Postagens

Mostrando postagens de Julho 1, 2019

Deputado propõe 5 anos de prisão para quem maltratar animais

Imagem
O deputado Junior Bozzella (PSL-SP) alega que houve aumento no número de denúncias em 2018. Ele apresentou um projeto na Câmara dos Deputados para ampliar a punição aos agressores.
“A Lei atual é muito branda. Ela gira em torno de seis meses a um ano de detenção. Nós estamos propondo de um a cinco anos para quem maltratar os animais. Os números de agressões subiram 24% nos últimos anos, são 3600 denúncias registradas”.
O parlamentar fundamenta sua proposta com dados da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e o Comando de Polícia Ambiental.


Além de aumentar a pena, Junior Bozzella pretende especificar 21 formas de maus tratos.
Conteúdo: Jovem Pan


Número de mortes causadas por dengue já é 163% maior neste ano do que em 2018

Imagem
Dois fatores novos têm contribuído para o aumento do número de casos de dengue neste ano, principalmente nas regiões Sudeste e Centro-Oeste do país. Até junho, foram registradas 366 mortes em decorrência da doença em todo o Brasil. Um aumento de 163%, se comparado ao mesmo período do ano passado.
Segundo especialistas ouvidos pela Jovem Pan, a circulação de um sorotipo diferente do vírus da dengue e as mudanças climáticas contribuíram para o crescimento de casos da doença.
O diretor da Sociedade Brasileira de Imunizações, Renato Kfouri, explica que a chegada do tipo 2 da dengue deixa as pessoas mais suscetíveis à contaminação. “O número de casos tende a aumentar não só nesse, mas provavelmente nos próximos anos, e consequentemente o número de internações, o número de óbitos. A epidemia que nós estamos vivendo neste ano se assemelha muito às epidemias de anos atrás”.
Ele afirma que o número de pessoas contaminadas deve diminuir com a mudança climática. “Então é importante continuar com os…

Pequenas empresas garantem saldo positivo de empregos, mostra Sebrae

Imagem
O saldo positivo na geração de empregos em maio só foi possível por causa do desempenho das micro e pequenas empresas. O setor foi responsável, no mês passado, pela criação de 38 mil postos formais de trabalho (com carteira assinada) no país, enquanto as médias e grandes corporações registraram saldo negativo, demitindo 7,2 mil trabalhadores, conforme levantamento do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae) feito com base nos números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia. No total, levando em conta a diferença entre contratações e desligamentos, o Caged de maio fechou com saldo positivo de 32,1 mil empregos gerados.
"Nas crises, perder gente na micro e pequena empresa é pior do que na média e, sobretudo, na grande empresa. Então, os pequenos negócios têm essa característica, eles contratam quando precisam e praticamente não dispensam. Até porque uma dispensa numa grande empresa é só mais uma, mas numa pequena empre…

Menino com síndromes raras ganha festa de aniversário surpresa de policiais militares

Imagem
Festa também teve a participação de guardas municipais, policiais civis e bombeiros. Menino de 11 anos sofre das síndromes de Pierre Robin e Moebius.



Após enviar uma carta pedindo um presente de aniversário a um policial, o morador de Borborema (SP) João Eduardo Soares, de 11 anos, foi surpreendido com uma festa realizada por PMs em sua casa. Além da comemoração, ele foi presenteado com uma réplica da farda da corporação.
Segundo Rosane Soares Gomes, mãe de João, o filho sofre da síndrome de Pierre Robin, que causa deficiências na boca, como a mandíbula para trás e palato aberto, e também a da de Moebius, caracterizada pela paralisia dos nervos da face. Ambas consideradas raras.
“Quando o João nasceu, os médicos me disseram que ele chegaria apenas aos 10 anos, em função da síndrome dele, que é grave e rara. Passamos a fazer tratamento no Centrinho, que é como se fosse minha segunda casa”, conta a mãe do menino.
Segundo ela, o filho sempre foi apaixonado pela Polícia Militar. E a festa sur…

Selfies são cinco vezes mais letais que ataques de tubarão

Imagem
Depois de virar uma sensação global na última década, as selfies mataram cinco vezes mais pessoas do que os ataques de tubarão. E a tendência aumenta, com o surgimento de acessórios e a sofisticação crescente dos smartphones.
Entre outubro de 2011 e novembro de 2017, pelo menos 259 pessoas morreram tirando selfies em diferentes lugares no mundo, cinco vezes mais que os 50 mortos em ataques de tubarão, segundo a publicação indiana Journal of Family Medecine and Primary Care.
Embora as mulheres tirem mais selfies, são os homens jovens, com predisposição a comportamentos de risco, que respondem por três quartos das estatísticas de letalidade. Eles morrem em colisões, afogamentos, quedas ou acidentes com armas de fogo.
A Índia, com seus 800 milhões de celulares, detém o recorde mundial de morte por selfies neste período, com 159 mortos. É seguida por Rússia, Estados Unidos e Paquistão. As cifras mostram a paixão nacional pelas selfies coletivas e da juventude da população.
Jovens na Índia têm…

Canonização de Irmã Dulce será em 13 de outubro

Imagem
Além de Irmã Dulce, serão canonizados quatro beatos.




O Papa Francisco presidiu, hoje (1), na Sala Clementina, no Vaticano, o Consistório Ordinário Público para a Canonização de cinco Beatos, dentre os quais Irmã Dulce Lopes Pontes.
Durante o Consistório, o Santo Padre anunciou a data de canonização dos cinco beatos. Será no domingo, 13 de outubro próximo.
Além de Irmã Dulce, serão canonizados os seguintes beatos: John Henry Newman, cardeal, fundador do Oratório de São Filipe Néri na Inglaterra; Giuseppina Vannini (no século Giuditta Adelaide Agata), fundadora das Filhas de São Camilo;Maria Teresa Chiramel Mankidiyan, fundadora da Congregação das Irmãs da Sagrada Família e Margherita Bays, Virgem, da Ordem Terceira de São Francisco de Assis.




Cachorro da Receita encontra 523 kg de cocaína no Porto de Santos

Imagem
Tratava-se de uma carga de tambores de suco de laranja congelado, cujo destino final seria o porto de Roterdã, na Holanda.




A Receita Federal apreendeu, com a ajuda de um cachorro, mais de meia tonelada de cocaína, neste domingo (30), no Porto de Santos, no Estado de São Paulo.
De acordo com o órgão, os 523 kg da droga foram localizados durante uma ação rotineira de vigilância.
A operação conta com monitoramento por câmeras interligadas à Central de Operações e Vigilância da Alfândega de Santos, atuação de servidores no local para verificação de campo e o uso de cães de faro, que possibilitaram a identificação de um contêiner com indícios de violação. Tratava-se de uma carga de tambores de suco de laranja congelado, acondicionados em três contêineres, cujo destino final seria o porto de Roterdã, na Holanda. No contêiner, foram encontradas, junto à porta, 12 bolsas contendo tabletes de cocaína.
A Receita suspeita que, pela disposição das bolsas no interior do contêiner, a técnica "rip-o…

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Todas as Publicações

Mostrar mais