Pular para o conteúdo principal

Caminhoneiros bolsonaristas se dividem entre críticas e discussão sobre áudio do presidente – “Bolsonaro inflou e mentiu no seu discurso, agora quero ver segurar o povo”, diz uma das publicações



Enquanto o governo federal entra em campo para tentar suspender as paralisações de caminhoneiros que ocorrem em rodovias federais de ao menos 15 Estados, bolsonaristas se dividem entre críticas ao presidente Jair Bolsonaro e discussões sobre uma eventual estratégia que estaria sendo adotada pelo Palácio do Planalto para contornar a situação.

Desde a noite de ontem, quarta-feira (8), quando um áudio de Bolsonaro passou a circular nas redes sociais, apoiadores movimentaram grupos no WhatsApp, no Telegram e no Facebook, aos quais equipes de reportagem da  Jovem Pan teve acesso, com mensagens questionando a veracidade da gravação e a postura do mandatário do país em relação à greve.


Na noite de ontem,  quarta-feira, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, gravou um vídeo atestando a veracidade do áudio e reforçando o pedido para que os caminhoneiros encerrem as paralisações. “Isso ia agravar efeitos da economia que ia impactar os mais pobres, os mais vulneráveis. A gente sabe que há uma preocupação de todos com a melhoria do país, com a resolução de problemas graves, mas nós não podemos tentar resolver um problema criando outro”, diz o auxiliar presidencial.

Mesmo assim, bolsonaristas colocaram em xeque a autoria da gravação e atribuíram o compartilhamento do conteúdo a uma trama da “esquerda maldita” e da TV Globo. “Fake news, áudio antigo”, diz um usuário em um grupo do Telegram. “Gente, isso é uma estratégia da esquerda maldita, quem soltou o áudio foi a Globo, não acreditem. Não acreditem. Não acreditem”, escreveu um apoiador em um grupo de WhatsApp. “Esse áudio é fake”, sentenciou um bolsonarista (veja imagens, clique aqui).


 Na manhã desta quinta, os bolsonaristas se dividiram entre os que acreditavam que a fala de Bolsonaro fazia parte de uma estratégia para não sofrer impeachment e aqueles que criticaram ferrenhamente a sua postura.

De acordo com as mensagens, há quem acredite que o presidente da República apoia a greve dos caminhoneiros, mas pede o fim das paralisações para não “incorrer em ato de responsabilidade administrativa”.

“Vamos apoiar nosso PR, ele sabe o que faz. Ele não pode apoiar uma greve, porque será impeachmado”, diz uma mensagem. Às 8h53, um apoiador afirma que “Bolsonaro é um dos maiores estrategistas do mundo, está jogando muito bem o xadrez 4D”.

“Calma, Bolsonaro sabe o que faz”, disse um perfil no grupo intitulado “Zé Trovão por cá, Canal Oficial” do Telegram.


“A verdade é que Bolsonaro é uma pessoa nos palanques e na prática é outra. Vai dizer que sou esquerdista por dizer a verdade?”, retrucou um usuário.

“Atenção, caminhoneiros. Vão para casa, para não virar corno. Antes no comunismo do que corno”, publicou outra pessoa.

 Houve, também, quem criticou o pedido de Bolsonaro. “Não dá para acreditar que o PR vai dar para trás. A chance era agora, mas acho que acabou. Só por Deus”, lamentou um apoiador.

“Falou tudo o que falou no dia 7 [de setembro] para hoje dizer que vai dialogar? Vai conseguir o que no diálogo? Já está assim há 3 anos. Essa é minha opinião de quem apoiou forte por todo esse tempo”, seguiu outro usuário.

“Então é assim? Os caminhoneiros fazem uma mobilização, o povo também, e aí vem o presidente Bolsonaro e arrega, manda os caminhoneiros acabarem com a paralisação”, questiona uma pessoa.

Em um grupo de caminhoneiros no Facebook, o tom das críticas foi mais contundente. “Bolsonaro inflou e mentiu no seu discurso, agora quero ver segurar o povo”, diz uma publicação da manhã desta quinta-feira, 9.

“Presidente de m****, Bozo”, seguiu outro internauta.

“Nosso presidente está muito frouxo”, replicou outro.

Veja prit das conversas acessando a Jovem Pan.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os hor

Tragédia no Trânsito de Conchal Deixa Mulher Morta e Família Clama por Justiça – Outros Quatro Acidentes Aconteceram no Final de Semana no Município

Um trágico acidente ocorrido na noite deste domingo (03) abalou a cidade de Conchal, deixando uma mulher de 56 anos morta. Neide Benedita de Campos foi atropelada enquanto atravessava a pé a avenida João Paulo II. O veículo envolvido, uma BMW branca, deixou o local do acidente. Segundo relatos de familiares ao F5, Neide estava a caminho da igreja quando foi atingida pelo veículo. Apesar dos esforços do SAMU, que a socorreu e a levou ao Pronto Socorro do hospital Madre Vannini, ela não resistiu aos ferimentos e veio a óbito pouco tempo após dar entrada. O motorista da BMW fugiu do local, mas populares anotaram a placa do veículo. A polícia já identificou o proprietário, que teria emprestado o carro a um amigo no momento do acidente. O condutor, conforme apurado pelo F5 nesta manhã de segunda-feira (04), deve se apresentar à polícia. A família da vítima clama por justiça, expressando preocupação de que a conexão do veículo com uma pessoa conhecida na cidade possa influenc

Acidente envolvendo dois veículos causa a morte de duas vítimas na Rod. Prof. Zeferino Vaz em Tujuguaba (Conchal)

  Duas pessoas perderam a vida e outras duas ficaram feridas na tarde desta quinta-feira (12), em um acidente envolvendo dois veículos na Rodovia Professor Zeferino Vaz, próximo ao distrito de Tujuguaba. O acidente aconteceu por volta das 17h30min, no   Km 174+900 da rodovia, no sentido Sul, em direção a Engenheiro Coelho. Os veículos, uma Amarok e uma Saveiro, seguiam no mesmo sentido quando a colisão ocorreu. No veículo Amarok, estavam um homem e uma mulher, que, apesar de sofrerem ferimentos leves, foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhados ao Hospital Madre Vannini, em Conchal. Suas identidades não foram divulgadas, porém, são moradores de Conchal. Infelizmente, a tragédia se abateu sobre os ocupantes da Saveiro, onde estavam dois homens que não resistiram aos ferimentos e entraram em óbito ainda no local do acidente. Os nomes das vítimas fatais e informações sobre suas origens ainda estão sob investigação, e seus corpos for