Novidade!

Alunos da Fatec Mogi Mirim constroem impressora 3D industrial



Um projeto desenvolvido durante a Iniciação Científica que virou Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e vai se transformar em um legado para beneficiar o aprendizado de muitos outros estudantes. Essa é a história da impressora 3D de grandes dimensões projetada e montada por três alunos da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Mogi Mirim.

O projeto começou em 2018, quando Lucas Armentano Garcia Moreno, Gabriel Garcia da Silva e Willian Dias Marques, do curso superior de tecnologia de Mecatrônica, decidiram investir na ideia de construir algo que não fosse facilmente encontrado no mercado. Uma impressora 3D comum não era uma opção porque hoje é possível comprar na internet as peças para montar esse tipo de equipamento. Mas algo bem mais complexo como uma impressora industrial era a oportunidade que os jovens buscavam.



“Foi um belo desafio porque nós construímos ou mandamos fazer as peças da impressora”, conta Lucas. Um exemplo é a mesa térmica, que é a estrutura sobre a qual o objeto é impresso. Segundo o estudante, é fácil encontrar mesas com 20 centímetros de área útil, mas eles precisavam de uma placa com 70 centímetros e foi preciso encomendá-la sob medida. Para se ter uma ideia, a impressora montada ocupa uma área de um metro cúbico.

Além de projetar e construir, os jovens também conseguiram apoios financeiros e doação de materiais. Para finalizar o projeto, os alunos receberam uma contribuição em dinheiro da Balestro, empresa com sede em Mogi Mirim, e ganharam o filamento para ser usado nas impressões da associação comercial da cidade.



Laboratório

Depois de tanto trabalho e aprendizado, Lucas e seus colegas doaram a impressora para a Fatec e os planos para o equipamento são muitos. Segundo o orientador do grupo, Helder Anibal Hermini, a impressora 3D de grandes dimensões fará parte de um laboratório de manufatura digital avançada que está sendo montado na unidade.

Ao lado da impressoras estarão instalados dois routers (equipamentos usados para esculpir peças), uma máquina de corte a laser e um scanner 3D. Todos já montados ou em fase de montagem por estudantes da Fatec. “Com esse laboratório, por exemplo, nós poderíamos montar robôs didáticos para os nossos alunos”, explica Hermini. Um robô desse tipo custa hoje cerca de US$ 20 mil.



O educador diz que projetar e construir dispositivos como esses é um exemplo de uso de metodologias ativas, processo pedagógico que faz com que o aluno seja o protagonista de sua aprendizagem. “O projeto de uma máquina dessas integra praticamente todos os conhecimentos adquiridos no curso.” Lucas concorda: “A gente vê o que aprendeu nas aulas se tornar real”.

*Com informações de Centro Paula Souza.









Imperdível

Publicidade

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Policia Militar e fiscais da prefeitura de Conchal fecham 4 estabelecimentos por não respeitar medidas de combate ao Covid-19

Conchal/SP - Sem sintomas, jovem de 22 anos descobre que está grávida após 37 semanas de gestação – O fenômeno é chamado pelos médicos, de “gravidez silenciosa”

Policia Civil apreende adolescente por tráfico de drogas no Esperança 1 em Conchal

Policia Militar prende mais um por tráfico de drogas em Conchal - Indagado, o meliante confessou que estava na prática de comercialização do entorpecente pelo local

Maria da Penha nele! - Meliante agride mulher grávida de 8 meses e é detido pela Policia Militar em Conchal

Policia Militar apreende nesta quinta-feira (25) maconha e menor no Parque Industrial em Conchal

Vídeo - Conseg realiza reunião para debater ideias visando melhorias da segurança pública em Conchal – Na ocasião o novo Delegado de Polícia Civil de Conchal foi apresentado

Governo de São Paulo estuda decretar toque de recolher no interior do estado

😎😎 Mulher tem casa invadida e reage com tapas e chutes após desconhecido tentar agarrá-la; assista vídeo.

Bombeiros buscam bebê que teria sido jogado pelo pai em rio de MG

Todas as Publicações

Mostrar mais