Novidade!

‘Fizemos a nossa parte’, diz Bolsonaro sobre situação de Manaus



O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta sexta-feira, 15, que o governo federal já fez “a sua parte” em relação a Manaus. A capital do Amazonas está vivendo um colapso no sistema de saúde devido ao aumento de casos e internações pela Covid-19 em todo o estado. A situação do estado começou a repercutir nas redes sociais na quinta-feira, 15, após profissionais da área da saúde denunciaram a falta de oxigênio para pacientes portadores da doença causada pelo coronavírus nos hospitais da cidade. “O problema em Manaus: terrível o problema lá. Agora, nós fizemos a nossa parte”, disse o presidente, que citou ações realizadas pelo governo nos últimos dias. Entre as medidas elencadas, Bolsonaro relembrou a visita do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ao estado na última segunda-feira e a ação das Forças Armadas, que enviou 50 toneladas de equipamentos e materiais para a montagem de Hospital de Campanha (HCAMP) em Manaus, na quinta.



Assim como o ministro Pazuello disse em live com o presidente, Bolsonaro defendeu o tratamento precoce contra a Covid-19, com medicamentos sem comprovação científica, como a hidroxicloroquina, cloroquina e ivermectina. “Quem critica, não tome se tiver com algum problema. Não tem efeito colateral. Se não surtir efeito, não vai acontecer nada para ele. Agora se esperar sentir falta de ar, for para o hospital para ser entubado, mais ou menos 70% morre”, argumentou o presidente, que afirmou não saber com exatidão a taxa de óbitos após entubação pela doença. “O médico pode receitar o tratamento precoce. Se o médico não quiser, procure outro médico. Não tem problema. Repito o tempo todo aqui: no meu prédio, mais de 200 pessoas pegaram a Covid, se trataram com cloroquina e ivermectina, ninguém foi para o hospital”, disse. Em seguida, o presidente falou sobre a obrigatoriedade da vacina. “Se depender de mim, não vai ser obrigatória. Não estou fazendo campanha contra a vacina. É uma vacina experimental, então a obrigatoriedade fica sendo uma irresponsabilidade.”

*Com informações de Jovem Pan.









Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Jovem tenta se desfazer de drogas e é presa pela Policia Militar em Conchal

Vagabundos tentam passar cheques roubados em Conchal - Vítima deu alerta em redes sociais para que não aceitem e chamem a polícia.

Trem descarrila e 5 vagões tombam entre Limeira e Cordeirópolis, no interior de SP. Veja imagens.

Menor e drogas são apreendidos pela Polícia Civil no Sol Nascente em Conchal

“As pessoas precisam entender que o momento é crítico”, diz Dr. Agnaldo Piscopo sobre atual situação da pandemia em Araras, SP

Conchal anuncia adesão ao consórcio para compra de vacina contra o coronavirus

Pai e filho saem para trabalhar e são baleados na zona oeste de SP

Policia Militar e fiscais da prefeitura de Conchal fecham 4 estabelecimentos por não respeitar medidas de combate ao Covid-19

Avião com doses da vacina da Covid-19 bate em jumento que estava em pista de aeródromo da Bahia

Doria anuncia mais restrições para São Paulo nesta quarta, mas deve manter escolas abertas

Todas as Publicações

Mostrar mais