As mães demitidas durante a pandemia: 'Tentei conciliar trabalho com meu bebê, mas perdi o emprego' Pular para o conteúdo principal

Clique na imagem e fale com a gente!

As mães demitidas durante a pandemia: 'Tentei conciliar trabalho com meu bebê, mas perdi o emprego'



A pandemia chegou quando a advogada Nádia Silva, de Goiás, estava em seu segundo mês de licença-maternidade. Mãe solo (embora receba pensão do pai da criança), ela pretendia juntar um mês de férias à licença e aproveitar o período para encontrar um berçário para deixar o bebê quando voltasse ao trabalho. O plano não deu certo: os berçários continuam fechados, e a empresa exigiu a volta dela sem conceder as férias.

A analista de contratos tentou equilibrar tudo - cuidados com o bebê, trabalho em tempo integral em home office e cuidados com a casa -, mas a situação ficou insustentável.

"Às vezes eu acordava às 4h da manhã para terminar meu trabalho antes de o bebê acordar. E também fazia todo o trabalho doméstico", conta à BBC News Brasil. "Dois meses depois, pedi para a empresa um novo arranjo e um aumento, para eu poder pagar uma babá. Acho que eles acharam que eu não valia tudo isso. A generosidade deles foi de me demitir, o que pelo menos me deu uma indenização."
No momento, Nádia não enxerga formas de voltar ao mercado de trabalho. "Não tenho muito apoio na família para cuidar do bebê, não tenho perspectivas de haver creche e berçário com segurança agora. É difícil, porque eu me esforcei bastante, trabalhava dia e noite, com uma sobrecarga emocional enorme. Você se sente desvalorizada como mulher e como mãe."



Sinuca

Em Santa Catarina, Taís (os sobrenomes de algumas entrevistadas serão omitidos para proteger sua identidade) está há um mês em seu novo emprego, que aceitou por lhe permitir trabalhar remotamente enquanto cuida dos filhos menores, de 8 e 12 anos. Mas agora a empresa planeja voltar ao trabalho presencial, colocando Taís - que também é mãe solo - em uma sinuca de bico.

"O que eu vou fazer com as crianças? Passei por todo o treinamento no trabalho, mas neste mês não tenho como voltar (para um escritório)", diz à BBC News Brasil, temendo ser forçada a abrir mão do novo emprego em plena pandemia - e poucos meses depois de ter sido demitida de um cargo anterior em outra empresa. O motivo da demissão: os chefes viram mensagens de texto que ela havia mandado a colegas, questionando a política da empresa de não migrar para o teletrabalho no início da quarentena.

Agora, diz ela, "as minhas dívidas estão crescendo, e o valor da pensão das crianças é baixo. Dá o nervosismo de precisar trabalhar, mas como vou deixar as crianças? Não posso botar a responsabilidade em cima do meu filho mais velho. Óbvio que vou escolher ficar com eles em vez do emprego".



Marcella, moradora da Grande São Paulo, não tem filhos, mas se comoveu, ainda em março, ao descobrir que uma colega de trabalho estava tendo de deixar os filhos de 5 e 7 anos sozinhos em casa porque a empresa delas, uma multinacional de prestação de serviços, não criou uma política de teletrabalho em um momento em que as escolas já haviam fechado as portas. Mas, quando Marcella discutiu o caso com uma superior, ouviu apenas: "não posso fazer nada".

"Fiquei desesperada com aquilo. Eu estava em uma situação privilegiada porque não tinha filhos, mas pensei nas mulheres mães. Comecei a ficar muito mal, sem conseguir dormir", conta.

Ao denunciar o caso ao setor de compliance da empresa e questionar seu chefe a respeito do caso, Marcella diz que foi demitida, sob a justificativa de "corte de gastos na pandemia".

"Estou procurando emprego remotamente, tentando encontrar um lugar menos pior no mundo corporativo", afirma.

A colega mãe, Marcella soube mais tarde, continuou trabalhando presencialmente e precisou contratar uma pessoa para cuidar dos filhos.



'Retrocesso de 30 anos na participação feminina'

Os exemplos acima encontram respaldo nos números: embora a pandemia tenha provocado desemprego em massa e bagunçado arranjos profissionais de modo generalizado, as mulheres - e as mães de crianças pequenas, em especial - estão entre os grupos mais afetados, ao serem colocadas em situações-limite nas empresas ou por simplesmente não encontrarem formas de conciliar o trabalho com o cuidado com os filhos.

No segundo trimestre de 2020, o desemprego medido pela pesquisa Pnad Contínua, do IBGE, foi de 12% entre homens e 14,9% entre mulheres. A mesma pesquisa mostrou, em junho, que 7 milhões de mulheres haviam deixado o mercado de trabalho na última quinzena de março, contra 5 milhões de homens.

E análises mais detalhadas dos dados históricos mostram um retrocesso de três décadas da presença profissional feminina, segundo o pesquisador do Ipea Marcos Hecksher.



Em dados cedidos inicialmente para o G1, ele identificou que, durante a pandemia, a participação das mulheres no mercado de trabalho, que vinha aumentando gradativamente, voltou para o nível observado em 1990.

Participação das mulheres no mercado de trabalho é a menor em 30 anos, diz Ipea

Só no subgrupo de mulheres com filhos de até dez anos, a participação delas no mercado caiu de 58,3% no segundo trimestre de 2019, para 50,6% no segundo trimestre de 2020. Na prática, só a metade delas, portanto, está no mercado profissional.

"Historicamente, o nível de desemprego é maior e a participação no mercado é menor entre as mulheres, mas vinha ocorrendo uma lenta convergência para o nível dos homens", explica Hecksher à BBC News Brasil.



"Só que a pandemia os afastou de novo. Os homens foram impactados, mas elas foram ainda mais. Demos um salto de 30 anos para trás na participação feminina. Não levaremos outros 30 anos para recuperar isso, mas tampouco será algo rápido."

Os custos disso não serão sentidos apenas por elas, mas por toda a economia brasileira, prossegue o pesquisador.

Isso porque a entrada das mulheres no mercado foi crucial para aumentar o PIB (Produto Interno Bruto) - o somatório dos bens e serviços produzidos no país.

Invisibilidade do trabalho não remunerado
E por que elas estão sendo mais afetadas do que os homens?

As diferenças são estruturais e em grande parte ligadas ao trabalho não remunerado de cuidados com os filhos, diz Hecksher.



"Temos estudos no Ipea que mostram que, quando a mulher fica grávida, ela muitas vezes para de trabalhar e também de estudar. E com o pai não acontece nada. Quando o filho nasce, as mães em geral voltam aos poucos ao mercado de trabalho, mas ficam mais do que eles na informalidade. Isso é histórico, porque se atribui muito mais os cuidados dos filhos às mulheres".

É o caso, por exemplo, de Vânia Suster Sampaio, de Santo André (SP), mãe solo de três filhos. Ela já sabe que sua área de trabalho - produção de eventos - será uma das últimas a voltar à normalidade presencial quando a pandemia arrefecer.

Sem renda fixa desde março, ela não conta com pensão alimentícia regular. O fato de uma das filhas estar finalizando o tratamento de câncer (e portanto, ser do grupo de risco) também dificulta que ela saia de casa para procurar outros tipos de emprego.

"Preciso voltar ao ritmo de antes, ao meu valor de salário, ou não sei o que vai ser", conta Vânia, que tem contado com o auxílio emergencial do governo, com trabalhos freelance e com a ajuda de conhecidos. "Além da tensão de não ter emprego, é o dia inteiro recebendo ligação de cobrança (de pagamentos atrasados)."



'Situação insustentável e desumana'

O problema não se limita ao Brasil. Um levantamento da Universidade de Cambridge com dados do mercado de trabalho de EUA, Reino Unido e Alemanha durante a pandemia apontou que "mulheres e trabalhadores sem diploma têm chance significativamente maior de ter perdido seu emprego" em relação a outros grupos. O estudo nota que "entre a população que trabalha de casa, as mulheres passam significativamente mais tempo (ocupando-se) da educação e dos cuidados das crianças".

A pandemia escancarou um problema que antes era individual: o desequilíbrio nos cuidados com as crianças e a invisibilidade dessas tarefas perante o mercado de trabalho, afirma Maíra Liguori, diretora da Think Eva, organização de defesa dos direitos femininos que presta consultoria a empresas na promoção da igualdade de gênero.

"Existe uma situação insustentável e desumana para as mulheres com crianças, com efeitos duradouros", diz Liguori, uma vez que a interação de qualidade com adultos é crucial para a formação do cérebro e das habilidades emocionais das crianças, sobretudo as pequenas.



"Muitos dizem 'ah, não tenho culpa que ela quis engravidar'. Mas imagine como seria um mundo em que as mulheres não cuidassem mais das crianças? A gente esquece da importância desse trabalho de construir o futuro (da sociedade). Se queremos adultos saudáveis, precisamos que essa conversa saia do âmbito individual e vá para o coletivo."
Para Nádia Silva, a advogada que perdeu o emprego por não conseguir conciliá-lo com o filho pequeno, a sensação é de que "as pessoas não veem o papel social da mãe".

"Vigora um discurso de que a mulher vale menos", opina. "A empresa poderia ter negociado comigo. Seria o papel social dela. A gente acha importante não maltratar animal e reciclar lixo, mas não acha importante ajudar uma mãe a criar um filho?"

Mais empregos com menores jornadas?

Ao mesmo tempo, como trazer de volta mais mulheres para o mercado? Hecksher, do Ipea, defende que essa questão seja incluída no debate em torno de quanto imposto os empregadores devem pagar ao contratar funcionários em regime CLT.



Vigora, até o fim deste ano, a desoneração da folha em 17 setores da economia, e a prorrogação desse benefício é motivo de disputa entre o governo federal e o Congresso.

Hecksher é parte de um grupo de estudiosos que propõe que essa desoneração seja estendida para outros setores (no caso de novas contratações, e não de contratos já vigentes), mas aplicada apenas para jornadas de trabalho mais curtas.

"O objetivo é tornar mais barato que um empregador contrate duas pessoas por 20 horas semanais do que um funcionário por 40 horas semanais", diz ele.

"Com isso, conectamos mais gente ao mercado de trabalho formal. Isso tende a beneficiar mais as mulheres, que com mais frequência do que os homens (aderem) a jornadas parciais. Com isso, também daríamos um benefício às empresas por chamar alguém que está sem trabalho, em vez de concentrar mais trabalho em menos gente."

*Com informações de G1.




Comentários




A Minha Rádio é Massa!


Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal
CLIQUE NA FOTO PARA ACESSAR TABELA DE HORÁRIOS

Leia também

Adolescentes de Conchal Batem em Viatura da PM com Moto Furtada em Mogi Guaçu

Um atrapalhado cenário nas ruas de Mogi Guaçu, resultou em um incidente por volta das 00:30hs, de 14 de abril de 2024. Dois adolescentes, moradores do município de Conchal, tentaram fugir da Polícia Militar, com uma motocicleta furtada e acabaram se acidentando. Segundo o relato registrado na ocorrência, os eventos tiveram início quando o projeto radar detectou a presença na cidade de uma motocicleta BMW G310, que havia sido furtada em Limeira, São Paulo, no dia 11 de abril. As viaturas da Polícia Militar logo empreenderam uma perseguição à moto, que foi avistada próximo ao bairro Ype Pinheiros. O desfecho ocorreu quando o condutor da moto, um adolescente, perdeu o controle ao fazer uma curva na Rua Luiz Martini, invadindo a contramão e colidindo frontalmente com uma viatura da Polícia Militar. No veículo, além do jovem piloto, estava outro adolescente, que acabou sofrendo uma fratura na perna em decorrência do impacto. O socorro foi acionado, com o adolescente ferido sendo

Sino da Vitória: Família de Conchal Celebra a Vitória da Primeira Etapa Contra o Linfoma

A família Burgate, de Conchal, comemorou uma conquista monumental na jornada de sua matriarca, Solange Aparecida Braglin Burgate, contra o linfoma folicular. Solange tem enfrentado uma batalha corajosa e incansável. Neste primeiro ano de tratamento, as viagens semanais para o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo, eram uma rotina, uma jornada em busca de saúde e esperança. Mas hoje, os sorrisos são ainda mais amplos, pela chegada do dia de bater o “Sino da Vitória” em alusão a conquista do primeiro ano de tratamento com resultados animadores A alegria transbordou quando os exames revelaram a ausência de nódulos, um sinal positivo e encorajador do progresso conquistado. E foi com essa mesma alegria que a família se reuniu para celebrar mais uma vitória de Solange, uma guerreira que enfrentou cada desafio com determinação inabalável. O marido, Sérgio Burgate, expressou sua gratidão, destacando o apoio fundamental da Prefeitura de Conchal, em especial da Secretaria da Saúde e

Vídeo: Mulher leva tio morto ao banco para fazer empréstimo - Defesa diz que homem estava vivo quando chegou

O idoso de 68 anos que, segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, foi levado morto pela sobrinha a uma agência bancária para fazer um empréstimo de R$ 17 mil estava vivo quando chegou ao banco, segundo alega a defesa de Erika de Souza Vieira Nunes, presa por tentativa de furto mediante fraude e vilipêndio a cadáver nesta terça-feira (16). De acordo com a advogada da mulher, Ana Carla de Souza Correa, os fatos não aconteceram como foram narrados e tudo foi esclarecido à Polícia. “O senhor Paulo Roberto Braga chegou à unidade bancária vivo, e existem testemunhas que no momento oportuno também serão ouvidas. Toda essa parte processual será devidamente apreciada pelo juízo competente”, afirmou. Um vídeo que mostra o momento em que a mulher tenta fazer o tio assinar o empréstimo viralizou nas redes sociais e mostra Erika carregando o idoso em uma cadeira de rodas. Nas imagens, é possível notar que os funcionários da agência bancária, ao desconfiarem do estado de saúde do homem,

Condutores de ambos os veículos envolvidos em acidente na SP 191, são moradores de Conchal

Um trágico acidente na noite deste sábado (13) na rodovia "Wilson Finardi" - SP-191, próximo ao Centro de Ressocialização, deixou duas pessoas mortas e uma pessoa ferida. Um casal de idosos, residentes do Distrito de Tujuguaba, foi vítima fatal do incidente, que envolveu dois os veículos. Segundo informações preliminares da polícia, o acidente ocorreu por volta das 19h30, quando um carro Volkswagen/Gol, conduzido por um homem de 72 anos, e sua esposa, de 70 anos. Infelizmente, houve uma colisão frontal com um Honda/Civic, também operado por um morador local. Os Bombeiros Militares de Mogi Guaçu e os Bombeiros Municipais de Mogi Mirim foram rapidamente acionados para prestar socorro, porém, lamentavelmente, o casal não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local do acidente. O condutor do Honda Civic, de 74 anos, foi encaminhado à Santa Casa com ferimentos leves. A Intervias, concessionária responsável pela administração da rodovia, também prestou os primeiros

Santa Rita Domina e Conquista o 3° Campeonato Regional de Futebol em Conchal

Ontem, dia 14 de abril de 2024, os amantes do futebol em Conchal testemunharam um espetáculo de emoção e competição na grande final do 3° Campeonato Regional de Futebol Amador. Com um desempenho imponente, a equipe do Santa Rita conquistou o título de campeão, deixando sua marca com uma vitória impressionante por 5 a 0 sobre o Red Bull. ”O resultado final não refletiu a trajetória do vice-campeão, o Red Bull, que se viu abalado após sofrer o segundo gol e não conseguiu reagir, permitindo que o Santa Rita assumisse o controle da partida e ampliasse sua vantagem”, disse Ito. Os destaques do torneio foram: Campeão: Santa Rita Vice-campeão: Red Bull 3° lugar: SAJE 4° lugar: Ype Locatelli Ao todo, 14 equipes vindas de 6 cidades diferentes participaram do torneio regional, cada uma contribuindo com uma taxa de inscrição de 800,00 reais. O valor arrecadado foi revertido em premiação para os quatro primeiros colocados, demonstrando o compromisso em valorizar o esforço e o t

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?
Clique na imagem e nos envie o seu nome e idade

VEJA TAMBÉM

Condutores de ambos os veículos envolvidos em acidente na SP 191, são moradores de Conchal

Um trágico acidente na noite deste sábado (13) na rodovia "Wilson Finardi" - SP-191, próximo ao Centro de Ressocialização, deixou duas pessoas mortas e uma pessoa ferida. Um casal de idosos, residentes do Distrito de Tujuguaba, foi vítima fatal do incidente, que envolveu dois os veículos. Segundo informações preliminares da polícia, o acidente ocorreu por volta das 19h30, quando um carro Volkswagen/Gol, conduzido por um homem de 72 anos, e sua esposa, de 70 anos. Infelizmente, houve uma colisão frontal com um Honda/Civic, também operado por um morador local. Os Bombeiros Militares de Mogi Guaçu e os Bombeiros Municipais de Mogi Mirim foram rapidamente acionados para prestar socorro, porém, lamentavelmente, o casal não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local do acidente. O condutor do Honda Civic, de 74 anos, foi encaminhado à Santa Casa com ferimentos leves. A Intervias, concessionária responsável pela administração da rodovia, também prestou os primeiros

Furto e troca de tiros na Rodovia SP 191 Conchal/Araras Resultam em Recuperação de Carga e Morte de Indivíduo

Na noite de sexta-feira (29), por volta das 21h30, uma ocorrência policial de grande magnitude teve desfecho na Rodovia SP 191, entre os municípios de Conchal e Araras. O evento teve início após a Polícia Militar ser informada, via 190, sobre o furto de um veículo e sua carga pertencentes a uma transportadora sediada em Mogi Mirim. Após receberem as informações da vítima, que pôde fornecer detalhes devido aos localizadores presentes nos veículos, as autoridades policiais iniciaram uma busca pela região. Uma das vans furtadas, uma Ducato, foi rastreada de Mogi Mirim em direção a Conchal, seguindo em direção a Araras. Próximo ao KM 40 + 400 metros, a equipe policial localizou o veículo suspeito e iniciou um acompanhamento. No entanto, o condutor da van reduziu abruptamente a velocidade, desviou para o acostamento e colidiu lateralmente contra a viatura policial, resultando na perda de controle de ambos os veículos e imobilizando-os sobre as faixas de rolamento. Os ocupantes

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os hor

Reviravolta em Caso de Acidente em Tujuguaba: Pais de indiciados não compactuaram com a fraude, disse delegado

A Polícia Civil concluiu o inquérito policial referente ao acidente que resultou na morte de dois irmãos gêmeos em Tujuguaba, ocorrido em 12 de outubro de 2023. O caso, que ganhou grande repercussão na época, teve uma reviravolta após poucos meses de investigação. Na tarde daquele dia, na Rodovia Professor Zeferino Vaz, próximo ao distrito de Tujuguaba, em Conchal, os irmãos José Antônio Souza Bueno e João Francisco Souza Bueno, ambos com 66 anos, residentes em Limeira, SP, morreram. Os irmãos estavam a bordo de uma Saveiro quando o veículo foi atingido por uma Amarok. Inicialmente, a versão apresentada indicava que a Amarok estava sendo conduzida por uma mulher, tendo como passageiro um homem, ambos irmãos, haviam se chocado com a Saveiro, levantando especulações sobre as circunstâncias do acidente. Os ocupantes da Amarok foram socorridos e encaminhados ao Hospital Madre Vannini, em Conchal. Durante as investigações, a polícia não encontrou sinais de embriaguez na suposta

Postagens mais visitadas deste blog

Mãe que dançou funk de vestido transparente em festa da filha no RJ volta a viralizar com novo vídeo

A autônoma Brenna Azevedo, de 27 anos, voltou a viralizar nas redes sociais nesta quinta-feira. Em novo vídeo divulgado nas plataformas digitais, a a jovem aparece dançando funk e bebendo em cima de um carro. As imagens foram feitas na saída da festa de três anos da filha, no último sábado, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. A gravação mostra Brenna com a mesma roupa de filmagens anteriores: um vestido longo transparente, que deixa à mostra os seios e a peça íntima usada por ela. A pernambucana se tornou alvo de críticas na internet depois de um vídeo, feito durante a comemoração do aniversário da criança, ter se tornado viral. A primeira filmagem mostra a mãe da garota empolgada, dançando funk até o chão. A dança, ao som do hit "Movimento da Sanfoninha", da cantora Anitta foi replicada em diversos perfis. Junto à repercussão, vieram também os ataques. Ao GLOBO , Brenna contou que deixou de levar a filha à escola por medo e relata ter recebido ameaças. — As

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os hor

Tragédia no Trânsito de Conchal Deixa Mulher Morta e Família Clama por Justiça – Outros Quatro Acidentes Aconteceram no Final de Semana no Município

Um trágico acidente ocorrido na noite deste domingo (03) abalou a cidade de Conchal, deixando uma mulher de 56 anos morta. Neide Benedita de Campos foi atropelada enquanto atravessava a pé a avenida João Paulo II. O veículo envolvido, uma BMW branca, deixou o local do acidente. Segundo relatos de familiares ao F5, Neide estava a caminho da igreja quando foi atingida pelo veículo. Apesar dos esforços do SAMU, que a socorreu e a levou ao Pronto Socorro do hospital Madre Vannini, ela não resistiu aos ferimentos e veio a óbito pouco tempo após dar entrada. O motorista da BMW fugiu do local, mas populares anotaram a placa do veículo. A polícia já identificou o proprietário, que teria emprestado o carro a um amigo no momento do acidente. O condutor, conforme apurado pelo F5 nesta manhã de segunda-feira (04), deve se apresentar à polícia. A família da vítima clama por justiça, expressando preocupação de que a conexão do veículo com uma pessoa conhecida na cidade possa influenc

Acidente envolvendo dois veículos causa a morte de duas vítimas na Rod. Prof. Zeferino Vaz em Tujuguaba (Conchal)

  Duas pessoas perderam a vida e outras duas ficaram feridas na tarde desta quinta-feira (12), em um acidente envolvendo dois veículos na Rodovia Professor Zeferino Vaz, próximo ao distrito de Tujuguaba. O acidente aconteceu por volta das 17h30min, no   Km 174+900 da rodovia, no sentido Sul, em direção a Engenheiro Coelho. Os veículos, uma Amarok e uma Saveiro, seguiam no mesmo sentido quando a colisão ocorreu. No veículo Amarok, estavam um homem e uma mulher, que, apesar de sofrerem ferimentos leves, foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhados ao Hospital Madre Vannini, em Conchal. Suas identidades não foram divulgadas, porém, são moradores de Conchal. Infelizmente, a tragédia se abateu sobre os ocupantes da Saveiro, onde estavam dois homens que não resistiram aos ferimentos e entraram em óbito ainda no local do acidente. Os nomes das vítimas fatais e informações sobre suas origens ainda estão sob investigação, e seus corpos for

Homem encontrado morto em casa abandonada em Conchal é identificado

A polícia conseguiu identificar o homem encontrado morto na manhã desta segunda-feira (24), em uma casa abandonada na rua Camilo Chagas, em Conchal, após ser descoberto por um grupo de crianças que brincava na região. As autoridades foram imediatamente acionadas e estão investigando o caso como homicídio. Silvio Ricardo Ferreira de Melo, 46 anos de idade, morador de Conchal, foi encontrado amarrado com as mãos para trás e com a boca amordaçada, apresentando múltiplos ferimentos.   Segundo relatos, crianças teriam entrado na casa abandonada, para brincar, mas foram surpreendidas ao depararem-se com o corpo da vítima. Até o momento, as autoridades não confirmaram a forma como a vítima foi morta.  O caso está sendo tratado com a devida seriedade e cautela pelas autoridades, que pedem a colaboração da população para fornecer qualquer informação que possa ajudar nas investigações. Ainda é cedo para apontar suspeitos ou motivações para o crime, e a polícia está em busca de

Condutores de ambos os veículos envolvidos em acidente na SP 191, são moradores de Conchal

Um trágico acidente na noite deste sábado (13) na rodovia "Wilson Finardi" - SP-191, próximo ao Centro de Ressocialização, deixou duas pessoas mortas e uma pessoa ferida. Um casal de idosos, residentes do Distrito de Tujuguaba, foi vítima fatal do incidente, que envolveu dois os veículos. Segundo informações preliminares da polícia, o acidente ocorreu por volta das 19h30, quando um carro Volkswagen/Gol, conduzido por um homem de 72 anos, e sua esposa, de 70 anos. Infelizmente, houve uma colisão frontal com um Honda/Civic, também operado por um morador local. Os Bombeiros Militares de Mogi Guaçu e os Bombeiros Municipais de Mogi Mirim foram rapidamente acionados para prestar socorro, porém, lamentavelmente, o casal não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local do acidente. O condutor do Honda Civic, de 74 anos, foi encaminhado à Santa Casa com ferimentos leves. A Intervias, concessionária responsável pela administração da rodovia, também prestou os primeiros

Crianças Encontram Homem Morto em Casa Abandonada em Conchal

  Atualizando: Homem encontrado morto em casa abandonada em Conchal é identificado: leia mais AQUI Um homem foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (24). em uma casa abandonada na rua Camilo Chagas, em Conchal, após ser descoberto por um grupo de crianças que brincava na região. As autoridades foram imediatamente acionadas e estão investigando o caso como homicídio. Segundo relatos, as crianças teriam entrado na casa abandonada, para se divertirem, mas foram surpreendidas ao depararem-se com o corpo da vítima. Rapidamente, a Guarda Civil Municipal foi acionada, seguida pela chegada de uma equipe da Polícia Científica, investigadores e o delegado de polícia civil de Conchal. O homem foi encontrado amarrado com as mãos para trás e com a boca amordaçada, apresentando múltiplos ferimentos. Até o momento, as autoridades não confirmaram a forma como a vítima foi morta. A cena do crime foi isolada e a perícia foi realizada no local para colher evidências que possam ajudar a

Homem é morto a facadas durante briga de casal em Conchal (SP) – Amasiada e enteada da vítima disseram terem cometido o crime, porém mãe nega participação da filha

Um homem morreu após receber golpes de faca em meio a uma briga de casal acontecido nas primeiras horas deste domingo (07), no bairro Sol Nascente em Conchal, SP. De acordo com o registro do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender a uma ocorrência de violência doméstica. Quando os policiais chegaram ao local, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), já prestava atendimento à vítima João Batista Martins Gomes, 34 anos de idade, que foi encaminhado ao hospital Madre Vannini, porém não resistiu aos ferimentos, indo a óbito. Enquanto os policiais aguardavam a chegada da polícia cientifica preservando o local onde o crime aconteceu, uma mulher de 24 anos de idade, enteada da vítima, teria se aproximado dos policiais e informado que seria ela a autora do homicídio. A autora que, ainda não teve o seu nome divulgado, disse que teria chegado na casa da mãe e presenciado uma briga entre o casal e, que, sua mãe segurava uma faca. Ao te

Vídeo: Mulher de 66 anos é atropelada na Avenida João Paulo II em Conchal: Condutor presta socorro e aguarda polícia

Uma mulher de 66 anos de idade foi vítima de um atropelamento na manhã desta sexta-feira (12), enquanto atravessava a Avenida João Paulo II, em Conchal. O acidente ocorreu por volta das 8hs, quando um veículo Fiesta de cor branca, conduzido por um homem de 73 anos, subia a avenida no sentido cemitério. Assista vídeo abaixo .  Imediatamente após o incidente, o condutor do veículo parou para prestar socorro à vítima e aguardou a chegada do SAMU e da viatura policial no local do acidente. A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou ao local e prestou os primeiros socorros à mulher atropelada. Em seguida, ela foi encaminhada para o pronto-socorro do Hospital Madre Vannini, onde recebeu atendimento e procedimentos médicos necessários. Até o fechamento desta matéria, as informações disponíveis indicam que a vítima  encontra-se em tratamento. A identidade da mulher não foi divulgada pelas autoridades locais até o momento.  

Incêndio em residência provoca morte de idoso em Conchal – Incidente aconteceu na noite desta quinta-feira (07)

Na noite desta quinta-feira (07) um incêndio atingiu uma residência na rua Alencar da Silva Lopes, no bairro Visconde de Indaiatuba, resultando na trágica morte de um idoso de aproximadamente 73 anos. As primeiras informações sobre o incidente indicam que o incêndio começou por volta das 18h, deixando a comunidade local em choque. A Guarda Municipal de Conchal, em colaboração com a Defesa Civil do município, foi imediatamente acionada para atender à ocorrência e conter as chamas que consumiam a casa. No entanto, apesar dos esforços das autoridades locais, o incêndio se mostrou de grande magnitude, tornando-se uma situação desafiadora para os bombeiros e socorristas. Infelizmente, o idoso que residia na casa não conseguiu escapar a tempo e perdeu a vida no local, vítima das chamas. Uma reviravolta ocorreu quando as autoridades detiveram o filho da vítima no local do incêndio. O homem, cuja identidade ainda não foi divulgada, foi detido pelos Guardas Municipais e está sendo