Novidade!

Peru permite que um turista japonês visite Machu Picchu sozinho depois de sete meses de espera



O Peru autorizou um único turista, um japonês, a entrar no parque de Machu Picchu depois de sete meses que a atração ficou fechada por causa da pandemia de Covid-19.

Jesse Takayama, o japonês que visitou as ruínas, aguardava permissão para entrar em Machu Picchu desde março. Ele estava hospedado na cidade de Águas Calientes, na encosta da montanha.



O plano inicial era ficar apenas alguns dias no país para poder conhecer o sítio arqueológico.
Takayama entrou acompanhado do diretor do parque de Machu Picchu. Ele fez sua visita no sábado (10). Em um vídeo gravado no topo da montanha, ele agradeceu e disse que a experiência era incrível.

A permissão foi dada em resposta a um pedido especial que Takayama fez. “Ele veio ao Peru com o sonho de poder entrar [em Machu Picchu]”, disse o ministro de Cultura, Alejandro Neyra, na segunda-feira (12).



De acordo com Neyra, em novembro as ruínas serão reabertas a visitantes estrangeiros. A capacidade será reduzida, no entanto --normalmente, 675 pessoas passam pelo local, mas com a pandemia, cerca de 200 turistas poderão entrar.

“Ainda estamos no meio de uma pandemia, e tudo será feito com o cuidado necessário”, disse Neyra.

*Com informações de G1.










Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Policia Civil prende um dos suspeitos de ter cometido diversos assaltos na região do Santo Antônio em Conchal

Polícia Civil prende dois indivíduos após furto a academia em Conchal

Entregador morre após bater em carro e ser lançado para cima de outro veículo em Franca; vídeo

Polícia Militar recupera bateria de ônibus furtada em oficina mecânica em Conchal

Mulher baleada em tentativa de latrocínio é socorrida pela PM em Araras, SP

Polícia apreende mula após denúncia de que animal era usado para transportar material de construção

Ônibus Circular em Conchal recebe novos horários

Agora sou gospel: Whindersson Nunes, Luciano Camargo e outros investem em louvores

Decreto libera estudos sobre a privatização de unidades básicas de saúde

Todas as Publicações

Mostrar mais