Gravação ambiental clandestina agora é prova ilegal em ação eleitoral, diz TSE Pular para o conteúdo principal

Gravação ambiental clandestina agora é prova ilegal em ação eleitoral, diz TSE



A partir de agora, nos processos eleitorais são consideradas ilícitas as provas obtidas por meio de gravação ambiental clandestina feita em ambiente privado, sem autorização judicial e sem o conhecimento dos interlocutores.

Essa foi a conclusão do Tribunal Superior Eleitoral, que nesta quinta-feira (7/10) formou maioria apertada de 4 votos a 3 para alterar a própria jurisprudência sobre o tema. Os casos haviam sido paralisados por pedidos de vista seguidas vezes e foram retomados com leitura de voto-vista do ministro Luís Felipe Salomão.

A corte julgou três recursos provenientes de ações de investigação judicial eleitoral que tiveram como base informações obtidas por meio de gravações feitas contra candidatos, sem o conhecimento dos mesmos. Eles ocorreram nas cidades de São Pedro da Água Branca (MA), Santa Inês (PR) e São José da Safira (MG).

Prevaleceu a posição do ministro Alexandre de Moraes, segundo a qual tais provas são ilícitas porque a privacidade e a intimidade, direitos fundamentais garantidos pela Constituição, devem prevalecer, sob o risco de incentivar essa prática em cenário de disputa acirrada como o eleitoral.


Votaram com o ministro Alexandre, relator dos três casos, os ministros Luís Felipe Salomão, Mauro Campbell e Carlos Horbach.

Ficaram vencidos por entender como lícita as provas decorrentes de gravação clandestina os ministros Luís Roberto Barroso, Luiz Edson Fachin e Sérgio Banhos.

Segurança jurídica

Os três casos se referem à eleição municipal de 2016, para a qual a jurisprudência do TSE, formada em 2019, indicava a validade do validade de gravação ambiental como prova de compra de votos. Ela só não seria válida na hipótese do chamado flagrante preparado, quando o interlocutor induz o ilícito.

Segundo o ministro Luís Roberto Barroso, desde então o TSE julgou 28 casos. Em 22 deles, considerou a prova lícita. Em outros seis, ela foi declarada ilícita, mas por especificidades de cada caso concreto que levaram à corte à conclusão de que houve prática indutiva por quem fez a gravação — como previsto no já citado precedente.



A questão da subversão dessa jurisprudência foi um dos pontos principais da discussão. "Não é possível que, para alguns casos de 2016, a decisão seja uma e, para outros, seja outra", criticou Barroso.

Foi esse o ponto que levou o ministro Sergio Banhos a votar com a divergência. Particularmente, ele entende que gravação ambiental clandestina é prova ilícita. Mas defendeu que não seria cabível alterar esse entendimento depois de julgar outros casos que ocorreram na mesma eleição de 2016.

A maioria, no entanto, acolheu a posição do ministro Alexandre de Moraes segundo a qual a ilicitude desse tipo de prova é reforçada pela entrada em vigor do pacote "anticrime" (Lei 13.964/2019), que inseriu o artigo 8-A na Lei 9.296/1996 — o diploma que regulamenta a interceptação de comunicações.

O dispositivo fixa que a captação ambiental deve ser feita com autorização judicial mediante requerimento do Ministério Público ou da autoridade policial. O parágrafo 4º afirma que a captação ambiental feita por um dos interlocutores sem o prévio conhecimento da autoridade policial ou do Ministério Público só poderá ser usada para defesa, desde que demonstrada a integridade da gravação.

Aplicabilidade imediata

Para Moraes, a aplicabilidade do pacote anticrime é imediata e deve influenciar processos eleitorais. A ideia é que se no mais, que é o caso do detentor de mandato público, a gravação ambiental dependerá de autorização judicial para comprovar prática de crime, no menos — o caso do mero candidato — não faz sentido dispensar a autorização judicial para tanto.


Ao acompanhar o relator, o ministro Salomão defendeu que as nuances e especificidades do processo eleitoral recomendam cautela redobrada quanto à admissão de gravações, pois além de afrontarem direitos fundamentais, representam ameaça à estabilidade do Estado Democrático de Direito.

O ministro Mauro Campbell concordou e destacou o risco de a Justiça Eleitoral se tornar palco de permanente judicialização das eleições, transmutando seu papel em agente de desestabilização das eleições. "O reconhecimento da ilicitude, ao invés de fragilizar atuação dessa Justiça, potencializa seu papel de garantidora de direitos constitucionais de primeira grandeza", opinou.

Candidato não é réu

Desde o primeiro momento, esse foi o ponto de divergência do ministro Barroso. Nesta quinta-feira, ele admitiu não ter simpatia pelo uso de gravações ambientais, mas ressaltou que segurança jurídica e a isonomia são valores também protegidos constitucionalmente. Assim, a norma do pacote "anticrime" não deve ter aplicabilidade imediata na seara eleitoral.

"Trata-se de norma de natureza processual. Ela não cria ou elimina um tipo penal. Ela regulamenta um meio de prova. Acho que é norma processual que se aplica daqui para frente, mas não à prova produzida preteritamente. Senão, seria uma invalidação superveniente de algo que era considerado licito no momento em que foi produzido", afirmou quando leu voto-vista, em 2 de setembro.

Também divergiu o ministro Luiz Edson Fachin, ao fazer a distinção da situação da pessoa que pratica crime (cuja situação é abordada no pacote "anticrime") e a do candidato que pratica ilícito eleitoral. O réu penal não tem qualquer distinção para outros cidadãos. O candidato, sim. No exercício dessa condição jurídica, todos seus atos têm interesse público e devem ser transparentes.

"Não se permite que candidato use de direitos fundamentais como escudo para ocultar a prática de ilícitos eleitorais e torne putativa a realidade presenciada pelo eleitor. Prerrogativas fundamentais devem ser lidas em perspectiva macro, em ordem a não infirmar direitos medulares de igual dimensão, dentre os quais está a liberdade de sufrágio, a igualdade de candidatos e a legitimidade do direito das eleições", afirmou.


Assim, se a privacidade dos candidatos é relativizada em favor da ampla informação ao eleitor e se a legitimidade das eleições tem como espinha dorsal o controle dos atos e a efetiva responsabilização desses candidatos, não é automaticamente aplicável o artigo 8-A da Lei 9.296/1996.

Em discussão no STF

O tema é controverso e está sendo apreciado pelo STF no RE 1.040.515. Em 2017, a corte reconheceu repercussão geral sobre a necessidade de autorização judicial para tornar uma gravação ambiental apta a instruir ação de impugnação de mandato eletivo (Aime).

O julgamento do recurso extraordinário começou depois do julgamento no TSE. Até agora, o único a votar no caso foi o relator, ministro Dias Toffoli, em junho de 2021. O julgamento foi interrompido por pedido de vista do ministro Gilmar Mendes.

Toffoli defendeu a ilicitude do meio de prova, pois reveste-se de intenções espúrias e indica a indução ou instigação de um flagrante preparado. A exceção é quando o registro ocorre em lugar público — o que não ocorreu no caso julgado pelo TSE.

O relator ainda propôs que o entendimento seja aplicado a partir das Eleições de 2022, em homenagem ao princípio da segurança jurídica, ponto ressaltado no voto do ministro Luís Roberto Barroso nesta quinta-feira.



 





Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal
CLIQUE NA FOTO PARA ACESSAR TABELA DE HORÁRIOS





Leia também

Marginais furtam pertences de dentro de veículos de trabalhadores em Conchal

Um grupo de trabalhadores tiveram os pertences de dois veículos em que estavam furtados enquanto trabalhavam na colheita em um sitio no bairro Iate, área rural do município de Conchal. O crime aconteceu ontem, segunda-feira (06). Os marginais quebraram os vidros dos carros e subtraíram um toca CDs, marca Pioneer e a bateria em um dos carros. No segundo veículo os marginais furtaram a bateria.   Outros pertences pessoais que estavam no interior dos veículos também foram levados. As vítimas não souberam informar um horário aproximado que o furto ocorreu, pois haviam deixado os veículos na estrada de terra e entrado para o sitio para a colheita. Ao darem conta do ocorrido, as vítimas acionaram a Guarda Civil Municipal. Os GMs Mauricio e Marques atenderam a ocorrência e prestaram apoio as vítimas.   Um Boletim de ocorrência de furto foi elaborado.  

Polícia invade cativeiro e resgata mulher que era julgada pelo tribunal do crime - De acordo PM, a vítima estava sendo julgada desde a madrugada por ter roubado um celular na comunidade.

A polícia invadiu um cativeiro e resgatou uma mulher que estava sendo julgada pelo tribunal do crime na rua Tietê, no Jardim Helena, zona leste de São Paulo, por volta das 7h30 desta terça-feira (7). De acordo com a corporação, a vítima estava sendo julgada desde a madrugada por ter roubado um celular na comunidade. Em depoimento, ela contou aos policiais que foi agredida de diversas maneiras, como com chutes, socos e golpes de madeira. Os suspeitos ainda aguardavam a autorização de um suspeito conhecido como "Irmão Muringa", que seria integrante da conhecida facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital). Uma pessoa, que passava pela rua presenciou o crime e acionou a PM. Quando as viaturas chegaram, os suspeitos fugiram. A mulher não soube reconhecer nenhum dos envolvidos. O caso foi registrado 50° DP (Itaim Paulista). *R7  

Homem é assassinado a tiros em frente a lanchonete na madrugada desta segunda-feira (06) em Mogi Mirim (SP).

O crime foi registrado na Rua Amélia de Camargo Azevedo, no Bairro Linda Chaib, Zona Leste do município mogimiriano. Uma câmera de vigilância registrou o momento do crime e mostra a vítima, um homem de 26 anos em frente a uma lanchonete conversando com colegas, neste momento, um homem usando blusa e capuz chega correndo com uma arma em punho e efetua três disparos a queima roupa contra a vítima, que cai na calçada, o atirador foge na sequência. Uma guarnição de resgate do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionada, mas nada puderam fazer para ajudar, o homem morreu no local. A Polícia Militar compareceu ao local que foi isolado e solicitado o comparecimento de equipes da Polícia Civil para a realização de perícia. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Mogi Guaçu. O caso segue para investigação da Polícia Civil mogimiriana. Com informações: Alan Jones De Pieri/Mogi Hoje

Casa é furtada no Bairro Novo Horizonte em Conchal - Câmera registra homens carregando material às 6 da manhã; veja vídeo

  Uma residência localizada no Bairro Novo Horizonte em Conchal, foi furtada na manhã de terça-feira (31). O morador da residência, vítima do furto, que trabalha em outro município, só percebeu o desfalque que sofreu após chegar em casa, no período noturno. Amigos e vizinhos da vítima, buscaram por imagens que pudessem identificar o horário e os autores do furto. Uma das câmeras próximas à casa da vítima registrou o momento que dois indivíduos carregavam um tanquinho de lavar roupas e um tonel de plástico.  Nas imagens é possível observar um dos homens jogando roupas que estavam dentro do tanquinho, em uma lixeira.  O boletim de ocorrência deve de ser registrado nesta manhã de quarta-feira (01). A polícia irá investigar, se os homens que aparecem nas imagens são os autores do furto ou se compraram o material de terceiros;  veja vídeo abaixo: É importante ressaltar à população que, é necessário o registro do boletim de ocorrência para que a polícia possa atuar contra

Carnaval 2023 em Conchal terá banho de espuma para as crianças - Festa popular acontece de 17 a 21 deste mês; veja programação

Este ano (2023) o carnaval em Conchal acontecerá de 17 a 21 fevereiro, na avenida Prefeito Nelson Cunha, em frente ao ginásio de esportes. De acordo com os organizadores, o evento contará com o equipamento de banho de espuma, apenas para as crianças, nos dias das matinês, sábado (18) e domingo (19), a partir das 15hs. O local contará com praça de alimentação; veja programação:

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?
Clique na imagem e nos envie o seu nome e idade

VEJA TAMBÉM

Mulher é espancada e tem cabelo cortado com faca após ser sequestrada por ex-namorado em Conchal - Crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (17)

Uma mulher que não teve o nome e idade revelado pela polícia, foi vítima de sequestro pelo ex-namorado em Conchal, na madrugada desta terça-feira (17). De acordo com informações fornecidas pela polícia, a mulher foi levada para a casa do ex-namorado localizada no bairro Jardim Planalto, onde foi trancada e agredida durante toda a madrugada. O agressor utilizou uma faca para cortar os cabelos da vítima. A mulher conseguiu fugir do local e buscar por socorro no hospital Madre Vaninni, porém mesmo após ter conseguido fugir, continuou recebendo ameaças por mensagens do ex-namorado. Nesta manhã o Delegado de Polícia Titular de Conchal, Dr Luis Henrique Lima Pereira, tomou ciência dos fatos e determinou a busca do indivíduo no endereço onde o crime aconteceu. Policiais civis, com o apoio de agentes da Guarda Municipal de Conchal, que atuam na delegacia, lograram êxito em encontrar o elemento, que foi conduzido à delegacia. A faca utilizada pelo agressor foi encontrada e apreend

Conchalense escapa ileso após ter carro destruído por queda de duas árvores em Conchal. “Deus não me abandonou”, disse o trabalhador rural. Veja fotos e vídeos

“Deus não me abandonou! ”.  Foi essa uma das expressões utilizadas para definir o livramento divino concedido ao trabalhador rural Marcio da Silva, popularmente conhecido como “Gago”, que teve o carro completamente destruído após duas árvores caírem sobre o seu veículo. O incidente aconteceu na tarde de segunda-feira (30), em um rancho localizado no bairro Arurá, área rural do município de Conchal, SP. Vídeos e fotos registradas por Marcio, circularam na internet logo após o ocorrido. O F5 entrou em contato com o Marcio (Gago). Por mensagem via WhatAspp Marcio contou como tudo aconteceu. “Eu estava em um rancho, de um amigo meu, lá no Arurá, quando por volta das 15hs, com aquela chuva e vento forte, eu fui no carro pegar o celular. Foi quando começou a tempestade e eu entrei dentro do carro. A hora que eu entrei dentro do carro e comecei a fechar os vidros, eu escutei um estralo na árvore que quebrou no meio. A árvore veio caindo e puxou a outra árvore maior. Eu tente

Policiais Civis de Conchal prendem suspeito de ter atirado e matado dois homens em lanchonete no município, na madrugada de 26 de dezembro

Policiais da delegacia de Polícia Civil de Conchal, prenderam na tarde desta terça-feira (10), o suspeito de ter cometido duplo homicídio na madrugada de 26 de dezembro, em uma lanchonete localizada no bairro Parque Industrial, em Conchal. Há dias a polícia estava monitorando o suspeito, caminhoneiro, de 40 anos de idade, que é morador do bairro Jardim Bela Vista, em Conchal. O nome do suspeito não foi informado pelos policiais. O suspeito havia ido para estado do Rio de Janeiro após o crime e, nesta terça-feira (10), foi preso quando retornava. Após investigação e solicitação da polícia civil junto ao poder judiciário, o mandado de prisão temporária foi expedido pela justiça.   A prisão foi realizada no município de Mogi Guaçu, próximo a churrascaria Chimarrão. O homem passou por exame de corpo de delito e foi conduzido à delegacia de polícia em Mogi Guaçu, onde foi interrogado. O suspeito preferiu permanecer em silêncio, dizendo apenas que não cometeu o homicídi

Câmera registra ação de vagabundos furtando comércio no centro de Conchal na madrugada desta sexta-feira (20)

  Dois indivíduos foram gravados enquanto furtavam um comércio (campinho de futebol) localizado na Rua Mogi Mirim, no centro da cidade de Conchal (SP), lugar onde constantemente é notado a frequência de viaturas de polícia. O crime aconteceu na madrugada desta sexta-feira (20). Os indivíduos permaneceram por mais de dez minutos no local sem que fossem notados. Os indivíduos furtaram um violão, bebidas, salgadinhos, um Home Theater, três maquininhas de cartão e outros itens que ainda não foram contabilizados pelas vítimas. Os proprietários do local só perceberam o prejuízo quando chegaram para trabalhar. Toda a ação dos vagabundos foi registrada por câmeras de monitoramento que devem de ajudar a polícia a identificar. Assista abaixo parte das gravações e denuncie caso reconheça os elementos. Por: Matheus Luca - F5 Conchal e Região

Postagens mais visitadas deste blog

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apr

Presidente do Banco Central diz que cartão de crédito deixará de existir

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse que o cartão de crédito deixará de existir em breve. Ele afirmou que o “open finance“, modalidade pela qual os clientes disponibilizam seus dados a diferentes instituições, deve acelerar o processo. Com isso, não haverá mais a necessidade de diversos aplicativos de bancos. Ele prevê que até 2024 já esteja disponível uma moeda digital em que cada pessoa terá um aplicativo integrador que cuidará da vida financeira virtual e física no mesmo lugar. Além disso, ele ressaltou que o Pix já faz muitas questões relacionadas a pagamentos e soluciona problemas, inclusive oferecendo aos usuários compras através da modalidade de crédito. Campos Neto também falou sobre uma possível regulação das criptomoedas no Brasil, para que haja mais transparência na maneira como são transacionadas, criadas e negociadas. “A gente tem que ter certeza de que as pessoas sabem o que estão comprando. A tarefa do regulador é essa da transparênci

Jovem de 21 anos é encontrado morto na manhã desta quarta-feira (07) no centro de Conchal (SP)

Um jovem foi encontrado morto em uma residência, no centro do município de Conchal (SP), na manhã desta quarta-feira (07). A Polícia Militar foi acionada por volta das 8:30hs para atender a ocorrência, em uma residência na rua João Pessoa. A suspeita é que o jovem, Leonardo Silva de Sena (nome de batismo), 21 anos de idade, teria cometido suicídio, uma vez que, o mesmo foi encontrado enforcado com pedaços de tecidos. A Polícia Civil e cientifica foi acionada. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), no município de Limeira. As funerárias Consoni e São Bento trabalharam na condução do corpo. De acordo com informações publicadas pela funerária São Bento,   o corpo será velado na quinta-feira (08), no Cemitério Municipal de Conchal, a partir das 08:00 horas, e será sepultado no mesmo cemitério, às 11:00 horas. Leia também: Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Participe desta campanha e ajude a Salvar Vidas  

Ainhume Gonçalves será velada nesta quarta-feira (20), a partir das 7hs, no Cemitério Municipal de Conchal

A jovem de 24 anos de idade, Ainhume Gonçalves, será velada nesta quarta-feira (20), a partir das 7hs, no Velório Municipal de Conchal. A jovem faleceu na cidade de Monte Sião (MG), e será sepultada em Conchal. A publicação deste comunicado vem a pedido de familiares da jovem, a quem deixamos os nossos mais sinceros pêsames.

Mulher é espancada e tem cabelo cortado com faca após ser sequestrada por ex-namorado em Conchal - Crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (17)

Uma mulher que não teve o nome e idade revelado pela polícia, foi vítima de sequestro pelo ex-namorado em Conchal, na madrugada desta terça-feira (17). De acordo com informações fornecidas pela polícia, a mulher foi levada para a casa do ex-namorado localizada no bairro Jardim Planalto, onde foi trancada e agredida durante toda a madrugada. O agressor utilizou uma faca para cortar os cabelos da vítima. A mulher conseguiu fugir do local e buscar por socorro no hospital Madre Vaninni, porém mesmo após ter conseguido fugir, continuou recebendo ameaças por mensagens do ex-namorado. Nesta manhã o Delegado de Polícia Titular de Conchal, Dr Luis Henrique Lima Pereira, tomou ciência dos fatos e determinou a busca do indivíduo no endereço onde o crime aconteceu. Policiais civis, com o apoio de agentes da Guarda Municipal de Conchal, que atuam na delegacia, lograram êxito em encontrar o elemento, que foi conduzido à delegacia. A faca utilizada pelo agressor foi encontrada e apreend

Homens de 22 e 35 anos de idade morrem após serem alvejados por disparo de arma de fogo em Conchal – Crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (26)

  Dois homens, um de 22 e o outros de 35 anos de idade, morreram após serem alvejados na cabeça, por disparo de arma de fogo. O crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (26), em uma lanchonete localizada na Avenida João Paulo II, no bairro Parque Industrial em Conchal (SP). A proprietária preparava o fechamento do estabelecimento quando as mortes aconteceram. De acordo com registros do boletim de a ocorrência, a testemunha estava abastecendo os freezers quando ouviu o barulho dos disparos, quando saiu da parte interna do comércio para ver o que estava acontecendo, se deparou as vítimas feridas caídas no chão. A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência. A polícia cientifica compareceu no local para o trabalho de perícia. Imagens de câmeras de monitoramento próximos ao local devem ajudar a polícia a identificar o autor dos disparos. Os corpos foram recolhidos pela funerária São Bento e encaminhados ao IML do município de Limeira.

Conchalense escapa ileso após ter carro destruído por queda de duas árvores em Conchal. “Deus não me abandonou”, disse o trabalhador rural. Veja fotos e vídeos

“Deus não me abandonou! ”.  Foi essa uma das expressões utilizadas para definir o livramento divino concedido ao trabalhador rural Marcio da Silva, popularmente conhecido como “Gago”, que teve o carro completamente destruído após duas árvores caírem sobre o seu veículo. O incidente aconteceu na tarde de segunda-feira (30), em um rancho localizado no bairro Arurá, área rural do município de Conchal, SP. Vídeos e fotos registradas por Marcio, circularam na internet logo após o ocorrido. O F5 entrou em contato com o Marcio (Gago). Por mensagem via WhatAspp Marcio contou como tudo aconteceu. “Eu estava em um rancho, de um amigo meu, lá no Arurá, quando por volta das 15hs, com aquela chuva e vento forte, eu fui no carro pegar o celular. Foi quando começou a tempestade e eu entrei dentro do carro. A hora que eu entrei dentro do carro e comecei a fechar os vidros, eu escutei um estralo na árvore que quebrou no meio. A árvore veio caindo e puxou a outra árvore maior. Eu tente

Técnico de enfermagem, morador de Conchal, morre após acidente com moto na madrugada desta terça-feira (13) - Por nota, profissionais do SAMU Conchal fazem homenagem a Reginaldo

Um acidente acontecido na madrugada desta terça-feira (13), em Conchal, tirou a vida do técnico de enfermagem Reginaldo Correa Francisco, de 47 anos de idade, morador do município de Conchal (SP), e querido por todos que o conhecia. De acordo com registros do boletim de ocorrência, a vítima teria se acidentado com sua motocicleta próximo ao trevo de acesso ao município, na rodovia SP-191. A polícia rodoviária foi acionada, mas quando chegou ao local a vítima já havia sido socorrido pela Unidade de Resgate da Intervias que, o encaminhou para o hospital Madre Vannini, em Conchal. Infelizmente a Reginaldo não resistiu e foi a óbito ainda nesta terça-feira (13). As causas que teriam provocado o acidente são investigadas pela polícia. Nota de homenagem dos profissionais do SAMU Conchal "Nesse dia a Equipe do SAMU de Conchal recebeu com profunda tristeza a notícia desse companheiro de resgate que, para tantas vidas foi instrumentos de ajuda e socorro. Para hoje, o

Policiais Civis de Conchal prendem suspeito de ter atirado e matado dois homens em lanchonete no município, na madrugada de 26 de dezembro

Policiais da delegacia de Polícia Civil de Conchal, prenderam na tarde desta terça-feira (10), o suspeito de ter cometido duplo homicídio na madrugada de 26 de dezembro, em uma lanchonete localizada no bairro Parque Industrial, em Conchal. Há dias a polícia estava monitorando o suspeito, caminhoneiro, de 40 anos de idade, que é morador do bairro Jardim Bela Vista, em Conchal. O nome do suspeito não foi informado pelos policiais. O suspeito havia ido para estado do Rio de Janeiro após o crime e, nesta terça-feira (10), foi preso quando retornava. Após investigação e solicitação da polícia civil junto ao poder judiciário, o mandado de prisão temporária foi expedido pela justiça.   A prisão foi realizada no município de Mogi Guaçu, próximo a churrascaria Chimarrão. O homem passou por exame de corpo de delito e foi conduzido à delegacia de polícia em Mogi Guaçu, onde foi interrogado. O suspeito preferiu permanecer em silêncio, dizendo apenas que não cometeu o homicídi

Homem de 40 anos comete suicídio no dia de natal em Conchal

  Um homem de 40 anos de idade, foi encontrado morto em sua residência, localizada no bairro Vivaldini, em Conchal (SP), na noite do dia 25/12. De acordo com as informações registradas no boletim de ocorrência, a vítima teria participado de uma festa de confraternização na casa de familiares horas antes de ir para a própria casa e tirar a própria vida. O homem utilizou uma corda para se enforcar. Segundo consta nos registros, familiares afirmaram que a vítima não apresentava histórico depressão, e não tinha nenhuma situação aparente para tal ato. A polícia militar foi acionada para atender a ocorrência. A polícia cientifica também esteve no local. O corpo foi removido e encaminhado pela funerária São Bento, ao IML do município de Limeira. A polícia investiga o caso.