Novidade!

Onda de calor pode levar bebês à desidratação grave




Qual a quantidade de água um bebê a partir dos 6 meses pode tomar? Pode orientar por faixa etária até 2 anos?

A pediatra Renata Waksman, vice-presidente da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP), explica que a quantidade de água recomendada pela Dietary Reference Intakes (DRI), consumo dietético de referência, é de 100 ml por dia para bebês de 6 meses a 1 ano, 120 ml por dia para crianças de 1 a 3 anos e de 175 ml, de 4 a 6, mas ela ressalta que. além da idade, deve ser levado em conta o estado metabólico, o nível de transpiração, a umidade do ambiente, da presença de febre, de doenças associadas e perdas intestinais."A quantidade e frequência devem ser orientadas pelo pediatra para garantir a hidratação, já que a capacidade gástrica de crianças é limitada", afirma



Qual o primeiro sinal de desidratação? 

Os sinais de desidratação podem aparecer de forma rápida e juntos, afirma a pediatra. Ela orienta que os sinais são o choro sem lágrimas, boca seca, saliva espessa, hipoatividade, aumento da temperatura corporal e diminuição importante do volume de urina. "Ao perceber esses sinais, deve-se hidratar a criança

A desidratação pode levar à morte? 

Sim, afirma Renata. "Quando a água eliminada pelo organismo por meioo da respiração, suor, urina, fezes, lágrimas e febre não for reposta adequadamente ocorrerá na desidratação grave a baixa concentração de água, de sais minerais e líquidos orgânicos, que impedem que realize suas funções normais", diz



Bebês podem ficar só de fralda em casa ou corre risco de friagem? 

Sim, em dias muito quentes, segundo a médica. "Esse é um grande mito popular que correm risco de 'pegar friagem' e ficar doentes. Muito pelo contrário. Se agasalharmos demais o bebê em dias muito quentes, ele pode desidratar", alerta

Calor acima de quantos graus se torna preocupante? 

A partir de 35º C com umidade baixa do ar é preocupante, ressalta a pediatra. Ela frisa que o bebê pequeno deve ficar vestido de maneira adequada para o clima e temperatura, não ficar exposto ao sol e ser amamentado regularmente. A partir de 35º C com umidade baixa do ar é preocupante.



Como ficam os passeios de carrinho no calor, devem ser mantidos? 

Sim, até 10h e após 16h, orienta Renata. Vale destacar que a capota do carrinho deve ficar elevada e o bebê com roupas leves, afirma a médica

Se o bebê não aceita bem tomar água o que fazer? 

Continue insistindo, recomenda a pediatra. "Ofereça na colher, no copinho, no conta gotas, na seringa", explica. Segundo ela, bebês podem tomar água de coco em quantidade moderada e nunca em substituição à água. Ela ressalta que o soro caseiro ainda é recomendado. A dose correta é para 1 litro de água mineral, filtrada ou fervida, misturar 1 colher de sopa de açúcar (20 g) e 1 colher de café de sal (3,5 g). Mexer bem e oferecer ao longo do dia todo, orienta



O suor do bebê é mais nas costas e cabeça? 

Quando o colchão fica molhado é sinal de desidratação? Renata afirma que os bebês suam mais na cabeça, depois nas mãos e nos pés. Colchão molhado significa que o bebê está com calor ou muito agasalhado, não significa desidratação

O leite materno substitui a água? 

Renata explica que o leite materno possui mais de 85% de água. "O começo da mamada, chamada de fase 1, é para matar a sede do bebê. Bebês em aleitamento exclusivo não precisam tomar água", diz



Se o bebê não quer por roupa é porque está com calor ou não tem nada a ver? 

Não tem a ver, diz a pediatra. "Muitas vezes não querem colocar roupa porque queriam ficar mais tempo no banho ou se as roupas passam pela cabeça ao serem vestidas não gostam disso!", esclarece

A desidratação (consequente da diarreia) ainda é um problema mundial, motivo de causa de morte em crianças?

Sim, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a diarreia mata por ano por volta de 3 milhões de crianças nos países em desenvolvimento, afirma a vice-presidente da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP)

*Com informações de R7.





Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Conchal iniciou nesta quinta-feira (21) a vacinação contra a Covid-19

Vagabundo rouba cadeirante e acaba preso em flagrante pela PM em Conchal, SP

Prefeitura de Conchal se prepara para vacinação contra Covid-19 – O F5 entrevistou o diretor do departamento de saúde do município. Wagner Lozano deu mais detalhes sobre esse e outros assuntos relacionados ao setor

Professor pede ajuda após cadelinha ser jurada de morte

Quem são as pessoas que não podem tomar vacina contra covid

Força Tática captura procurado por tráfico de drogas e realiza flagrante de porte Ilegal de arma de fogo durante patrulhamento em Araras, SP

Criança de 10 anos engravida de gêmeos após ser estuprada pelo padrasto, diz polícia

Restaurante Santo Forte faz homenagem à lanchonetes que fizeram parte da história de Conchal

Prefeitura de Conchal inicia obras de manutenção no prédio do Cemec

Governo de SP endurece quarentena, adia volta às aulas e fecha bares, restaurantes e comércio aos finais de semana

Todas as Publicações

Mostrar mais