STF veta showmício, mas permite apresentação para arrecadar recursos Pular para o conteúdo principal

STF veta showmício, mas permite apresentação para arrecadar recursos




A proibição de showmícios se justifica para resguardar a paridade de armas entre os candidatos a cargos eletivos. E a medida não afeta a liberdade de expressão, pois não impede que artistas manifestem suas opiniões políticas em apresentações próprias.

Com esse entendimento, o Plenário do Supremo Tribunal Federal, por 8 votos a 2, manteve nesta quinta-feira (7/10) a proibição de showmícios por candidatos em eleições. Porém, a Corte, por 7 votos a 3, concluiu que apresentações artísticas em eventos de arrecadação de campanha não contrariam a Constituição. Também por 7 a 3, o STF decidiu que o entendimento vale para as eleições de 2022.

A Ação Direta de Inconstitucionalidade 5.970 questionou dos dispositivos. O primeiro foi o artigo 39, parágrafo 7º, da Lei 9.504/1999, acrescentado pela Lei 11.300/2006, que proíbe "a realização de showmício e de evento assemelhado para promoção de candidatos" e a apresentação, "remunerada ou não", de artistas para animar comícios e reuniões eleitorais.

O segundo ponto em discussão era o artigo 23, parágrafo 4º, inciso V, que dispõe que as doações poderão ser efetuadas por meio de "promoção de eventos de arrecadação realizados diretamente pelo candidato ou pelo partido político".

O relator do caso, ministro Dias Toffoli, votou nesta quarta (6/10) para negar o pedido de declaração de inconstitucionalidade parcial do artigo 39, parágrafo 7º, da Lei 9.504/1997, e manter a proibição de showmícios.


De acordo com Toffoli, a proibição de showmícios "buscou evitar o abuso de poder econômico no âmbito das eleições e resguardar a paridade de armas entre os candidatos". E isso também vale para apresentações gratuitas, pois há considerável benefício ao candidato, que recebe um serviço que pode ser quantificado em dinheiro.

Além disso, showmícios podem ser considerados oferecimentos de vantagens aos eleitores, que podem associar o entretenimento à figura do político homenageado. "Nesse sentido, a norma protege, também, a livre formação de vontade do eleitor", declarou o relator. Os showmícios, segundo o ministro, também conferem vantagem na disputa eleitoral, que pode desequilibrar a paridade de armas entre os candidatos.

A vedação dos showmícios não configura censura prévia, pois não impede manifestações de cunho políticos de artistas, desde que sejam feitas em apresentações próprias, avaliou Toffoli. O entendimento foi seguido na quarta por Nunes Marques e Alexandre de Moraes.

Nesta quinta, também seguiram o relator nesse ponto os ministros Edson Fachin, Rosa Weber, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Luiz Fux.

Fachin apontou que a liberdade de expressão é “um pilar da democracia”. Como todos os outros direitos, contudo, não é ilimitada. Assim, os showmícios podem ser proibidos em eleições para resguardar a igualdade na disputa e frear a influência do poder econômico.

Nessa mesma linha, Rosa Weber avaliou que a proibição de apresentações artísticas em comícios de candidatos é compatível com a Constituição Federal.

“A proibição de showmícios não configura censura prévia ou vedação ao engajamento político dos artistas”, declarou Lewandowski. Afinal, a prática visa assegurar a igualdade de condição dos candidatos a cargos eletivos e garantir a livre escolha dos eleitores, disse o ministro.


Gilmar Mendes opinou que, no conflito entre a liberdade de manifestação e a igualdade na disputa eleitoral, este princípio tem mais peso com relação aos showmícios. Isso porque a vedação se destina a evitar distorções no pleito e o abuso do poder econômico. E os artistas continuam livres para expor suas preferências políticas.

O presidente do STF, Luiz Fux, ressaltou que o objetivo das apresentações artísticas em eventos eleitorais é captar as emoções dos cidadãos. “Ninguém vai a um showmício para assistir político falando”. Dessa maneira, os shows desequilibram as eleições, pois sua organização, mesmo não remunerada, exige recursos elevados, disse Fux, defendendo a necessidade de respeitar a vontade do legislador.

Liberdade de manifestação

Ficaram vencidos quanto à proibição de apresentações artísticas em eventos de campanha os ministros Luís Roberto Barroso e Cármen Lúcia, que votaram pela permissão de showmícios não remunerados.

Barroso disse que a vedação configura "violação desproporcional da liberdade de expressão". A seu ver, se a proibição de showmícios se destina a evitar o abuso do poder econômico, não deveria incidir nas hipóteses de participação não remunerada dos artistas. "Aí é espontâneo exercício da liberdade de manifestação política."

Além disso, o ministro apontou que a restrição à participação de músicos em eventos eleitorais é "totalmente discriminatória". "Jogador de futebol, jornalista, ex-presidente pode participar de eventos eleitorais. Mas músico não? Dizer que uma pessoa ou grupo de pessoas não pode se manifestar em determinado momento e lugar evidentemente é um cerceamento da liberdade de expressão", afirmou Barroso, ressaltando que tal direito pode ser restringido para um fim legítimo — o que não acontece no caso.


"Se o músico é alguém que influencia a sociedade, como o escritor ou o cineasta, não vejo como impedi-lo de participar de manifestação cívica. O que ele faz é uma exposição sobre o que pensa sobre o mundo. Seria extremamente difícil e preconceituoso dizer que só ele não pode falar", disse Cármen Lúcia, ressaltando que, hoje em dia, influenciadores digitais têm mais alcançam mais pessoas do que artistas.

Shows para arrecadação

Dias Toffoli votou para conferir interpretação conforme à Constituição ao artigo 23, parágrafo 4º, inciso V, da Lei 9.504/1997, para permitir apresentações artísticas em eventos de arrecadação de recursos para campanhas eleitorais.

Conforme o ministro, tais eventos são voltados a eleitores que, conscientemente, contribuíram com uma candidatura. "Ou seja, o comparecimento do eleitor à ocasião tem o propósito definido de financiar o projeto político de sua escolha", disse Toffoli, apontando que tal medida permite que os cidadãos viabilizem as propostas que apoiam.

Alexandre de Moraes o acompanhou na sessão de quarta. O voto do relator foi seguido nesse ponto na quinta por Barroso, Fachin, Rosa Weber, Cármen Lúcia e Lewandowski.

Barroso declarou contraditório permitir apresentações em eventos de arrecadação e proibir showmícios não remunerados.

Fachin, por sua vez, analisou que atos para levantar recursos não podem ser equiparados a atos de campanha. Isso por os atos de campanha têm o objetivo de obter voto. E quem vai a um evento de arrecadação já tem seu candidato e busca apoiá-lo.

Uma vez que a legislação eleitoral não proíbe expressamente a realização de shows em atos para levantar fundos para candidato, a prática é permitida, disse Rosa Weber.

"O silêncio dos artistas tem custado muito caro à democracia brasileira", declarou Cármen Lúcia, defendendo a constitucionalidade das apresentações.

Lewandowski avaliou que o eleitor que vai a um show de arrecadação de fundos contribui para o projeto político de sua escolha. Assim, o ministro votou pela permissão da prática, observadas as limitações observadas na legislação própria quanto às limitações de doações de bens e serviços e candidatos.

Risco de desequilíbrio

Nunes Marques abriu, na quarta, a divergência quanto a shows em eventos de arrecadação, entendendo que essas performances também atraem pessoas que possivelmente não iriam a tal ato, desequilibrando a disputa. Por isso, votou para negar o pedido de liberação dessas apresentações. A divergência foi seguida na quinta por Gilmar Mendes e Luiz Fux.

Gilmar opinou que a permissão de shows em eventos de arrecadação pode ser uma forma de burlar a decisão do Supremo que proibiu as doações eleitorais de pessoas jurídicas.


"Imagino que uma empresa possa comprar todos os ingressos de um almoço ou show de uma pequena reunião de arrecadação de campanha e distribuir aos seus empregados, que podem ou não ir. Isso já resulta em um tipo de financiamento por pessoa jurídica", destacou, ressaltando que a prática pode configurar "uma espécie de cashback do crime embalado musicalmente".

O decano da Corte ainda lembrou que, se um cantor cobra R$ 500 mil por show, esse é o valor da doação que está fazendo ao candidato ao se apresentar em evento de sua campanha. Assim, tais apresentações podem ultrapassar o teto de doações feitas por pessoas físicas, de até 10% do rendimento bruto obtido no ano anterior. Ainda ressaltou que muitos artistas são contratados como pessoas jurídicas — e doações por tais entidades foram vedadas pelo STF.

Fux afirmou que a arrecadação via apresentações artísticas gera desigualdade entre os candidatos. O presidente do Supremo também destacou que a permissão da prática dificultaria a fiscalização da Justiça Eleitoral, que teria que apurar se não houve doações ilegais ou lavagem de dinheiro nesses eventos.

Eleições de 2022

O Supremo, por 7 votos a 3, decidiu que a decisão de permitir shows em eventos de arrecadação para candidatos não viola o princípio da anualidade eleitoral.

Essa garantia consta do artigo 16 da Constituição, que tem a seguinte redação: "A lei que alterar o processo eleitoral entrará em vigor na data de sua publicação, não se aplicando à eleição que ocorra até um ano da data de sua vigência".

Prevaleceu o voto de Dias Toffoli, para quem não se aplica o dispositivo no caso porque não houve modificação legislativa, apenas determinação de interpretação conforme à Constituição ao artigo 23, parágrafo 4º, inciso V, da Lei 9.504/1997, para permitir apresentações artísticas em eventos de arrecadação de recursos para campanhas eleitorais.

Ficaram vencidos nesse ponto os ministros Nunes Marques, Gilmar Mendes e Luiz Fux, que entenderam que houve modificação nas regras eleitorais feitas a menos de um ano da disputa — o primeiro turno do pleito de 2022 ocorrerá em 2 de outubro.

Pedidos dos partidos

O Partido Socialista Brasileiro (PSB), o Partido Socialismo e Liberdade (Psol) e o Partido dos Trabalhadores (PT) ajuizaram no Supremo Tribunal Federal ação contra regra da legislação eleitoral que trata da organização de eventos de arrecadação de recursos e da proibição de showmícios por candidatos.

A pretensão dos partidos é que seja declarada a inconstitucionalidade parcial do artigo 39, parágrafo 7º, da Lei 9.504/1997, quando as apresentações forem gratuitas, sem cobrança de cachê, mediante a supressão da expressão "ou não" do texto legislativo. "É proibida a realização de showmício e de evento assemelhado para promoção de candidatos, bem como a apresentação, remunerada ou não, de artistas com a finalidade de animar comício e reunião eleitoral", diz o dispositivo.

Além disso, as agremiações requereram o reconhecimento de que a proibição de showmícios e eventos assemelhados não impediria a ocorrência de eventos artísticos, inclusive shows musicais, feitos no intuito de arrecadar recursos para campanhas eleitorais.

"Diante da postura por vezes censória da Justiça Eleitoral, existe o elevado risco de que se adote a compreensão de que tal preceito não abrange a realização de espetáculos artísticos, em razão da vedação aos showmícios e à apresentação de artistas para animar eventos eleitorais", afirmaram as legendas.

Segundo os partidos, tanto a proibição dos showmícios não remunerados quanto a vedação de eventos artísticos de arrecadação eleitoral são incompatíveis com a garantia constitucional da liberdade de expressão.

"A primeira medida ofende, ainda, o princípio da proporcionalidade, enquanto a segunda também viola a isonomia e o imperativo constitucional de valorização da cultura", apontaram.

Os partidos destacaram que tanto a atividade artística como as manifestações de natureza política compõem o núcleo essencial da liberdade de expressão. "Música não é apenas entretenimento, mas também um legítimo e importante instrumento para manifestações de teor político", sustentaram. "Não é legítima a pretensão legislativa de converter o embate político-eleitoral numa esfera árida, circunscrita à troca fria de argumentos racionais entre os candidatos, partidos e seus apoiadores, sem espaço para a emoção e para a arte."

A Procuradoria-Geral da República manifestou-se pela improcedência da ADI, sustentando que "o dispositivo questionado veicula importante mecanismo de controle sobre a propaganda eleitoral, com a finalidade de assegurar a igualdade entre os postulantes a cargos públicos, combater o abuso do poder nas eleições e o uso indevido dos meios de comunicação".

*Consultor Jurídico 






Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal
CLIQUE NA FOTO PARA ACESSAR TABELA DE HORÁRIOS





Leia também

Marginais furtam pertences de dentro de veículos de trabalhadores em Conchal

Um grupo de trabalhadores tiveram os pertences de dois veículos em que estavam furtados enquanto trabalhavam na colheita em um sitio no bairro Iate, área rural do município de Conchal. O crime aconteceu ontem, segunda-feira (06). Os marginais quebraram os vidros dos carros e subtraíram um toca CDs, marca Pioneer e a bateria em um dos carros. No segundo veículo os marginais furtaram a bateria.   Outros pertences pessoais que estavam no interior dos veículos também foram levados. As vítimas não souberam informar um horário aproximado que o furto ocorreu, pois haviam deixado os veículos na estrada de terra e entrado para o sitio para a colheita. Ao darem conta do ocorrido, as vítimas acionaram a Guarda Civil Municipal. Os GMs Mauricio e Marques atenderam a ocorrência e prestaram apoio as vítimas.   Um Boletim de ocorrência de furto foi elaborado.  

Polícia invade cativeiro e resgata mulher que era julgada pelo tribunal do crime - De acordo PM, a vítima estava sendo julgada desde a madrugada por ter roubado um celular na comunidade.

A polícia invadiu um cativeiro e resgatou uma mulher que estava sendo julgada pelo tribunal do crime na rua Tietê, no Jardim Helena, zona leste de São Paulo, por volta das 7h30 desta terça-feira (7). De acordo com a corporação, a vítima estava sendo julgada desde a madrugada por ter roubado um celular na comunidade. Em depoimento, ela contou aos policiais que foi agredida de diversas maneiras, como com chutes, socos e golpes de madeira. Os suspeitos ainda aguardavam a autorização de um suspeito conhecido como "Irmão Muringa", que seria integrante da conhecida facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital). Uma pessoa, que passava pela rua presenciou o crime e acionou a PM. Quando as viaturas chegaram, os suspeitos fugiram. A mulher não soube reconhecer nenhum dos envolvidos. O caso foi registrado 50° DP (Itaim Paulista). *R7  

Homem é assassinado a tiros em frente a lanchonete na madrugada desta segunda-feira (06) em Mogi Mirim (SP).

O crime foi registrado na Rua Amélia de Camargo Azevedo, no Bairro Linda Chaib, Zona Leste do município mogimiriano. Uma câmera de vigilância registrou o momento do crime e mostra a vítima, um homem de 26 anos em frente a uma lanchonete conversando com colegas, neste momento, um homem usando blusa e capuz chega correndo com uma arma em punho e efetua três disparos a queima roupa contra a vítima, que cai na calçada, o atirador foge na sequência. Uma guarnição de resgate do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionada, mas nada puderam fazer para ajudar, o homem morreu no local. A Polícia Militar compareceu ao local que foi isolado e solicitado o comparecimento de equipes da Polícia Civil para a realização de perícia. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Mogi Guaçu. O caso segue para investigação da Polícia Civil mogimiriana. Com informações: Alan Jones De Pieri/Mogi Hoje

Casa é furtada no Bairro Novo Horizonte em Conchal - Câmera registra homens carregando material às 6 da manhã; veja vídeo

  Uma residência localizada no Bairro Novo Horizonte em Conchal, foi furtada na manhã de terça-feira (31). O morador da residência, vítima do furto, que trabalha em outro município, só percebeu o desfalque que sofreu após chegar em casa, no período noturno. Amigos e vizinhos da vítima, buscaram por imagens que pudessem identificar o horário e os autores do furto. Uma das câmeras próximas à casa da vítima registrou o momento que dois indivíduos carregavam um tanquinho de lavar roupas e um tonel de plástico.  Nas imagens é possível observar um dos homens jogando roupas que estavam dentro do tanquinho, em uma lixeira.  O boletim de ocorrência deve de ser registrado nesta manhã de quarta-feira (01). A polícia irá investigar, se os homens que aparecem nas imagens são os autores do furto ou se compraram o material de terceiros;  veja vídeo abaixo: É importante ressaltar à população que, é necessário o registro do boletim de ocorrência para que a polícia possa atuar contra

Carnaval 2023 em Conchal terá banho de espuma para as crianças - Festa popular acontece de 17 a 21 deste mês; veja programação

Este ano (2023) o carnaval em Conchal acontecerá de 17 a 21 fevereiro, na avenida Prefeito Nelson Cunha, em frente ao ginásio de esportes. De acordo com os organizadores, o evento contará com o equipamento de banho de espuma, apenas para as crianças, nos dias das matinês, sábado (18) e domingo (19), a partir das 15hs. O local contará com praça de alimentação; veja programação:

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?

Quer receber notícias gratuitamente via WhatsApp?
Clique na imagem e nos envie o seu nome e idade

VEJA TAMBÉM

Mulher é espancada e tem cabelo cortado com faca após ser sequestrada por ex-namorado em Conchal - Crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (17)

Uma mulher que não teve o nome e idade revelado pela polícia, foi vítima de sequestro pelo ex-namorado em Conchal, na madrugada desta terça-feira (17). De acordo com informações fornecidas pela polícia, a mulher foi levada para a casa do ex-namorado localizada no bairro Jardim Planalto, onde foi trancada e agredida durante toda a madrugada. O agressor utilizou uma faca para cortar os cabelos da vítima. A mulher conseguiu fugir do local e buscar por socorro no hospital Madre Vaninni, porém mesmo após ter conseguido fugir, continuou recebendo ameaças por mensagens do ex-namorado. Nesta manhã o Delegado de Polícia Titular de Conchal, Dr Luis Henrique Lima Pereira, tomou ciência dos fatos e determinou a busca do indivíduo no endereço onde o crime aconteceu. Policiais civis, com o apoio de agentes da Guarda Municipal de Conchal, que atuam na delegacia, lograram êxito em encontrar o elemento, que foi conduzido à delegacia. A faca utilizada pelo agressor foi encontrada e apreend

Conchalense escapa ileso após ter carro destruído por queda de duas árvores em Conchal. “Deus não me abandonou”, disse o trabalhador rural. Veja fotos e vídeos

“Deus não me abandonou! ”.  Foi essa uma das expressões utilizadas para definir o livramento divino concedido ao trabalhador rural Marcio da Silva, popularmente conhecido como “Gago”, que teve o carro completamente destruído após duas árvores caírem sobre o seu veículo. O incidente aconteceu na tarde de segunda-feira (30), em um rancho localizado no bairro Arurá, área rural do município de Conchal, SP. Vídeos e fotos registradas por Marcio, circularam na internet logo após o ocorrido. O F5 entrou em contato com o Marcio (Gago). Por mensagem via WhatAspp Marcio contou como tudo aconteceu. “Eu estava em um rancho, de um amigo meu, lá no Arurá, quando por volta das 15hs, com aquela chuva e vento forte, eu fui no carro pegar o celular. Foi quando começou a tempestade e eu entrei dentro do carro. A hora que eu entrei dentro do carro e comecei a fechar os vidros, eu escutei um estralo na árvore que quebrou no meio. A árvore veio caindo e puxou a outra árvore maior. Eu tente

Policiais Civis de Conchal prendem suspeito de ter atirado e matado dois homens em lanchonete no município, na madrugada de 26 de dezembro

Policiais da delegacia de Polícia Civil de Conchal, prenderam na tarde desta terça-feira (10), o suspeito de ter cometido duplo homicídio na madrugada de 26 de dezembro, em uma lanchonete localizada no bairro Parque Industrial, em Conchal. Há dias a polícia estava monitorando o suspeito, caminhoneiro, de 40 anos de idade, que é morador do bairro Jardim Bela Vista, em Conchal. O nome do suspeito não foi informado pelos policiais. O suspeito havia ido para estado do Rio de Janeiro após o crime e, nesta terça-feira (10), foi preso quando retornava. Após investigação e solicitação da polícia civil junto ao poder judiciário, o mandado de prisão temporária foi expedido pela justiça.   A prisão foi realizada no município de Mogi Guaçu, próximo a churrascaria Chimarrão. O homem passou por exame de corpo de delito e foi conduzido à delegacia de polícia em Mogi Guaçu, onde foi interrogado. O suspeito preferiu permanecer em silêncio, dizendo apenas que não cometeu o homicídi

Câmera registra ação de vagabundos furtando comércio no centro de Conchal na madrugada desta sexta-feira (20)

  Dois indivíduos foram gravados enquanto furtavam um comércio (campinho de futebol) localizado na Rua Mogi Mirim, no centro da cidade de Conchal (SP), lugar onde constantemente é notado a frequência de viaturas de polícia. O crime aconteceu na madrugada desta sexta-feira (20). Os indivíduos permaneceram por mais de dez minutos no local sem que fossem notados. Os indivíduos furtaram um violão, bebidas, salgadinhos, um Home Theater, três maquininhas de cartão e outros itens que ainda não foram contabilizados pelas vítimas. Os proprietários do local só perceberam o prejuízo quando chegaram para trabalhar. Toda a ação dos vagabundos foi registrada por câmeras de monitoramento que devem de ajudar a polícia a identificar. Assista abaixo parte das gravações e denuncie caso reconheça os elementos. Por: Matheus Luca - F5 Conchal e Região

Postagens mais visitadas deste blog

Horários (ponto a ponto) do ônibus circular e telefones úteis Conchal

Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos. Solicitamos aos leitores F5 que utilizam o transporte público em Conchal, para que nos comunique através do número de WhatsApp (19) 99153 0445, se forem encontradas divergências nos horários publicados abaixo, para que possamos editar. Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apresentados nesta tabela representam horários aproximados do tempo de percurso de um ponto ao outro; Pode ocorrer variação de até 5 minutos para mais ou para menos.   Os horários apr

Presidente do Banco Central diz que cartão de crédito deixará de existir

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse que o cartão de crédito deixará de existir em breve. Ele afirmou que o “open finance“, modalidade pela qual os clientes disponibilizam seus dados a diferentes instituições, deve acelerar o processo. Com isso, não haverá mais a necessidade de diversos aplicativos de bancos. Ele prevê que até 2024 já esteja disponível uma moeda digital em que cada pessoa terá um aplicativo integrador que cuidará da vida financeira virtual e física no mesmo lugar. Além disso, ele ressaltou que o Pix já faz muitas questões relacionadas a pagamentos e soluciona problemas, inclusive oferecendo aos usuários compras através da modalidade de crédito. Campos Neto também falou sobre uma possível regulação das criptomoedas no Brasil, para que haja mais transparência na maneira como são transacionadas, criadas e negociadas. “A gente tem que ter certeza de que as pessoas sabem o que estão comprando. A tarefa do regulador é essa da transparênci

Jovem de 21 anos é encontrado morto na manhã desta quarta-feira (07) no centro de Conchal (SP)

Um jovem foi encontrado morto em uma residência, no centro do município de Conchal (SP), na manhã desta quarta-feira (07). A Polícia Militar foi acionada por volta das 8:30hs para atender a ocorrência, em uma residência na rua João Pessoa. A suspeita é que o jovem, Leonardo Silva de Sena (nome de batismo), 21 anos de idade, teria cometido suicídio, uma vez que, o mesmo foi encontrado enforcado com pedaços de tecidos. A Polícia Civil e cientifica foi acionada. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), no município de Limeira. As funerárias Consoni e São Bento trabalharam na condução do corpo. De acordo com informações publicadas pela funerária São Bento,   o corpo será velado na quinta-feira (08), no Cemitério Municipal de Conchal, a partir das 08:00 horas, e será sepultado no mesmo cemitério, às 11:00 horas. Leia também: Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Participe desta campanha e ajude a Salvar Vidas  

Ainhume Gonçalves será velada nesta quarta-feira (20), a partir das 7hs, no Cemitério Municipal de Conchal

A jovem de 24 anos de idade, Ainhume Gonçalves, será velada nesta quarta-feira (20), a partir das 7hs, no Velório Municipal de Conchal. A jovem faleceu na cidade de Monte Sião (MG), e será sepultada em Conchal. A publicação deste comunicado vem a pedido de familiares da jovem, a quem deixamos os nossos mais sinceros pêsames.

Mulher é espancada e tem cabelo cortado com faca após ser sequestrada por ex-namorado em Conchal - Crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (17)

Uma mulher que não teve o nome e idade revelado pela polícia, foi vítima de sequestro pelo ex-namorado em Conchal, na madrugada desta terça-feira (17). De acordo com informações fornecidas pela polícia, a mulher foi levada para a casa do ex-namorado localizada no bairro Jardim Planalto, onde foi trancada e agredida durante toda a madrugada. O agressor utilizou uma faca para cortar os cabelos da vítima. A mulher conseguiu fugir do local e buscar por socorro no hospital Madre Vaninni, porém mesmo após ter conseguido fugir, continuou recebendo ameaças por mensagens do ex-namorado. Nesta manhã o Delegado de Polícia Titular de Conchal, Dr Luis Henrique Lima Pereira, tomou ciência dos fatos e determinou a busca do indivíduo no endereço onde o crime aconteceu. Policiais civis, com o apoio de agentes da Guarda Municipal de Conchal, que atuam na delegacia, lograram êxito em encontrar o elemento, que foi conduzido à delegacia. A faca utilizada pelo agressor foi encontrada e apreend

Homens de 22 e 35 anos de idade morrem após serem alvejados por disparo de arma de fogo em Conchal – Crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (26)

  Dois homens, um de 22 e o outros de 35 anos de idade, morreram após serem alvejados na cabeça, por disparo de arma de fogo. O crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (26), em uma lanchonete localizada na Avenida João Paulo II, no bairro Parque Industrial em Conchal (SP). A proprietária preparava o fechamento do estabelecimento quando as mortes aconteceram. De acordo com registros do boletim de a ocorrência, a testemunha estava abastecendo os freezers quando ouviu o barulho dos disparos, quando saiu da parte interna do comércio para ver o que estava acontecendo, se deparou as vítimas feridas caídas no chão. A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência. A polícia cientifica compareceu no local para o trabalho de perícia. Imagens de câmeras de monitoramento próximos ao local devem ajudar a polícia a identificar o autor dos disparos. Os corpos foram recolhidos pela funerária São Bento e encaminhados ao IML do município de Limeira.

Conchalense escapa ileso após ter carro destruído por queda de duas árvores em Conchal. “Deus não me abandonou”, disse o trabalhador rural. Veja fotos e vídeos

“Deus não me abandonou! ”.  Foi essa uma das expressões utilizadas para definir o livramento divino concedido ao trabalhador rural Marcio da Silva, popularmente conhecido como “Gago”, que teve o carro completamente destruído após duas árvores caírem sobre o seu veículo. O incidente aconteceu na tarde de segunda-feira (30), em um rancho localizado no bairro Arurá, área rural do município de Conchal, SP. Vídeos e fotos registradas por Marcio, circularam na internet logo após o ocorrido. O F5 entrou em contato com o Marcio (Gago). Por mensagem via WhatAspp Marcio contou como tudo aconteceu. “Eu estava em um rancho, de um amigo meu, lá no Arurá, quando por volta das 15hs, com aquela chuva e vento forte, eu fui no carro pegar o celular. Foi quando começou a tempestade e eu entrei dentro do carro. A hora que eu entrei dentro do carro e comecei a fechar os vidros, eu escutei um estralo na árvore que quebrou no meio. A árvore veio caindo e puxou a outra árvore maior. Eu tente

Técnico de enfermagem, morador de Conchal, morre após acidente com moto na madrugada desta terça-feira (13) - Por nota, profissionais do SAMU Conchal fazem homenagem a Reginaldo

Um acidente acontecido na madrugada desta terça-feira (13), em Conchal, tirou a vida do técnico de enfermagem Reginaldo Correa Francisco, de 47 anos de idade, morador do município de Conchal (SP), e querido por todos que o conhecia. De acordo com registros do boletim de ocorrência, a vítima teria se acidentado com sua motocicleta próximo ao trevo de acesso ao município, na rodovia SP-191. A polícia rodoviária foi acionada, mas quando chegou ao local a vítima já havia sido socorrido pela Unidade de Resgate da Intervias que, o encaminhou para o hospital Madre Vannini, em Conchal. Infelizmente a Reginaldo não resistiu e foi a óbito ainda nesta terça-feira (13). As causas que teriam provocado o acidente são investigadas pela polícia. Nota de homenagem dos profissionais do SAMU Conchal "Nesse dia a Equipe do SAMU de Conchal recebeu com profunda tristeza a notícia desse companheiro de resgate que, para tantas vidas foi instrumentos de ajuda e socorro. Para hoje, o

Policiais Civis de Conchal prendem suspeito de ter atirado e matado dois homens em lanchonete no município, na madrugada de 26 de dezembro

Policiais da delegacia de Polícia Civil de Conchal, prenderam na tarde desta terça-feira (10), o suspeito de ter cometido duplo homicídio na madrugada de 26 de dezembro, em uma lanchonete localizada no bairro Parque Industrial, em Conchal. Há dias a polícia estava monitorando o suspeito, caminhoneiro, de 40 anos de idade, que é morador do bairro Jardim Bela Vista, em Conchal. O nome do suspeito não foi informado pelos policiais. O suspeito havia ido para estado do Rio de Janeiro após o crime e, nesta terça-feira (10), foi preso quando retornava. Após investigação e solicitação da polícia civil junto ao poder judiciário, o mandado de prisão temporária foi expedido pela justiça.   A prisão foi realizada no município de Mogi Guaçu, próximo a churrascaria Chimarrão. O homem passou por exame de corpo de delito e foi conduzido à delegacia de polícia em Mogi Guaçu, onde foi interrogado. O suspeito preferiu permanecer em silêncio, dizendo apenas que não cometeu o homicídi

Homem de 40 anos comete suicídio no dia de natal em Conchal

  Um homem de 40 anos de idade, foi encontrado morto em sua residência, localizada no bairro Vivaldini, em Conchal (SP), na noite do dia 25/12. De acordo com as informações registradas no boletim de ocorrência, a vítima teria participado de uma festa de confraternização na casa de familiares horas antes de ir para a própria casa e tirar a própria vida. O homem utilizou uma corda para se enforcar. Segundo consta nos registros, familiares afirmaram que a vítima não apresentava histórico depressão, e não tinha nenhuma situação aparente para tal ato. A polícia militar foi acionada para atender a ocorrência. A polícia cientifica também esteve no local. O corpo foi removido e encaminhado pela funerária São Bento, ao IML do município de Limeira. A polícia investiga o caso.