada, saída e recreação, sinalização de rotas dentro da escola para minimizar as chances de contato entre alunos e criar rotina de triagem e higienização na entrada das escolas.

Na parte pedagógica, o documento orienta as escolas a ampliar sua jornada diária e a repor aulas aos sábados e à noite, para compensar as perdas da quarentena; a dar apoio psicossocial a alunos e professores e a fazer uma busca ativa de alunos que possam ter decidido abandonar os estudos durante o período de isolamento.



Na prática, muitas dúvidas práticas permanecem nas cabeças de pais e educadores. Como escalonar a volta das crianças e jovens à escola — e quais devem ter prioridade? Como garantir medidas de distanciamento social com as crianças pequenas? Quais devem ser as prioridades da escola na pós-pandemia? E, principalmente, como ter certeza de que o ambiente escolar não vai virar um foco de proliferação da covid-19?

O Consed diz que se baseou nas opiniões de seus técnicos e nas experiências internacionais de volta às aulas. A BBC News Brasil coletou algumas dessas experiências a seguir:



As crianças pequenas

Alguns dos países que reabriram suas escolas priorizaram as crianças menores, por sua menor taxa de adoecimento e para liberar seus pais para voltar ao trabalho. É, também, uma das etapas mais difíceis de se fazer um ensino remoto de qualidade.

No entanto, é também uma faixa etária que tem mais dificuldades em fazer atividades sentadas em carteiras, com coleguinhas distantes entre si.



No Reino Unido, que reabriu parte de suas escolas em 1° de junho, crianças da pré-escola e anos iniciais não puderam mais fazer as aulas sentadas lado a lado no carpete, como de costume, mas sim enfileiradas em carteiras — um modelo de sala de aula mais antiquado e menos interativo.

Cada turma foi dividida em dois grupos: um deles frequenta as aulas de segunda e terça; o outro, de quinta e sexta-feira. Na quarta-feira, a sala de aula é limpa minuciosamente. Todas as classes foram equipadas com álcool gel e lenços umedecidos.



Mesmo assim, na escola que foi acompanhada pela BBC em seu primeiro dia de retomada, apenas 32 crianças apareceram, de um total de 85 que eram esperadas, mostrando que muitos pais ainda têm receio de colocar os filhos de volta no ambiente escolar.

Uma mãe que levava seu filho, porém, afirmou que o menino estava "implorando para voltar à escola". "O principal para mim é a normalidade e a saúde mental dele. Ele precisa da interação com seus amigos."



Na Dinamarca, onde as escolas estão reabertas desde 15 de abril, as crianças têm de lavar as mãos de cinco a seis vezes por dia. Classes de 20 foram divididas em dois, e as crianças são o dia inteiro lembradas por educadores a ficarem distantes entre si. No recreio, podem brincar em grupos de no máximo quatro, e cada grupo fica em um canto do pátio.

Uma menina de 7 anos entrevistada pela BBC admitiu que o mais difícil de tudo era não poder mais abraçar os amigos.



Em maio, em entrevista ao jornal Guardian, um representante do sindicato de professores dinamarqueses afirmou que a retomada às aulas ocorreu suavemente, mas, mesmo assim, confirmou que alguns educadores contraíram o novo coronavírus depois de voltar ao trabalho presencial.

Em Cingapura, uma estratégia das escolas para incentivar o uso de máscaras pelas crianças pequenas foi comprar um estoque extra e pedir que cada criança decore a sua, "para virar um novo acessório personalizado para este novo normal", nas palavras de um representante do governo ao jornal Strait Times.



As escolas do pequeno país passaram a medir a temperatura dos alunos diariamente, e agora cada um traz suas refeições de casa. As crianças só interagem em pequenos grupos no recreio e só podem andar nos corredores das escolas em fila única. Cada grupo tem uma rota pré-determinada à sala de aula e só pode usar um banheiro específico, para diminuir as chances de contágio.

Em Portugal, que tem escalonado sua volta às aulas desde 18 de maio, as crianças da pré-escola fizeram parte da última leva de estudantes que retornaram à escola. Em um vídeo produzido pela Direção Geral de Estabelecimentos Escolares, pede-se que as crianças "não toquem na boca, no nariz e nos olhos, mesmo que estejam com as mãos limpas", e conversem com os professores "se estiverem tristes ou se sentindo mal".



Saúde mental e perigo de evasão escolar

Muitos educadores também se questionam como estarão, do ponto de vista emocional, as crianças que estão voltando às aulas presenciais. "Para algumas crianças, a quarentena foi um período seguro e agradável. Para outras, foi traumática e desafiadora", diz a Fundação Britânica de Saúde Mental em documento de orientação à volta à escola, lembrando que muitas famílias podem ter perdido entes queridos ou sua fonte de renda, ou enfrentado problemas mentais (como depressão) durante o período de confinamento.

Isso pode se refletir em crianças mais retraídas, ansiosas ou irritadas em sala de aula, aponta a fundação. Outras podem ter dificuldades iniciais em se concentrar e se readaptar à rotina escolar.



Entre as recomendações do órgão estão dar espaço às crianças para que falem de seus sentimentos — entre si, em sala de aula e em conversas individuais com educadores. E também de dar tempo para que os vínculos entre as crianças e as escolas sejam refeitos.

Ao mesmo tempo, o bem-estar físico e mental das crianças tem sido usado também como argumento por gestores para defender a volta às aulas.



Na França, o ministro da Educação, Jean-Michel Blanquer, disse que se tratava de uma "emergência social" colocar os jovens de volta nas escolas, pelo medo de que uma parcela dos alunos não conseguisse concluir os estudos ou evadisse, criando "uma geração perdida de crianças que foram impedidas por meses de frequentar a escola".

No relatório Estratégias para a Reabertura de Escolas, feito por Unicef, Unesco, Banco Mundial e o Programa da ONU para Alimentação, os organismos afirmam que "quanto mais tempo as crianças marginalizadas ficarem fora da escola, menor é a probabilidade de que retornem. Crianças de lares mais pobres já têm cinco vezes mais probabilidade de não estar na escola primária, em comparação com lares mais ricos. Ficar fora da escola também aumenta o risco de gravidez na adolescência, exploração sexual, casamento infantil, violência e outras ameaças."



O debate de quando reabrir

Mas qual é a hora certa de reabrir? "O momento de reabertura de escolas deve ser guiado pelo melhor interesse das crianças e por preocupações gerais de saúde pública, com base na avaliação dos riscos e benefícios e das evidências (locais)", diz o documento da ONU.

Não é uma avaliação simples. Na França, por exemplo, onde a reabertura começou em 11 de maio, algumas escolas tiveram de fechar temporariamente na semana seguinte, depois que surgiram 70 novos casos de covid-19 no ambiente escolar (embora a percepção fosse de que, diante do tempo de incubação do coronavírus, o contágio dessas pessoas provavelmente ocorreu antes da volta às aulas).



No Reino Unido, a reabertura das escolas encontrou resistência entre cientistas e gestores escolares, muitos dos quais consideraram 1° de junho cedo demais em um país com um dos mais altos números de mortes por covid-19 no mundo. Algumas escolas se mantiveram fechadas a despeito da autorização do governo e, na Escócia, a volta às aulas é prevista apenas para agosto, e mesmo assim em modelo híbrido — parte dos estudos em casa, e outra parte no ambiente escolar.

Em meados de junho, alunos mais velhos já começaram a voltar à escola, mas quase todos eles só estão tendo aulas presenciais por no máximo dois dias por semana.



Mesmo 15 dias depois do início da retomada, ainda há dúvidas quando algumas escolas devem ser reabertas, abrindo uma disputa entre parlamentares e sindicatos de professores.

O parlamentar trabalhista Jonathan Gullis acusou o Sindicato Nacional de Educação britânico de "promover uma campanha política (...) para garantir que as escolas não reabram". Uma representante do sindicato afirmou que, com a atual proporção alta de alunos por professores, é muito difícil reabrir as escolas e garantir medidas de segurança e distanciamento social.



Na Coreia do Sul, à semelhança da França, algumas escolas fecharam poucos dias após reabrirem, diante de novos picos de casos de covid-19 no país. Mais de cem escolas sul-coreanas também adiaram sua reabertura.

Mas, mesmo com adiamentos, a reabertura tem ocorrido ali: a última leva de estudantes estava prevista para voltar às escolas no dia 8. O que tem sido feito para mitigar os riscos é escalonar não apenas as séries com aulas, mas também horários de aula, de almoço e recreio. O tempo de aula presencial é menor do que o pré-pandemia, e parte do conteúdo segue sendo ensinado no ambiente virtual.



No início, classes do ensino fundamental poderão funcionar com um terço dos alunos; as do ensino médio, com dois terços.

O governo sul-coreano também tem inspecionado escolas e, apenas entre as preparatórias para o vestibular, foram encontradas 10 mil com problemas de adequação às novas normas sanitárias.



E a reabertura tem despertado dúvidas, segundo o jornal Korea Times. Como apenas os alunos do último ano do ensino médio estão autorizados a frequentar as escolas todos os dias, alguns pais dos alunos das demais séries têm se questionado se é produtivo mandar seus filhos à escola apenas um ou dois dias por semana, e se isso vale a pena o risco de as crianças contraírem a covid-19.

Em Cingapura, o escalonamento e a supervisão também são rígidos. Os primeiros a regressar à escola foram os dos anos finais do ensino médio, que se preparam para exames de ingresso nas universidades. E lá também ainda estão sendo mescladas atividades presenciais com as virtuais.



Alunos mais velhos são responsáveis por higienizar as próprias carteiras escolares. Aulas de educação física são feitas em ginásios grandes, com alunos fazendo atividades físicas individuais orientadas por um professor em um microfone.

Normas de higiene

Em todos os países, a preocupação maior, é claro, é com as normas de higiene para reduzir a chance de contágio.



Os CDCs, centros de controle de doenças dos EUA, produziram um guia com orientações específicas de higiene: desde a diluição ideal para desinfetantes até orientações para deixar as salas mais ventiladas e com o máximo possível de exposição ao sol, o que ajuda a matar o coronavírus. Outra orientação importante é de que escolas e demais locais não estoquem materiais de limpeza em excesso, para evitar a escassez em varejistas.

O documento da ONU de reabertura de escolas pede que países e regiões emitam protocolos de higiene que sejam claros e de fácil entendimento, que educadores de grupos de risco sejam preservados do ambiente presencial, que exames escolares não essenciais sejam adiados, que pagamentos de salários sejam preservados e que a higiene pessoal ganhe novo protagonismo neste período de pandemia.



Em artigo na revista científica Lancet, membros da Unesco falam da promoção da "alfabetização higiênica": "professores devem agir como promotores da saúde para seus alunos desde cedo, estimulando ativamente hábitos de atividades físicas, boa higiene pessoal e dieta balanceada, e advertindo para as consequências de comportamentos de risco", diz o texto.

"Pode-se usar para isso uma grande variedade de atividades participativas, como debates, trabalhos em grupo, atividades baseadas em situações da vida real, contação de histórias, simulações, jogos educativos, artes, música, teatro e dança."




Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal
CLIQUE NA FOTO PARA ACESSAR TABELA DE HORÁRIOS

Leia também

Acidente na SP 191 entre carreta e ônibus transportando trabalhadores acontece nesta manhã (17), em Conchal – No mesmo local outro acidente fez vítima fatal na noite de ontem (16)

Por: Gean Mendes e Beto Ribeiro Um acidente envolvendo uma carreta carregada com sorgo e um ônibus que transportava trabalhadores aconteceu na manhã de sexta-feira (17), por volta das 6h40min, na SP 191, estrada que interliga os municípios de Conchal à Araras. A carreta que veio do estado de Goiás iria descarregar em uma empresa no município de Conchal. Os trabalhadores que ocupavam o ônibus, são de uma empresa situada no município de Araras.    Segundo informações dos passageiros do ônibus, ambos os veículos transitavam no mesmo sentido, Araras para Conchal, quando o motorista da carreta acabou se perdendo. O ônibus que estava logo atrás, colidiu na traseira da carreta. A carreta atravessou a pista e só parou na entrada da estrada vicinal, próximo a empresa Jocar. O ônibus saiu da pista, bateu em uma placa e parou próximo a um barranco. O ônibus transportava pelo menos vinte e seis trabalhadores. As primeiras informações que foram fornecidas pelos trabalhadores que e

Levantamento de déficit habitacional está sendo realizado em Conchal - O trabalho feito pela correspondente do CAIXAAQUI também tem como objetivo “orientar” sobre trâmite necessário para aquisição da casa própria

Na última sexta-feira (17), o F5 Comchal realizou uma entrevista com a correspondente do CAIXAAQUI / GRUPO IBX Soluções e Negócios, Ildacy Botelho. Na ocasião, foi anunciado que partir desta segunda-feira (20), a empresa estaria realizando um cadastro para o “de déficit habitacional” no município. O objetivo é saber o número de casas que faltam para atender as necessidades de moradia da população. A empresa também tem como objetivo, orientar aqueles que não possuem casa própria e, analisar as condições financeiras e documentais de cada inscrito, para estudos a fim de contribuir para que o cidadão conquiste um imóvel. O pré-cadastramento está sendo realizado na biblioteca municipal, no centro da cidade, das 13hs as 19hs. Ainda não há previsão do dia para o término. Documentos CPF RG Comprovante de residência Comprovação de Renda   Hoje, segunda-feira, por volta das 12hs, uma hora antes de iniciarem os trabalhos, uma enorme fila já se formava ao entorno do local. O F5 foi até

Quadra “H” - Policia Civil investiga aparecimento de três nascituros e desaparecimento de um cadáver no cemitério municipal de Conchal

A Policia Civil investiga o aparecimento de três nascituro que estão sepultados em covas separadas, na mesma rua, da quadra “H”, no cemitério municipal de Conchal, cidade do interior de São Paulo. O caso veio à tona em 2020, quando uma família precisou sepultar um parente no mesmo túmulo, onde nos anos 80 teria sido sepultado um outro ente da família. Quando a sepultura foi aberta, os familiares perceberam que a ossada do falecido não estava no local, porém outro cadáver, um nascituro, ocupava o espaço. Segundo consta, na tentativa de localizar o cadáver desaparecido, servidores municipais responsáveis pelo setor, resolveram verificar se em túmulos ao lado, poderia estar o cadáver desaparecido. Essa atitude se fez necessária pois os responsáveis acreditavam que as plaquinhas que identificam os túmulos no cemitério poderiam ter sido subtraídas ou até mesmo trocadas, considerando as inúmeras vezes que o local já foi atacado por vândalos e ladrões de sepultura. Os servidor

Acusado de matar obstetriz com 16 facadas em Conchal será julgado na próxima sexta-feira (24) – Caso aconteceu em maio de 2018 – Em entrevista ao F5 familiares pedem por "justiça"

  Na próxima sexta-feira (24), acontecerá o julgamento do acusado de ter assassinado de forma brutal, a obsteriz Nelly Cristina Venite de Souza Maria, de 27 anos, na época. O caso aconteceu na madrugada de 19 de maio de 2018, em Conchal. Nelly foi encontrado no apartamento onde morava, com 16 golpes de faca e com ferimentos na cabeça, braços e tórax, além de sinais de estrangulamento. De acordo com a GCM, que atendeu a ocorrência naquela noite, um vizinho contou ter ouvido a vítima pedir socorro por volta das 3h e acionou as autoridades. Quando os gritos cessaram, ele viu o suspeito sair da kitnet onde a moça morava. No dia 20 de maio de 2018, o suspeito de assassinar Nely, foi preso pela Polícia Militar no município de Malacacheta (MG).  Passado mais de três anos, a família e os amigos sofrem e imploram por justiça. Nesta semana, o F5 conversou com alguns dos familiares de Nely. O Pai da vítima disse ser impossível  suportar a perda. “Suportar o insuportável e quas

Correios vão leiloar mais de 61 mil itens que não foram retirados em agências - Leilão será realizado no próximo dia 27

Os Correios vão realizar, no próximo dia 27, um leilão de objetos classificados como refugos, aqueles que não foram entregues ao destinatário ou foram devolvidos ao remetente, após todas as tentativas de entrega e terminado o prazo de direito à reclamação. Esse prazo pode variar entre sete e 30 dias, a depender do objeto. A empresa informou que serão leiloados de 61 mil itens, entre peças de vestuário, microinformática, equipamentos eletrônicos, acessórios para veículos, bijuterias e livros, entre outros. Os valores iniciais dos lotes variam entre R$ 1.303 até R$ 85.050. Para participar do certame, os interessados devem se cadastrar na plataforma Licitações-e do Banco do Brasil . Após a conclusão dessa etapa, pessoas físicas e jurídicas conseguem enviar propostas de forma eletrônica para participar da disputa online. “O edital com todas as informações está disponível na plataforma Licitações-e, pelo nº 893602, e também na página de licitações dos Correios. Basta fazer a busca

Tudo o que você precisa, em um só lugar

Tudo o que você precisa, em um só lugar
Acesse Amazon

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?
Clique na imagem e nos envie o seu nome e idade

VEJA TAMBÉM

Acidente na SP 191 entre carreta e ônibus transportando trabalhadores acontece nesta manhã (17), em Conchal – No mesmo local outro acidente fez vítima fatal na noite de ontem (16)

Por: Gean Mendes e Beto Ribeiro Um acidente envolvendo uma carreta carregada com sorgo e um ônibus que transportava trabalhadores aconteceu na manhã de sexta-feira (17), por volta das 6h40min, na SP 191, estrada que interliga os municípios de Conchal à Araras. A carreta que veio do estado de Goiás iria descarregar em uma empresa no município de Conchal. Os trabalhadores que ocupavam o ônibus, são de uma empresa situada no município de Araras.    Segundo informações dos passageiros do ônibus, ambos os veículos transitavam no mesmo sentido, Araras para Conchal, quando o motorista da carreta acabou se perdendo. O ônibus que estava logo atrás, colidiu na traseira da carreta. A carreta atravessou a pista e só parou na entrada da estrada vicinal, próximo a empresa Jocar. O ônibus saiu da pista, bateu em uma placa e parou próximo a um barranco. O ônibus transportava pelo menos vinte e seis trabalhadores. As primeiras informações que foram fornecidas pelos trabalhadores que e

Quadra “H” - Policia Civil investiga aparecimento de três nascituros e desaparecimento de um cadáver no cemitério municipal de Conchal

A Policia Civil investiga o aparecimento de três nascituro que estão sepultados em covas separadas, na mesma rua, da quadra “H”, no cemitério municipal de Conchal, cidade do interior de São Paulo. O caso veio à tona em 2020, quando uma família precisou sepultar um parente no mesmo túmulo, onde nos anos 80 teria sido sepultado um outro ente da família. Quando a sepultura foi aberta, os familiares perceberam que a ossada do falecido não estava no local, porém outro cadáver, um nascituro, ocupava o espaço. Segundo consta, na tentativa de localizar o cadáver desaparecido, servidores municipais responsáveis pelo setor, resolveram verificar se em túmulos ao lado, poderia estar o cadáver desaparecido. Essa atitude se fez necessária pois os responsáveis acreditavam que as plaquinhas que identificam os túmulos no cemitério poderiam ter sido subtraídas ou até mesmo trocadas, considerando as inúmeras vezes que o local já foi atacado por vândalos e ladrões de sepultura. Os servidor

Oportunidade de emprego – Umaflex de Conchal está contratando; Veja vagas

  A empresa Umaflex em Conchal abriu vagas para contração de: ·        Setor Administrativo   ·        Engenheiro produção ·        Motorista ·        Auxiliar de produção ·        Carregamento, Os interessados devem enviar o currículo para o email: Curriculos@umaflex.com.br

Quadrilha armada faz reféns em Conchal e rouba pertenceres de alto valor na residência das vítimas – Antes da invasão os criminosos provocaram queda de energia no bairro

Pelo menos cinco criminosos invadiram uma residência localizada na area central, em Conchal (SP). O crime aconteceu por volta das 22hs de sexta-feira (27). Uma das vítimas, uma mulher , chegou a escutar algum barulho vindo do quintal, foi quando telefonou para pedir ajuda à segunda pessoa, um homem . Pouco tempo depois faltou a energia elétrica no local. Após ouvir que alguém estava mexendo na fechadura da porta, a vítima correu e se trancou no quarto. Nesse momento, os criminosos já teriam pulado o muro que dá acesso ao quintal do imóvel e invadido a casa.  Quando a segunda vítima, o homem, chegou ao local, também foi rendido pelos bandidos. Sob ameaça de morte, as vítimas foram abrigadas a ficarem trancadas e um dos cômodos da casa. O bandido que vigiava as vítimas também estava armado. Os criminosos roubaram 3 aparelhos de telefone celular, joias, relógios, valores em dinheiro, além de documentos pessoais e cartões de banco. A polícia investiga o caso.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem comete suicídio em Conchal neste domingo (29), um dia após comemorar aniversário

O jovem de aproximadamente 21 anos, morador da cidade de São Paulo, segundo registrado, foi encontrado por uma cidadã conchalense, em uma construção, por volta das 19:10hs, deste domingo (29).   Segundo informações obtidas no local dos fatos pela nossa reportagem e, confirmadas em registro de boletim de ocorrência. Uma cidadã conchalense (Aline), esteve nesta construção, localizada à rua Benedito Novo, no bairro Novo Horizonte, em Conchal, para conhecer o local, onde segundo informações pretendia alugar ou comprar antes mesmo do término da obra.   Chegando ao imóvel em construção, ao entrar em um dos cômodos, a testemunha se deparou com um corpo suspenso, pendurado, enforcado, com uma mangueira em torno do pescoço.   A testemunha acionou a Policia Militar que passava pelo local naquele momento. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), a Polícia Cientifica, representada pela perita Mariana, fotógrafo Marco e, a Policia Civil, representada pelo GCM Ivam, que auxilia

Linha com cerol provoca acidente fatal na tarde desta sexta-feira (28) em Conchal

Por volta das 15h40min, desta sexta-feira (28), um homem de 42 anos de idade, morador de Conchal, foi atingido fatalmente por uma linha com cerol, quando passava com sua moto pela Rua dos Battel, próximo a escola Bela Vista, no bairro Esperança 3, em Conchal, SP. Moto da vitima  Segundo testemunhas a vítima ainda conseguiu andar alguns metros, até a esquina com a rua dos Maiochi, lugar onde acabou perdendo os sentidos. O SAMU foi acionado, porém quando chegou ao local foi constatada morte eminente, devido extensa laceração na região do pescoço. A ocorrência ainda está em andamento. A Polícia Militar está no local. O responsável pela linha com cerol que tirou a vida do trabalhador, ainda não foi identificado. Vale lembrar, que a venda e/ou utilização de linha com cerol ou linha chilena, com também é chamada, é crime.     

Polícia Militar liberta homem que seria julgado por ‘tribunal do crime’ e prende 11 pessoas em Conchal

Por: Beto Ribeiro Repórter   Na noite de domingo (20), os policiais militares cabo Barros e soldado Consoni, estavam em patrulhamento de Força Tática pelo município de Araras (SP), quando receberam informações via COPOM, que pela cidade de Conchal (SP), estava ocorrendo um suposto "tribunal do crime", em andamento em um bar, pelo bairro Jardim Esperança III. De imediato, foi realizada uma diligência até o local, com o apoio de outras viaturas.   A informação dava conta de que um rapaz havia sido sequestrado e que estava sendo agredido, e provavelmente seria morto, ainda conforme as informações os envolvidos aumentaram o som do estabelecimento, para que os gritos não fossem ouvidos. O local indicado é o conhecido Bar HM, de propriedade de um indivíduo já conhecido nos meios policiais e o estabelecimento é afamado ponto de tráfico.   Defronte ao bar, havia um porco no rolete sendo feito, sendo que ali estavam três indivíduos, os quais, ao perceberem a chegada das vi

Resposta rápida – Após investigação Policiais Civis de Conchal prendem segundo suspeito de participação no homicídio de Elisângela, 46 anos - Suspeito teria praticado sexo com a vítima após homicídio. Assista entrevista.

Nesta terça-feira Conchal amanheceu com a triste notícia de homicídio que teve como vítima a costureira de 46 anos de idade, Elisângela Montaute. O crime aconteceu na noite de ontem, segunda-feira (16), tendo a ocorrência atendida pela Polícia Municipal, que conseguiu prender o suspeito ainda no local. Conforme a primeira informação noticiada pelo F5 Conchal, um homem de 22 anos de idade foi preso pela GCM, suspeito de matar Elisângela. Na residência estava Elizangela junto com o suspeito de 22 anos. O homem preso alegou que a mulher foi agredida por um indivíduo desconhecido, que a atingiu com um pedaço de madeira na cabeça, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública. Elisângela Montaute foi morta a facadas em Conchal — Foto: Reprodução/Facebook Disse ainda que, o mesmo suspeito que teria invadido a casa, também o teria agredido, ordenando que ele matasse a mulher com golpes de faca. Entretanto, ao ser questionado novamente, ele mudou a versão e confesso

Homem de 23 anos é assassinado nesta quarta-feira (23) com 3 tiros e 6 facadas em Conchal

O crime aconteceu por volta das 20h25min desta quarta-feira (23), à rua Cândida  Battel, no bairro Jardim Peres, em Conchal.   A Guarda Municipal atendeu a ocorrência com o apoio da Policia Militar.   Segundo informações fornecidas por moradores próximo ao local, a vítima Michael Willian Mendes da Silva, 23 anos, foi abordado por pelo menos dois indivíduos encapuzados.   Michael tentou fugir, mas foi golpeado com pelo menos 6 facadas e três tiros, segundo constatado pela Policia Cientifica que esteve no local dos fatos. A polícia investiga o caso.              

Dois acidentes, 1 com vítima fatal aconteceram noite passada em Conchal

O primeiro acidente aconteceu no trevo da rodovia próximo ao cemitério de Conchal. Segundo informações de populares, o motorista do veículo que aparece na imagem acima, perdeu o controle da direção vindo a capotar.   A policia rodoviária foi acionada e o motorista foi socorrido. O segundo acidente aconteceu na rodovia Martinho Prado/Conchal. Segundo informações fornecidas pelo comandante da Guarda Municipal de Conchal, o acidente teria acontecido após um veículo, possivelmente um Ônix, ter colidido com um veículo Parati. Publicações nas redes sociais indicam que o motorista da Parati, um homem, veio a falecer.   O F5 Conchal está apurando mais informações, de ambos os acidentes, junto a policia rodoviária. Em breve mais informações.

Conchal/SP - Sem sintomas, jovem de 22 anos descobre que está grávida após 37 semanas de gestação – O fenômeno é chamado pelos médicos, de “gravidez silenciosa”

O caso aconteceu em Conchal e foi descoberto no dia 10 deste mês pela jovem, que após sentir fortes dores resolveu procurar o médico. A conchalense Jeniffer Adrielli , 22 anos, estudante de enfermagem, deu à luz a uma linda menina de 49 centímetros, pesando 2.400Kg, após 37 semanas e 5 dias de gestação, sem sentir absolutamente nenhum sintoma.   Jeniffer nos contou que fazia uso de anticoncepcional.   WhatsApp:  (19) 99864 2355 - 📞 (19) 3866 2524 A jovem dizia estar sentindo cólica de rim, e por isso, foi ao hospital Madre Vannini, em Conchal, no dia 10 de fevereiro.   O profissional que a atendeu solicitou um exame de urina, após algum tempo o exame constatou uma forte infecção. Um exame para identificar gravidez foi realizado e foi neste momento que a jovem foi surpreendida, Jeniffer mal sabia que a surpresa maior ainda estava por vir. O F5 entrevistou Jeniffer e sua mãe. A entrevista completa será exibida em vídeo, no próximo dia 26, sexta-feira. Você não pode perder!!  

Corpo é encontrado em cova rasa em Conchal

Pessoas próximas ao local dos fatos escutaram barulhos de tiros e acionaram a Guarda Municipal de Conchal, por volta das 17:45hs, do primeiro dia de 2021, no bairro Arurá, em Conchal   Pouco tempo após serem acionados a GCM chegou no lugar indicado pelos denunciantes. Em breve busca, os GCM’s encontraram pelo menos seis capsulas de calibre 38 deflagradas e muito sangue. Os GCM’s continuaram averiguando o local e encontraram rastros pela mata. Seguindo o rastro foi encontrado uma cova rasa, onde o corpo de um homem estava enterrado. Informou ao F5 o comandante da GCM, Benedito Aparecido Abreu.   O delegado de Polícia Civil Dr José Francisco, compareceu ao local acionando a Policia Cientifica.   A vítima foi previamente identificada como sendo, Eduardo Lacerda. A polícia investiga o crime.

Entradas de Conchal serão fechadas temporariamente pela prefeitura – O município ficará apenas com a entrada da Avenida João Paulo II (cemitério) aberta e com barreira sanitária

Foto: Gean Mendes (F5) - Barreira Sanitária 21/05/2020, Conchal A prefeitura de Conchal fechará temporariamente todas as principais entradas da cidade, deixando aberta apenas a entrada da Avenida João Paulo II (cemitério), que contará com barreira sanitária.   A medida se faz necessária por conta do feriado prologado onde o fluxo de pessoas que viajam para o interior aumenta consideravelmente, principalmente após a suspensão da operação descida do Sistema Anchieta-Imigrantes decretada pelo Governo do Estados, após a prefeitura da capital antecipar cinco feriados municipais. A previsão é que a partir desta quarta-feira (24), os trabalhos de colocação de barreiras nas entradas da cidade iniciem.   Até a próxima sexta-feira (26), todos os acessos estarão fechados, exceto o da avenida João Paulo II. Diversas cidades da região estão adotando medidas semelhantes ou ainda mais restritivas, com o objetivo de desestimular as viagens ao interior. Em Conchal já há paciente em situação gra

Caminhoneiro de Conchal vitima fatal em Rio Claro ligou para pedir ajuda após explosão

Foto reprodução EPTV   O motorista que morreu após a explosão de um caminhão em um posto de combustíveis em Rio Claro (SP) conseguiu ligar após o acidente para avisar que havia perdido uma perna e que precisava de ajuda. As informações são do G1 São Carlos/Araraquara O caminhoneiro Jovino Rocha de Andrade teve a morte confirmada pela Santa Cansa às 4h10 desta quinta-feira (1º). Ele tinha 51 anos e era um dos socorridos em estado grave no acidente que deixou 15 feridos. Até o início da manhã desta quinta, cinco pessoas haviam sido socorridas para a Santa Casa e dez haviam sido levadas para a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Ipeúna. Seis delas já haviam recebido alta e quatro seguiam internadas. Ajuda Andrade, que morava em Conchal (SP) e mantinha uma transportadora com quatro caminhões, preparava-se para uma viagem ao Rio de Janeiro e, no momento do acidente, abastecia dois caminhões no posto. Ele estava acompanhado da esposa grávida, que aguardava em uma caminhonete, e de outro m