Candidatos nanicos poderão acumular tempo de propaganda gratuita, define TSE


Os candidatos à Presidência com menos de 30 segundos de campanha no horário eleitoral gratuito poderão acumular seu tempo e utilizá-lo em períodos maiores. Essa é uma das propostas aprovadas pelo Tribunal Superior Eleitoral nesta terça-feira (28/8) e que integram a resolução que definiu o Plano de Mídia do Horário Eleitoral Gratuito dos candidatos a presidente da República nas eleições deste ano.


A norma fixa a distribuição do tempo de exibição da propaganda (em rede e em inserções) que cada partido ou coligação terá para seu respectivo candidato a presidente durante o primeiro turno do pleito.

Entre as propostas recepcionadas pelo TSE está a de que partidos e coligações com menos de 30 segundos em cada bloco do horário eleitoral podem flexibilizar o uso de seus tempos, acumulando-os para veiculação em diferentes datas. A combinação de como será distribuído esse tempo por bloco ficará a cargo das legendas e coligações, mediante um acordo de compensação de tempo a ser previamente informado ao tribunal.

O texto prevê ainda a formação do grupo único de emissoras (pool) para a geração da propaganda gratuita. E dispõe sobre a ordem de veiculação dos programas dos candidatos, definida por sorteio no último dia 23.

Rodízio

A propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão começa nesta sexta-feira (31/8) e termina no dia 4 de outubro. O tempo total destinado à veiculação dos programas dos candidatos ao cargo de presidente da República será de 25 minutos, divididos em dois blocos de 12min30s. Eles serão exibidos às terças e quintas-feiras e aos sábados. No rádio, das 7h às 7h12min30s, e das 12h às 12h12min30s. Na televisão, das 13h às 13h12min30s, e das 20h30min às 20h42min30s.

Como dispõe a Resolução TSE 23.551/2017, após a primeira exibição dos programas eleitorais, será adotado sistema de rodízio. Desse modo, o partido político ou a coligação que teve sua propaganda apresentada em primeiro lugar ocupará a última posição da ordem de exibição da propaganda no dia seguinte, e assim sucessivamente.

A ordem de veiculação do primeiro dia da propaganda, que serve de parâmetro para o rodízio dos dias subsequentes, foi definida por sorteio na audiência pública presencial realizada com a participação dos ministros do TSE, de integrantes do Ministério Público Eleitoral e de representantes dos partidos políticos, das coligações e das emissoras de rádio e televisão. Com informações da Assessoria de Imprensa do TSE.

Consultor Jurídico


Comentários

Leia também...

Aposentado e motorista de ônibus escolar foram presos suspeitos de estuprar menina de 12 anos em Aguaí, SP

Conchal - Matrículas para o EJA (Educação Jovens e Adultos) abertas a partir dessa segunda-feira 21/01 a 04/02

Câmara de Conchal realiza primeira sessão do ano em regime extraordinário

'Superlua de Sangue' ficará visível neste domingo

PREFEITURA INICIA LIMPEZA DOS RESERVATÓRIOS DE ÁGUA COMEÇANDO PELAS CAIXAS DO CENTRO DA CIDADE.

Conchal - CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL (UNINTER)

Em Tietê (SP) ruas foram pintadas de azul com o objetivo de amenizar o calor e diminuir gastos com a energia elétrica

Prefeito de Conchal acaba de anunciar que todos os postos de saúde passarão a fazer agendamentos diários

Doria proíbe consumo de bebida alcoólica em postos de gasolina

Desde o início do ano mais de 700 pessoas deram entrada no hospital Madre Vannini com virose saiba como se prevenir

Todas as Publicações

Mostrar mais