Novidade!

Segundo governador João Doria, o calendário de retorno às aulas presenciais em São Paulo será apresentado na próxima semana


Por Mariana Diniz

A divulgação está prevista para 24 de junho, mas Doria alerta que o retorno presencial em São Paulo não será breve.

O governador João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (17) que o anúncio do calendário de retorno às atividades escolares presenciais será feito pela Secretaria Estadual de Educação no dia 24 de junho. Porém, Doria disse em entrevista à rádio BandNews FM de SP que a divulgação depende da recuperação do secretário Rossieli Soares que, no Hospital 9 de Julho, passava por tratamento para Covid-19. O secretário teve alta nesta quarta-feira. 



"Na semana que vem, o secretário Rossieli Soares, que está se recuperando da Covid-19 e, felizmente, está se recuperando bem, vai anunciar provavelmente na quarta-feira, 24, um novo calendário escolar presencial. Até essa informação e até a volta [das aulas], que não será breve, vamos deixar claro pra não criar expectativas aos que estão nos ouvindo aqui. [A volta às aulas] será segura e no momento correto e será anunciada no próximo dia 24 pelo próprio secretário Rossieli", informou João Doria.

Na entrevista, o governador paulista declarou que o retorno às aulas não será breve e só estará previsto na última etapa do Plano São Paulo de flexibilização da quarentena, que fixa metas e indicadores para que os municípios paulistas possam voltar gradualmente às atividades.



"Em todo o mundo, a última etapa foi a etapa do ensino, porque o risco é maior de contágio. Então, nós faremos isso de forma muito cuidadosa. E no dia 24 de junho, quarta-feira da próxima semana, o secretario da educação Rossieli Soares anunciará quando as aulas poderão voltar, em que nível [se referindo às cores do Plano SP], em que momento e com quais protocolos", afirmou Doria.

No ensino particular, o protocolo de retomada está pronto desde maio. São mais de sessenta medidas como disponibilizar água, sabão e álcool gel aos alunos e professores, suspender atividades coletivas, medir a temperatura de todos que forem entrar na escola, e reduzir número de alunos nas salas de aula.



Garantir as condições pedagógicas para uma retomada é tão importante quanto os critérios sanitários. As escolas particulares estabeleceram que vão realizar uma avaliação do nível de aprendizado dos alunos, ampliar a jornada diária e repor as aulas aos sábados e em turnos alternativos.



Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Campanha da Acico distribui quase R$ 60 mil em prêmios

Procurado pela Justiça é capturado pela PM durante patrulhamento em Conchal, SP

Banco do Brasil anuncia programa de demissão voluntária e fechamento de 361 unidades

Artistas de Conchal não receberão auxilio da Lei Aldir Blanc e mais de 217 mil terá que ser devolvido ao Governo – Diversos erros no processo elaborado pelo setor de turismo da cidade tonaram inviáveis os pagamentos

Polícia Militar aborda veículo com “pé” para fora do porta-malas na Rodovia Anhanguera em Araras, SP

Homem sofre tentativa de homicídio no Jd Bela Vista em Conchal – O crime aconteceu por volta das 6:50hs deste sábado (9). A GCM atendeu a ocorrência

Casal se perde no meio do mato e é resgatado pela Polícia Militar na zona rural de Araras, SP

Bolsonaro sobre CoronaVac: "Agora estão ouvindo a verdade"

Polícia Militar desmonta centro de associação ao tráfico em Leme

Ford fecha todas as fábricas e encerra produção no Brasil

Todas as Publicações

Mostrar mais