Tráfico de crianças é registrado na rodovia Fernão Dias





Durante patrulhamento na rodovia Fernão Dias, Policiais Rodoviários Federais abordaram e deram sinal de parada para um carro nesta quinta-feira (21), na altura do Km 65 Mairiporã (SP).

Os policiais viram duas crianças com aproximadamente 30 dias de vida e outra de três anos sendo transportadas no colo, sem cinto de segurança. No carro havia três homens, sendo o condutor do veículo e outros dois passageiros.

Dois dos homens disseram ser pais das crianças recém – nascidas mas, devido contradições sobre a onde estaria as mães, falta de informações sobre elas e também falta dos documentos das crianças, eles foram detidos e aplicadas medidas de proteção a criança.

As mães das crianças foram localizadas, disseram que vivem em um prostíbulo e haviam vendido as crianças.

As mulheres serão acusadas pelo artigo 238 do ECA por entrega de filho a terceiro mediante recompensa, abandono de incapaz, artigo 133, rufianismo, 230 e adoção brasileira, artigo 242 do Código Penal.

As crianças agora, serão entregues ao cuidados do Conselho Tutelar de Mairiporã.

Fonte: Beto Ribeiro Repórter






Comentários

Não Perca Tempo! Venha para os Cursos 24 horas

Leia também...

Menino de 11 anos é assaltado enquanto trabalhava vendendo doces na rua

Homem é picado por escorpião em cinema de shopping: ‘’Desmaiei de tanta dor’’

Grave acidente entre Van e ônibus do TCA é registrado na Rodovia Anhanguera em Araras, SP

Governo dispensa 287 tipos de empresas de alvarás de funcionamento

Foragido tenta forjar morte com manchas falsas de sangue na camisa para despistar a polícia

Cansado de apanhar homem rouba loja para ser preso e fugir da esposa

Governo publica novas regras para obtenção de CNH: simulador facultativo e menor tempo de aulas

Homem parecido com sogro de ator morto sofre ameaças na internet

Cachorros não gostam de quem não gosta dos seus donos e enxergam o que não vemos

Posto de Combustível dá casinha e roupas de frio para cães de rua

Todas as Publicações

Mostrar mais